Pneu para uso misto será lançado na Fenatran 2019

O pneu Conti HAC 3 para aplicação no segmento misto de média e alta severidade é um dos destaques da participação da Continental, fabricante de pneus com tecnologia alemã, na Fenatran 2019, que será realizada de 14 a 18 de outubro no pavilhão de exposições São Paulo Expo.

O novo modelo, que poderá ser testado na pista do Lounge Drive Experience, tem avançadas tecnologias que permitem a entrega de uma quilometragem superior em até 20% e uma resistência ao picotamento 17% melhor em relação à ofertada pelo seu antecessor.

O Conti HAC 3 foi especialmente desenvolvido para equipar veículos que operam tanto no asfalto como em terrenos pedregosos, rochosos ou lamacentos (dentro e fora de estrada) como, por exemplo, no transporte de cana-de-açúcar, madeira, minérios e na construção civil.

Seu alto rendimento quilométrico, maior resistência a cortes e picotamentos resultam do composto especial utilizado em sua fabricação e do desenho com três sulcos de sua banda de rodagem.

Aliás, a banda de rodagem do Conti HAC 3 foi totalmente desenvolvida para proporcionar o melhor desempenho em terrenos mistos de alta severidade. Por isso, inclui sulcos mais largos e ranhuras mais robustas para melhorar a tração, além de tecnologia para expulsão de pedras para evitar eventuais danos à carcaça.

Outra tecnologia presente no Conti HAC 3 é o Air Keep Inner LinerTM, que alia a utilização de um novo composto no inner liner (parte interna do pneu) a um inovador sistema de vulcanização, possibilitando uma retenção até 50% mais eficiente da pressão de ar interna.

A redução na deformação da carcaça também colabora para diminuir a resistência do pneu ao rolamento, proporcionando expressivos reflexos na economia de combustível e na menor emissão de CO₂ na atmosfera.

Um pacote de cintas de aço à prova de cortes e um talão reforçado conferem ao Conti HAC 3 uma grande resistência, impedindo o desgaste irregular e ampliando a tração por meio da rigidez estrutural. Eles também protegem a carcaça e evitam a sua perfuração, aumentando a sua vida útil e contribuindo para uma maior recapabilidade do pneu.

“A Continental Pneus tem direcionado seus esforços em conjunto com o time de pesquisa da Alemanha para desenvolver produtos com tecnologias capazes de ofertar o melhor nível de performance para cada tipo de aplicação, pois o nosso objetivo principal é proporcionar aos nossos clientes o menor custo operacional total. E os que atuam no segmento misto de média e alta severidade encontram isso na robustez do Conti HAC 3, um pneu que oferece alta quilometragem, baixo nível de picotamento e um maior índice de recapabilidade”, explica Rodrigo Bonilha, gerente-executivo de vendas de pneus de carga da Continental Pneus Brasil.

Fabricado na planta da Continental Pneus em Camaçari, na Bahia, o Conti HAC 3 é um produto all position, ou seja, pode ser aplicado nos eixos dianteiro, livre ou até mesmo em tração moderada.

Disponível na medida 295/80R22.5, ele conta com a proteção adicional da garantia de sete anos contra defeitos de fabricação oferecida pela marca. Para conhecer mais sobre a linha de pneus de carga da Continental visite www.conti.com.br/truck

BANDAS DE RODAGEM NACIONALIZADAS E SOLUÇÕES DIGITAIS – Quem visitar o Lounge Drive Experience poderá conhecer também o portfólio de bandas de rodagem ContiTread™ da Continental.

Produzidas no Brasil, elas estão disponíveis em treze diferentes desenhos e em diversas larguras para aplicação nas principais medidas de pneus dos segmentos de longa distância, regional, urbano e misto.

A fabricante de pneus alemã também apresentará na Fenatran 2019 suas soluções de monitoramento digital: pneus inteligentes com sensores TPMS e o Conti Yard Reader.

Instalados na parte interna do pneu, os sensores são capazes de gerar informação de pressão e temperatura, ajudando a garantir que os pneus rodem sempre com a pressão correta, prolongando sua vida útil, reduzindo o consumo de combustível e, consequentemente, as emissões de CO₂ na atmosfera.

Já o Conti Yard Reader realiza a leitura e o envio dos dados dos pneus que equipam ônibus, caminhões e reboques assim que eles retornam para garagem ou pátio da frota.

Flexível, ele coleta, a partir de um ponto de leitura fixo, os dados de pressão e temperatura dos pneus em um raio de aproximadamente 20 metros.

Os dados são encaminhados a um portal digital que pode ser acessado via computador ou celular, onde estão disponíveis os históricos de leitura e relatórios gerenciais.

- Publicidade - Mercedes-Benz