quinta-feira , 23 março 2017
ACELERANDO
Capa » Destaque » Novo 308 atualiza design, mais completo de série e opção de motor THP, agora flex, de 173 CV com injeção direta e turbocompressor
Novo 308 atualiza design, mais completo de série e opção de motor THP, agora flex, de 173 CV com injeção direta e turbocompressor

Novo 308 atualiza design, mais completo de série e opção de motor THP, agora flex, de 173 CV com injeção direta e turbocompressor

Primeira versão oferecida já inclui teto panorâmico, ar-condicionado Bi-Zone, nova central multimídia com Mirror Link e Link MyPeugeot, alarme, sensor de estacionamento, seis airbags, regulador e limitador de velocidade e luzes diurnas em LED, entre outros – A Peugeot sempre buscou oferecer veículos além dos concorrentes nos aspectos de itens de série e também de rendimento mecânico. Enquanto a motorização 1.0 litro era a bola da vez, a marca investiu na motorização 1.4 que combinava economia e dinamismo ao seu modelo de entrada, 206.

Itens de série sempre foram bons diferenciais e muitas vezes, modelo como o 206, por exemplo, era mais completo que veículos oferecidos em segmentos superiores.

Essa essência da Peugeot é ainda melhor quando vamos para segmentos superiores. E o Novo 308 sintetiza bem essa imagem formada pela marca francesa no Brasil.

O modelo chega alinhado com a estratégia de reposicionamento da marca no país e renovação de sua gama de produtos, passando por uma evolução integral de seu projeto, com destaque para o design, em linha com a nova identidade visual da marca no mundo, a lista de equipamentos de série mais completa da categoria e ampla oferta de motorização.

O Mecânica Online marcou presença no evento de lançamento do Novo 308 e tivemos a oportunidade de realizar as primeiras impressões com as versões 308 Allure 1.6 Flex Manual e a topo da gama, 308 Griffe THP.

Você pode conferir a primeira matéria relacionada com o lançamento do modelo clicando aqui

A primeira impressão é que o 308 ficou mais estiloso ao incorporar a nova identidade da marca. O leão saiu do capô e voltou para a grade frontal, que agora é nova e combina com o alongamento do capô.

Os faróis contribuem de forma importante para essa nova personalidade do modelo. Afilados, eles tiveram o interior retrabalhado com estilo mais refinado, conferindo um caráter ainda mais expressivo, tecnológico e singular.

As luzes diurnas em LED, já características nos veículos da Marca, melhoram a segurança e trazem uma assinatura luminosa marcante ao novo 308, que conta ainda com conjunto ótico com máscara negra, que confere mais dinamismo à dianteira.

A frente também integra um novo para-choque, que possui na área inferior uma grade em acabamento preto que atravessa todo o veículo para destacar sutilmente sua largura. A peça abriga as luzes diurnas em LED e os faróis de neblina, ambos itens de série desde a primeira versão.

A esportividade sempre foi uma característica do 308. Lateralmente destaque para as novas rodas de 17 polegadas. De grande diâmetro e multi-raios, seu aspecto bicolor é reforçado pelos aros diamantados no modelo topo de gama (Griffe).

Para finalizar encontramos na parte traseira as “garras do leão” na iluminação em LED das novas lanternas.

Ao entrar no 308 rapidamente encontramos as melhorias que a Peugeot oferece ao modelo.

O 308 conta com um novo volante revestido em couro, que relembra o 206, por seu tamanho, relativamente grande, enquanto no 2008 e no 208 adotou volantes menores.

A coluna de direção possui regulagem de altura e profundidade, o que facilita encontrar a melhor posição na hora da condução. Conta também com comando do rádio, que integra ainda o limitador e o regulador de velocidade.

A ampla lista de comodidades avança para o acionamento automático dos faróis e do limpador do para-brisa, computador de bordo, retrovisores externos elétricos, vidros elétricos sequenciais com sistema anti-esmagamento e sensor de estacionamento traseiro, entre outros. Câmera de ré e sensor de estacionamento dianteiro são itens de série para a versão Griffe.

Encanto – A arquitetura semi-alta do 308 combinada ao painel de instrumentos com forte inclinação proporciona uma ampla visibilidade externa. Esse atributo amplia a dimensão generosa do interior.

Atrás, os passageiros desfrutam de um habitáculo de grande luminosidade, reforçado pelo teto panorâmico de vidro.

O equipamento, de 0,83 m2 de área, aumenta a superfície envidraçada do modelo para 4,86 m2, e garante ótima luminosidade interna. A entrada de luz no interior do novo 308 pode ser regulada pelo acionamento elétrico da cortina do teto.

