Projeto da Fundação Volkswagen é finalista em premiação internacional

O projeto Brincar – iniciativa da Fundação Volkswagen voltada à inclusão de crianças com deficiência na Educação Infantil e realizada em parceria com a organização social Mais Diferenças e a Secretaria Municipal de Educação de São Paulo (SP) – é finalista do prêmio Zero Project, da instituição austríaca Essl Foundation.

O objetivo é reconhecer globalmente soluções inovadoras voltadas aos direitos das pessoas com deficiência.

O projeto Brincar, da Fundação VW, dedica-se à inclusão de crianças na educação infantil
Na edição de 2019, foram inicialmente nomeados 469 projetos de diversos países. Desse total, 193 práticas e políticas públicas foram classificadas para a final (sendo somente seis brasileiras) e 85 serão reconhecidas.

O resultado está previsto para outubro e os vencedores serão convidados a apresentar suas iniciativas na Zero Project Conference 2020, no escritório da ONU em Viena, Áustria.

Além do Brincar, dois projetos do Instituto Rodrigo Mendes (outro parceiro da Fundação na causa da inclusão) também foram indicados.

Um deles é a plataforma de boas práticas de educação inclusiva DIVERSA, que contém casos e materiais oriundos do DIVERSA Presencial, iniciativa do mesmo instituto que conta com apoio da FVW.

- Publicidade - Mercedes-Benz