Recall: RAV4 apresenta problema no airbag

O Procon-SP orienta os consumidores sobre seus direitos, no que diz respeito ao recall dos veículos RAV4. A Toyota do Brasil deverá apresentar os esclarecimentos que se fizerem necessários, conforme determina o Código de Defesa do Consumidor, inclusive com informações claras e precisas sobre os riscos para o consumidor.

No comunicado a empresa informa que o sistema do airbag do lado do motorista dos veículos envolvidos contém uma peça denominada deflagrador, na qual se constatou a possibilidade de degradação da substância propelente após longos períodos de exposição dos veículos a alta umidade relativa do ar.

A degradação do componente químico contido no deflagrador torna o airbag esquerdo (lado motorista) mais suscetível de romper-se inadequadamente no caso de colisão do veículo, o que pode provocar a deflagração lenta do airbag ou ainda o rompimento do deflagrador.

Em caso de uma colisão frontal, pode ocorrer a ruptura inadequada do airbag (lado motorista) e, consequentemente, danos materiais e lesões físicas graves ou até mesmo fatais ao motorista e demais ocupantes do veículo.

Veículos envolvidos:

Para informações adicionais, consulte S.A.C. Toyota 0800 703 0206 ou o site www.toyota.com.br/servicos/recall/

- Publicidade - Cursos Mecânica Online®