Não há como negar o encantamento do teto panorâmico de vidro. Com certeza seu carro será diferenciado e rodando por exemplo, em cidades como o Recife, que tem um lindo céu azul, vai ficar ainda mais legal acelerar o Novo 308.

Além do estilo e do conforto, o novo 308 dispõe de vasta tecnologia que se reflete em uma ampla lista de equipamentos, como a nova central multimídia com tela sensível ao toque de sete polegadas. Ela integra uma série de funções, tais como:

Rádio AM/FM com memória;
Leitor de MP3 e fotos;
Conexão para USB/iPod, entrada auxiliar e Bluetooth® para chamadas (quando o usuário dispõe de um telefone com esta característica), que transporta o catálogo de endereços do celular para a tela;
Audiostreaming, que permite ao usuário ouvir músicas registradas no celular ou em um aparelho MP3 sem necessidade de cabo;
Computador de bordo com ajustes do veículo
Função Jukebox: 16 GB de memória interna para armazenar a seleção de músicas em MP3;
Indicações dos sensores de estacionamento e câmera de ré integrada (versão Griffe);
Navegação por GPS com mapas da América Latina (versão Griffe);
Tecnologia: MIRROR LINK E CARPLAY;
Link MY PEUGEOT.

Duas dessas funções merecem especial destaque.

O Mirror Link permite o espelhamento do smartphone na tela do veículo. Suas vantagens são as seguintes:

Integração e modernidade: respeito ao estilo;

Segurança: visibilidade e ergonomia preservadas, com aplicações disponíveis certificadas para utilização compatível da condução, com dois níveis de informação para o veículo parado ou em movimento;

Simplicidade: exibição e controle das aplicações compatíveis a partir da tela sensível ao toque;

Compatibilidade assegurada por duas soluções:

MirrorLink – smartphones e Apps compatíveis (Sony, Samsung, etc.): https://cert.mirrorlink.com/ProductListing/;

CarPlay (iPhone 5 ou superior): smartphones e Apps compatíveis: https://www.apple.com/ios/carplay/;

Controle: utilização do mesmo pacote de dados do cliente sem custo adicional de uma segunda assinatura mensal.

A outra função é o Link MyPEUGEOT. Trata-se de um aplicativo gratuito para smartphones, disponível tanto para Android quanto para IOS, no qual é possível monitorar o consumo de combustível, continuar a navegação depois de estacionar o carro e localizar onde o veículo foi estacionado, entre outros.

Vamos ao que interessa? Como anda a versão 308 Allure 1.6 Flex Manual? Faz parte da rotina dirigir os principais lançamentos nacionais, mas sempre existem características marcantes de cada modelo ou mesmo fabricante. Como a Peugeot, além de modelos que chegam bem completos, a dinâmica de seus motores sempre chamou atenção.

Mas quando a marca realizou a alteração anterior do 308, o sentimento da versão 1.6 Flex é que o motor tinha ficado ajustado para menos. Explico. Existem veículos que os motores sobram, tipo o Up! 1.0 Flex TSI da Volkswagen, que poderíamos classificar como ajustado para mais.

Em outros observamos que a motorização é justa, nem mais, nem menos. Quer um exemplo? Honda HR-V. A motorização é adequada para as necessidades de desempenho do modelo, mas não sobra.

Já o Novo 308 com motorização 1.6 voltou a trazer o “sabor” de dinâmica que já foi sua marca. Parece que ficou mais leve e o sentimento é que o carro voltou a ficar esperto, procurando o caminho mais rápido e não o mais curto, entendeu?

Essa moderna motorização EC5 (1.6L 16V FlexStart) dispõe de sistema que elimina o reservatório de gasolina para realizar a partida a frio. O propulsor, de classificação “A” no programa de etiquetagem do INMETRO, desenvolve 122 CV de potência a 5.800 rpm quando abastecido com etanol, e torque máximo de 16,4 kgfm a 4.000 rpm. Ao utilizar gasolina, a potência é de 115 CV a 6.000 rpm e 15,5 kgfm de torque.

Esse motor traz uma série de evoluções com o objetivo de reduzir o atrito no motor e, por consequência, o desperdício de energia, que, associada ao aumento na taxa de compressão para 12:5, permite otimização do consumo e ampliação da potência.

O propulsor é acoplado a uma caixa manual de cinco velocidades. Para auxiliar o condutor na redução do consumo de combustível, o EC5 dispõe do sistema GSI (Gear Shift Indicator), que indica no painel de instrumentos a marcha mais adequada de acordo com a rotação do motor.

Primeiras impressões do topo da gama, 308 Griffe THP – Nada mal encontrar uma motorização flex, turbo, que produz 173 cavalos de potência no 308.

