“Push to Pass”, o plano de desempenho e de crescimento orgânico rentável

Com investimentos em P&D controlados e uma rigorosa gestão dos custos de produção e dos custos fixos, este plano eleva o nível de desempenho estrutural do Grupo PSA ao fixar os seguintes objetivos:

  • Uma margem operacional corrente média de 4% para a divisão Automotiva no período 2016-2018 e uma meta de 6% para 2021.
  • Um crescimento de 10% do faturamento do Grupo entre 2015 e 20181, visando 15% suplementares até 20211.

Para atingir esses objetivos, a empresa aposta na evolução do seu modelo econômico e na criação de valor ao otimizar a exploração da sua base atual de clientes e ampliá-la graças à digitalização, a ofertas multimarcas no pós-venda, leasing, veículos seminovos, serviços de mobilidade e de gestão de frotas.

Investimentos específicos em capital de risco contribuirão para desenvolver o portfólio de soluções de mobilidade.

O desenvolvimento das marcas Peugeot, Citroën e DS, fortes e diferenciadas, se apoiará em:

  • Um altíssimo nível de qualidade dos produtos e serviços, base da política de fixação dos preços (pricing power) das marcas.
  • Um plano de produtos ofensivo, com 26 veículos particulares e 8 veículos utilitários, incluindo uma picape de 1 tonelada, permitindo o lançamento de “um novo veículo por região, por marca, por ano”.
  • Uma estratégia tecnológica rica e pertinente, com o lançamento de 7 veículos híbridos recarregáveis e 4 veículos elétricos e a implementação do programa de veículos conectados e autônomos.

Com este plano, o Grupo garantirá um crescimento rentável em todas as regiões onde está presente.

O “Push to Pass” constitui uma primeira etapa rumo à visão do Grupo PSA: “Uma montadora de automóveis mundial na ponta da eficiência, fornecedora de serviços de mobilidade de referência”.

A PSA também anuncia a adoção de uma política de dividendos com um “payout ratio” de 25% a partir do exercício de 2016.

Por ocasião da apresentação do Plano “Push to Pass”, Carlos Tavares, Presidente Mundial do Grupo PSA, declarou : “Baseados em fundamentos revigorados, vamos lançar uma ofensiva mundial em termos de produtos e tecnologia.

Graças a uma maior agilidade, estamos preparados para mudar o paradigma e antecipar as mutações do uso do automóvel. Nossa transformação digital fará do Grupo PSA  uma empresa conectada com os seus clientes. Com o Plano “Push to Pass”,  vamos assegurar o crescimento orgânico rentável da PSA”.

  1. Com taxa de câmbio constante (2015)

A apresentação “Push to Pass” está disponível em:

www.psa-peugeot-citroen.com/fr/finance/publications-financieres

- Publicidade - Mercedes-Benz