BMW i8 vira obra de arte assinada pelo renomado pintor e escultor alemão Thomas Scheibitz

O esportivo híbrido i8 é o mais novo automóvel BMW a ser alçado ao status de obra de arte.

E o responsável por este feito é o renomado pintor e escultor alemão Thomas Scheibitz, que usou o BMW i8 de seu amigo de longa data Bernd Heusinger como tela de pintura.

Conhecido por criar novas combinações ao utilizar pinturas e esculturas coloridas entre suas referências, Scheibitz aplicou no veículo esquemas de cores na forma de elementos estilísticos, criando uma categoria de imagens que se encaixam perfeitamente nas formas da carroceria.

Além desta característica, o artista usou o fluxo dinâmico das linhas externas do i8 para realçar a superfície de contornos futuristas do esportivo.

Ele realça esta ideia criando um diálogo visual entre a inovadora estrutura de carbono do cupê híbrido com a textura da tela de pintura.

Originalmente, a intenção de criar uma escultura sobre rodas se baseou em uma pintura em pequena escala concebida por Scheibitz em 2017.

Fragmentos digitalizados e ampliados desta mesma obra podem ser vistos, agora, em vários contextos sobre a carroceria do BMW i8.

O esportivo híbrido está em exposição, desde o último dia 18, na galeria do artista situada em Berlim, na Alemanha.

- Publicidade - Mercedes-Benz