Honda chega a 4 milhões de motos flex produzidas no Brasil

Marco reforça o pioneirismo e comprometimento ambiental da fabricante – Seis anos após ser responsável pela produção da primeira motocicleta bicombustível do mundo, a Moto Honda da Amazônia comemora nesta quarta-feira, 18 de março, a produção da moto flex de número 4 milhões na sua fábrica de Manaus (AM). O marco foi protagonizado por uma CG 150 FAN.

Desde 2009, quando foi pioneira ao lançar uma motocicleta com tecnologia movida a etanol (álcool), gasolina ou com a mistura de ambos, a Honda vem ampliando ano a ano a sua linha de bicombustíveis. Atualmente já são oito modelos flex: CG 150 Start, CG 150 Fan, CG 150 Titan, CG 150 Cargo, NXR 160 Bros, Biz 125, CB 300R e XRE 300, que, juntos, representam aproximadamente 65% das vendas da empresa.

Presente também na linha de automóveis, o conceito “FlexOne” foi adotado pela fabricante para representar seu empenho em inovação para mobilidade sustentável, aliando alta performance com baixo consumo de combustível e emissão de poluentes para todas as gerações de produtos.

- Publicidade - Cursos Mecânica Online®