Volkswagen incentiva formação universitária de seus operários

Cento e setenta e três empregados da fábrica Anchieta da Volkswagen, em São Bernardo do Campo (SP), recebem este mês o diploma do curso superior de Tecnologia em Processos de Produção.

Esses empregados fazem parte da primeira turma beneficiada pelo convênio inédito de educação corporativa firmado entre a montadora e o Centro Universitário de Santo André (Uni-A), em fevereiro do ano 2000.

Pelo convênio, a escola estabeleceu horários flexíveis para que os empregados que trabalham na linha de produção em sistema de revezamento por turnos pudessem frequentar a universidade.

O curso oferece disciplinas como robótica, meio ambiente, logística e relações humanas.

Em contrapartida, a Volkswagen fornece informações e recursos necessários para adequar o currículo aos objetivos práticos de formação de seus empregados.

A parceria prevê, ainda, descontos para empregados e familiares que se matriculam em qualquer curso do Uni-A.

Segundo o vice-presidente de recursos humanos da Volkswagen do Brasil e patrono da turma, João Rached, o curso proporcionou uma real oportunidade de capacitação e melhoria para montadores e média liderança das linhas de produção da fábrica Anchieta, além de prepará-los para aproveitar os avanços tecnológicos.

“Muitos participantes, que possuiam apenas o conhecimento prático, passaram a entender questões teóricas”, afirma.

Vantagens – Entre os formandos está José Roberto Nogueira da Silva, o Bigodinho, ferramenteiro e membro da comissão de fábrica.

Para ele o curso ampliou seus horizontes profissional e pessoal.

“Além do conhecimento técnico, aprendemos a aperfeiçoar o relacionamento interpessoal”, declara. Para o empregado, outra vantagem do curso é a flexibilidade de horário que possibilita aos operários em regime de revezamento ter acesso a um curso de graduação.

“Muitos trabalhadores não poderiam frequentar a universidade sem esse convênio”, completa.

- Publicidade - Cursos Mecânica Online®