Primeiros biarticulados Scania com transmissão automática Allison agradam em Curitiba

Desde meados de 2019, seis Scania biarticulados estão rodando pela capital do Estado de Curitiba equipados com transmissões totalmente automáticas Allison.

A Viação Cidade Sorriso, uma das operadoras do sistema urbano de Curitiba, foi quem adquiriu essas primeiras unidades, quebrando o monopólio que dominava o mercado na cidade.

O novo projeto foi viabilizado pela iniciativa do presidente do grupo, Maurício Gulin, que acreditou nos bons resultados que poderiam resultar dessa parceria e, junto com a equipe da empresa, aceitou os argumentos de mudança propostos pela Scania.

Os biarticulados Scania, que medem 27 metros e têm capacidade para 250 passageiros, são os primeiros vendidos pela marca no Brasil e fazem parte da renovação da frota da capital paranaense.

Durante um longo período de avaliação pré-operação, e rodando nas mesmas linhas que os modelos concorrentes — quando eles oficialmente entraram em atividade na capital do Paraná —, a Viação Cidade Sorriso constatou que os benefícios dos novos veículos se estenderiam também para a população, já que passaram a ter à sua disposição um veículo mais moderno e mais confortável.

“A chegada de uma nova opção para o mercado de Curitiba nos traz a flexibilidade de escolha, o que é benéfico para a empresa e para os usuários. E o mais interessante dessa parceria entre Scania/Allison é que realmente temos confiança de que esse está sendo apenas o início de um projeto de grande sucesso”, afirma Alaor Morais, diretor de Operações da Viação Cidade Sorriso.

A Viação Cidade Sorriso trabalha com a Allison há mais de 30 anos, e confia plenamente nessa nova iniciativa entre Scania e Allison.

Segundo a empresa, uma das vantagens dos ônibus biarticulados Scania é facilidade de acesso mecânico ao motor dianteiro.

O biarticulado segue o padrão exigente da Urbanização de Curitiba S/A(Urbs), tem carroceria Caio, motor de 360 cv e torque de 1.850 Nm.

O propulsor, localizado na parte frontal do veículo, privilegia o salão de passageiros, de forma a permitir melhor acessibilidade entre os três vagões do veículo.

A transmissão automática Allison B516R™ de seis marchas, com retardador, é compatível com o alto torque do motor, de fácil manutenção e baixo custo operacional.

Sua arquitetura inteligente, seleciona os momentos ideais das trocas das marchas, garante maiores velocidades médias e menores tempos de percurso. O veículo tem configuração 8×2 e 43,5 toneladas de capacidade de carga.

Os novos biarticulados Scania estão rodando no Eixo Norte-Sul — Linha Santa Cândida/Capão Raso.

A previsão de passageiros transportados deverá chegar a 90 mil/dia e, em média, deverão rodar 10 horas/dia. Como se trata de uma renovação de frota, os novos ônibus estão substituindo modelos que estão em final de vida útil.

“Nessa fase inicial de operação, os biarticulados rodarão, em média, em torno de 5.500 quilômetros/mês, mas ainda estamos em um momento de adaptação. Se necessário, eventuais ajustes de utilização, que são inerentes a qualquer novo produto que entra em operação serão feitos, mas temos certeza de que serão bem-sucedidos”, explica Morais.

- Publicidade - Mercedes-Benz