domingo, 21 abril , 2024
28 C
Recife

Picape Toro chega para colocar Fiat em novo segmento

Depois do Jeep Renegade, a fábrica da FCA, em Pernambuco, inicia a produção do seu segundo modelo, a picape Toro. Uma picape com dirigibilidade de automóvel. Ou o contrário?
Estamos falando de um novo segmento para o cliente brasileiro. Uma picape maior que as picapes compactas e menor que as médias que tem por base um SUV.

- Publicidade -

Seguindo a mesma onda do Renault Duster Oroch, a picape da Fiat chega oferecendo versões com motores flexível ou diesel, câmbio automático de 6 ou 9 marchas, ou ainda, manual de 6 marchas, para uso urbano ou fora de estrada, com trações 4×2 ou 4×4. Na verdade, a Fiat oferece um modelo bastante completo em versões, itens de série e opcionais.

A capacidade de carga é de até um tonelada e o espaço interno acomoda de forma confortável cinco pessoas.

- Publicidade -

A plataforma do novo modelo é a mesma do Jeep Renegade, que foi ampliada para gerar uma carroceria maior, com caçamba, formando uma reforçada estrutura monobloco. Ela utiliza mais de 85% de materiais nobres, como o aço de alta resistência avançado. E apresenta elevada rigidez torcional e durabilidade, além de excelente capacidade de absorver impactos em caso de acidentes, graças às linhas de deformação programadas.

Novidade no segmento também é a tampa da caçamba bipartida, patenteada pela FCA. Ela tem duas portas que se abrem lateralmente, com a possibilidade de abertura de somente uma delas. Leve e prática, a tampa facilita muito o acesso ao compartimento de cargas ― a grande caçamba (820 litros) pode ganhar opcionalmente ainda mais 405 litros com seu inédito e exclusivo extensor, aumentando o comprimento da caçamba e permitindo maior praticidade.

Internamente temos a sensação de entrar no Jeep Renegade, com manutenção da qualidade boa dos materiais e acabamentos.

- Publicidade -

Detalhes internos como elementos em cromo acetinado, composições de cores e revestimento em couro nos volantes ― trazem a combinação ideal entre força e o conforto do veículo.

O painel do Fiat Toro apresenta desenho moderno, que combina com as linhas ousadas da carroceria, assim como o quadro de instrumentos em TFT 7” colorido, que permite grande integração com o motorista; o volante multifuncional com borboletas para as trocas de marcha; e a Central Multimídia Uconnect Touch NAV 5”.

Os bancos trazem regulagem elétrica na dianteira. O porta-objetos no console é refrigerado, e as laterais do painel têm luzes noturnas.

Quando o assunto é Mecânica Online® começamos com a suspensão dianteira que traz o consagrado sistema McPherson, enquanto na parte traseira temos a sofisticada multilink. Os sistemas são fixados na carroceria por apoios de elementos elásticos especiais, que garantem total isolamento e silêncio para os ocupantes, mesmo em pisos esburacados.

A direção possui assistência elétrica, o que torna fácil a dirigibilidade e situações de manobras.

Em segurança ativa o modelo oferece controles de estabilidade e de tração.

Há a segurança passiva é constituída por linhas de deformação pré-programadas de várias áreas da carroceria (com diferentes tipos de aço), feitas para absorver impactos. Além disso, o Fiat Toro pode contar com até sete air bags: vem de série a proteção para motorista e acompanhante, que podem ser complementados pelos laterais (side bags), de janelas (window bags) e também os de joelhos (knee bags).

Para a segurança das crianças o modelo oferece a fixação das cadeirinhas com o sistema Isofix.

A chave tem formato canivete com telecomando. Basta que ela esteja na mão ou no bolso do motorista para que a entrada e a partida do motor estejam liberadas sem a necessidade da chave.

Além disso, o Toro traz a função Remote Start ― o primeiro carro nacional com esta tecnologia. Ela permite ao motorista ligar o veículo à distância, apenas pressionando o botão na chave.

Até tarefas corriqueiras de manutenção são aperfeiçoadas com a eletrônica, caso do monitoramento da pressão dos pneus, que avisa qualquer irregularidade mesmo com a picape em movimento.

Para sair em uma subida, nem é necessário manter o pé no freio, já que o Hill Holder mantém a picape imóvel até a arrancada. E no fora de estrada existe o auxílio do HDC (Hill Descent Control), que controla eletronicamente a velocidade em descidas íngremes em terrenos acidentados.

São quatro versões – Freedom 1.8 16V Flex Manual de seis marchas que começa em 76.500, passando para a Freedom 2.0 16V Diesel (com câmbio manual de 6 marchas) 4×2 e 4×4 e a top da gama, Volcano 2.0 16V Diesel AT9 4×4 por 116.600. Mais a série especial de lançamento: Opening Edition 1.8 16V Flex AT6. Por 84.400
– Fiat Toro Freedom 1.8 flex (câmbio manual de 6 marchas, 4×2): R$ 76.500
– Fiat Toro Openning Edition 1.8 flex (manual de 6 marchas, 4×2): R$ 84.400
– Fiat Toro Freedom 2.0 diesel (manual de 6 marchas, 4×2): R$ 93.900
– Fiat Toro Freedom 2.0 diesel (manual de 6 marchas, 4×4): R$ 101.900
– Fiat Toro Volcano 2.0 diesel (automático de 9 marchas, 4×4): R$ 116.500

São três anos de garantia de fábrica completa e ainda traz um novo conceito de serviço: o cliente poderá optar pela extensão desta garantia para mais um ou dois anos, desta forma, o veículo poderá ter cobertura até o seu quinto ano de uso.

Outra comodidade que a marca inaugurou com o Fiat Toro é o plano de revisão sob medida, onde o cliente também poderá comprar pacotes de revisões programadas de acordo com o perfil de uso e motorização de seu Fiat Toro. São pacotes de duas a dez revisões para a versão Flex e de duas a cinco revisões para as versões Diesel.

Em customização, a Fiat trouxe mais de 50 opções de acessórios desenvolvidos para o Toro juntamente com a engenharia. Esses itens foram divididos em cinco categorias: Personalização, Segurança, Áudio&Video, Lazer e Conforto.

Outra novidade é o Custom Shop, o Toro é o primeiro modelo da Fiat a usar esse conceito, em que a personalização do veículo é feita ainda na fábrica ― o veículo recebe os acessórios em uma linha de customização e depois retorna aos procedimentos finais de checagem e inspeção antes da entrega do veículo. Com isto, ele ainda estende a garantia de seus acessórios para 3 anos.

Matérias relacionadas

Monte seu Fiat Pulse

Mais recentes

Menos combustível, mais Volvo!

Destaques Mecânica Online

Avaliação MecOn

TRW - Qualidade de topo para máxima segurança