Pneu conectado reduz a distância da frenagem em 30%

A Goodyear, uma das principais fabricante de pneus do mundo e presente no Brasil há mais de 100 anos, reconhecida em âmbito global pelo caráter inovador dos seus desenvolvimentos, recentemente rodou 3 milhões de quilômetros em estradas com objetivo de realizar estudos de campo com consumidores utilizando pneus conectados.
Equipados com sensores embutidos, os pneus conectados podem “se comunicar” com o veículo e com a estrada e medir as características ideais de condução, ajudando a melhorar o potencial de desempenho e a dirigibilidade do veículo.
Os estudos iniciais mostraram que os pneus conectados da Goodyear podem reduzir a distância das frenagens, tanto em pneus novos como em usados, em até 30%.
Com a evolução dos veículos para carros elétricos ou autônomos, os pneus conectados devem proporcionar uma redução ainda maior, pois haverá uma comunicação entre o veículo e o composto.
O sistema inteligente de pneus conectados da Goodyear mede e registra constantemente as informações dos pneus, que são combinadas com outros dados dos veículos e conectadas aos algoritmos da Goodyear.
Tudo isso utilizando o sistema de nuvens.
Os pneus inteligentes medem, em tempo real, o seu desgaste, carga, pressão e temperatura, bem como as condições da superfície da estrada, permitindo que o veículo se ajuste e encontre uma resposta a essas medições para otimizar seu desempenho.
“Pense em um motorista conduzindo um veículo em uma estrada escorregadia e sinuosa, com temperaturas baixas. O condutor ajusta os comandos, diminuindo a velocidade, acionando os freios ou evitando fazer movimentos bruscas do volante”, disse Chris Helsel, diretor de tecnologia da Goodyear.
“Mas imagine o que aconteceria se ninguém estivesse atrás do volante? O pneu acaba sendo a única parte do volante que toca o chão e que pode comunicar as informações cruciais ao veículo, melhorando, assim, a direção, a segurança e o desempenho”.
Os pneus conectados da Goodyear ainda não estão disponíveis para o mercado, mas testes extensivos continuam sendo realizados com pneus de montadoras, em startups e outros, criando soluções personalizadas para melhorar a experiência de direção dos consumidores.
- Publicidade - Mercedes-Benz