Corolla 2020 estreia novo propulsor 2.0 com 177 cv

Uma das grandes novidades na linha Corolla 2020 são seus novos propulsores.

O novo motor a combustão 2.0L Dynamic Force de quatro cilindros em linha e 16 válvulas conta com comando de válvulas variável inteligente VVT-iE que, por meio de um motor elétrico, modifica os tempos de abertura das válvulas de admissão.

Ele ainda vem com um novo sistema de injeção direta e indireta de combustível D-4S que adapta a injeção às condições de direção, oferecendo mais potência e menor consumo de combustível.

Com alta taxa de compressão (13:1) e curso longo, novos pistões de baixa fricção, o novo motor 2.0L Dynamic Force é 15% mais potente e 9% mais eficiente do que o motor da geração anterior. Fabricado na planta de motores da marca, em Porto Feliz (SP), esse é o motor mais potente que já equipou um Corolla.

Sendo assim, temos:
– 2.0L Dynamic Force Dual VVT-iE 16V DOHC de ciclo Atkinson Flex, que rende 177 cv de potência a 6.600 rpm, quando abastecido com etanol, e 169 cv, a 6.600 giros, com gasolina. O torque máximo abastecido com etanol ou gasolina é 21,4 kgfm a 4.400 rpm.

O Novo Corolla 2020 com motor 2.0L Dynamic Force também tem uma inédita transmissão Direct Shift de 10 marchas, que proporciona a suavidade de uma transmissão CVT convencional com uma sensação de aceleração direta.

Para isso, os engenheiros da Toyota acoplaram uma engrenagem mecânica que atua na arrancada do veículo, melhorando a aceleração do veículo em 1ª marcha. O resultado é uma transmissão altamente eficiente em qualquer faixa de velocidade.

Veja também | Sistema híbrido flex faz estreia mundial no Brasil
Nova geração marca lançamento da linha 2020 do Corolla
Saiba o que mudou no visual interno e externo do Corolla 2020
Corolla 2020 estreia novo propulsor 2.0 com 177 cv

- Publicidade - Mercedes-Benz