Entre as alterações necessárias para a transformação do THP a gasolina – amplamente utilizado na gama PEUGEOT – em bicombustível está o remapeamento do calculador (central de gerenciamento eletrônico do motor). A nova calibração foi desenvolvida especialmente para atender às condições brasileiras e a preferência dos consumidores por motores que ofereçam boas retomadas de velocidade.

A injeção direta e a utilização de uma bomba de alta pressão de 200 bar possibilitaram dispensar sistemas adicionais de aquecimento de combustível para a partida a frio. A taxa de compressão foi alterada de 10,5:1 para 10,2:1, atendendo plenamente aos novos parâmetros de funcionamento do motor.

A presença de um novo sensor, de etanol, assegura a perfeita leitura do combustível utilizado para que o sistema desenvolva a estratégia adaptada às condições de rodagem. Outro destaque é a utilização de uma bomba de combustível pilotada, que se adapta às condições de utilização do motor, melhorando o desempenho e consumo.

O resultado de toda essa tecnologia embarcada no motor é uma potência máxima de 173 CV a 6.000 rpm quando abastecido com etanol. O torque máximo, de 24,5 kgfm, já aparece a 1.400 rpm, permanecendo constante até 4.000 rpm. Esta característica garante grande prazer ao dirigir, com retomadas ágeis e potentes, principalmente pelo fato de 16 kgfm já estarem disponíveis logo a 1.000 rpm.

Associado ao motor THP Flex, a PEUGEOT passa a disponibilizar a nova transmissão automática EAT6, que introduz a função “ECO”. Ao mudar o mapeamento do motor e as leis de passagens de marcha, a caixa prioriza a economia no consumo de combustível, que chegou a até 7% em uso urbano.

As modificações realizadas também permitiram melhorar a dirigibilidade do conjunto motor/câmbio. As relações de marcha do câmbio foram alongadas em 11%, a cartografia do acelerador foi suavizada – para priorizar a redução do consumo de combustível – a atuação do freio motor foi reduzida, a estratégia de travamento das marchas sobre piso plano foi otimizada e, por fim, foi implantada a função RDT (Redução de Tração), que diminui as vibrações em marcha lenta quando a transmissão se encontra na posição Drive. A função RDT reduz também o consumo de combustível em uso urbano até 1%.

O comportamento é muito bom. É acelerar que o modelo responde com vigor e literalmente, não tem tempo ruim.

Na versão intermediária (Allure Automática), o novo Peugeot 308 é equipado com o motor 2.0L 16V VVT Flex. O propulsor de quatro cilindros e duplo comando de válvulas, com cilindrada de 1.997 cm3, é compacto, de liga leve e gera potência máxima de 151 CV a 6.000 rpm quando abastecido com etanol (143 CV a gasolina). O torque máximo alcança 22 mkgf a 4.000 rpm, também abastecido com etanol (20 mkgf a 4.000 rpm no caso da gasolina). Esse conjunto é associado à caixa automática de seis velocidades AT6II, de segunda geração.

Confira a lista de equipamentos de série completa presente na gama do novo Peugeot 308:

1.6 Allure manual – R$ 69.900 (R$ 4 mil a mais do que na linha anterior) : Ar-condicionado de duas zonas, direção eletro-hidráulica, tela multifuncional sensível ao toque com Apple CarPlay, revestimento parcial de couro, banco do motorista com ajuste de altura manual, computador de bordo, teto panorâmico, sensores de chuva, ré e crepuscular, volante multifuncional com regulagem de altura e profundidade, retrovisores elétricos, faróis de neblina, regulador e limitador de velocidade. O pacote de itens de segurança conta com seis airbags, sistema Isofix e freios a disco. As rodas têm 17 polegadas.

2.0 Allure automática – R$ 75.900 (R$ 1 mil a mais do que na linha anterior): Conta com todos os itens da versão 1.6 Allure manual e adiciona apenas controle de estabilidade (ESP).

1.6 THP Griffe – R$ 82.900 (R$ 1 mil a mais do que na linha anterior): Conta com os mesmos itens da versão 2.0 Allure automática e adiciona sensor de estacionamento dianteiro, câmera de ré, GPS, bancos de couro perfurado e rodas diamantadas.

Sobre Tarcisio Dias

Tarcisio Dias
Gerente de conteúdo do Mecânica Online®, Tarcisio Dias é responsável também pela área de cursos e CDs interativos. Possui formação em engenharia Mecânica com habilitação em Mecatrônica pela Universidade de Pernambuco, formação técnica em mecânica pela Escola Técnica Federal de Pernambuco (CEFET/PE) e profissional em Mecânica Automotiva de Motores Diesel no Centro de Formação Profissional de Jaboatão dos Guararapes – RFFSA acordo SENAI. Também possui formação como Radialista – Locutor/entrevistador.