Presidente da FCA, Antonio Filosa, recebe título de Cidadão Honorário de Minas Gerais

O presidente da Fiat Chrysler Automóveis (FCA) para a América Latina, Antonio Filosa, recebeu ontem, 16 de julho, o título de Cidadão Honorário do Estado de Minas Gerais, outorgado pela Assembleia Legislativa do Estado.

A concessão do título foi proposta pelo presidente da Casa, deputado Agostinho Patrus.

Engenheiro de 46 anos de idade, Filosa nasceu na região de Nápoles, Itália, e desenvolveu sua carreira naquele país e também nos Estados Unidos, Espanha e Argentina.

Em 2005 chegou a Minas Gerais para uma missão profissional que deveria estender-se por oito meses.

“Mas a história se desenrolou de modo diferente. Fiquei muito à vontade em Minas e no Brasil e minha presença se prolongou de modo natural. Me identifiquei de imediato com o jeito de ser do mineiro”, afirmou Filosa ao agradecer durante a solenidade de entrega do título. Ele é casado com uma mineira e seu filho nasceu em Belo Horizonte.

Filosa compartilhou o título com os colaboradores da FCA e destacou que a empresa está investindo R$ 8,5 bilhões no Polo Automotivo Fiat em Betim (MG) até 2024.

“A decisão do acionista e do comando global do grupo de investir em Minas Gerais reflete o reconhecimento ao trabalho que todo o time vem executando”, disse.

“Os investimentos colocarão em movimento toda a imensa cadeia de valor que se constrói em torno da indústria automotiva. Estou certo de que, com nosso trabalho, damos uma contribuição para a superação das dificuldades conjunturais e transitórias que o Estado e o País atravessam”, acrescentou.

Neste ano, Antonio Filosa também recebeu outros importantes reconhecimentos, como o prêmio Executivo de Valor e a comenda de Cavalheiro da Ordem da Estrela da Itália (Onorificenza di Cavaliere dell’Ordine della  Stella d’Italia).

- Publicidade - Mercedes-Benz