PACCAR Financial encerra primeiro ano de operação no Brasil com mais de R$ 500 milhões em financiamentos

Jumbo, cliente da Holanda, utiliza DAF CF Electric

A PACCAR Financial, empresa financeira ligada à DAF Caminhões, celebra seu primeiro ano de operação no Brasil com resultados além do esperado. A instituição encerrou maio de 2020 com R$ 562 milhões em carteira, e mais de 1.000 unidades financiadas. Isso representa uma participação média nas vendas DAF de 33% no período.

A carteira de crédito do Banco apresentou crescimento constante desde o primeiro mês de operação, em junho de 2019. Em dezembro do ano passado, o montante chegou a R$ 495 milhões, saltando para R$ 562 milhões em maio de 2020, um crescimento de 14% em 5 meses. A expectativa da PACCAR Financial é encerrar dezembro de 2020 com R$ 700 milhões em carteira, um crescimento de 41% em comparação ao mesmo mês de 2019.

“Começamos a operação da PACCAR Financial com um aporte inicial de R$ 100 milhões de reais, que logo já teve que ser ampliado para atender à demanda do mercado nacional. O cliente DAF, rapidamente, entendeu que a PACCAR Financial é um grande aliado para o planejamento financeiro do seu negócio, com condições de crédito para financiamento de caminhões muito competitivas”, acrescenta João Petry, Diretor Geral da PACCAR Financial no Brasil.

Atualmente, o capital social da instituição é de aproximadamente R$ 500 milhões de reais, cinco vezes o valor investido no início do Banco no Brasil. A estrutura da PACCAR Financial também cresceu, com 4 regionais e 35 colaboradores diretos. A sede está localizada em um escritório independente dentro do Parque Industrial da DAF, em Ponta Grossa, no Paraná.

Modalidades de crédito – A PACCAR Financial opera com produtos de CDC (Crédito Direto ao Consumidor) e Floor Plan, esse voltado exclusivamente à Rede de Concessionárias DAF. De junho de 2019 a maio de 2020, 56% das operações do Banco foram de CDC e 44% floorplan. A expectativa é que esta relação seja ampliada, crescendo as operações de varejo nos próximos meses.

Os produtos ligados ao BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), como o Finame, devem começar a ser comercializados em 2021. A instituição também estuda o lançamento de Leasing no próximo ano.

“Com a queda da taxa básica de juros, o CDC vem se mostrando uma modalidade de crédito bastante competitiva frente às linhas do BNDES, o que vem atendendo às necessidades dos nossos clientes. De qualquer maneira, estamos trabalhando para o lançamento do Finame em 2021, ampliando nosso portfólio de produtos, a fim de nos tornarmos ainda mais competitivos no mercado”, acrescenta João Petry.

Taxa de juros e atrasos acima de 30 dias – A sinergia com a fábrica e a solidez da PACCAR Financial no mundo permitiu ao Banco trabalhar com condições especiais para o cliente DAF, aplicando taxas de juros que começam em 0,67% ao mês, em contratos de CDC com prazos de 60 meses (valor praticado em junho de 2020).

A qualidade da carteira da PACCAR Financial é outro aspecto bastante positivo da instituição neste primeiro ano de operação. Os atrasos acima de 30 dias, na média de junho de 2019 a maio de 2020, foram inferiores a 1% da carteira.

“Mesmo diante do cenário econômico abalado pela pandemia, avaliamos que a inadimplência da nossa carteira deve continuar inferior à média do mercado. Investimos bastante em avaliação de risco e mantemos o DNA do grupo de relacionamento com os clientes, que nos possibilita avaliar caso a caso e, se necessário, auxiliar em renegociações de contratos, sem que o cliente precise ficar inadimplente”, avalia o Diretor Geral.

- Publicidade - Mercedes-Benz