quinta-feira, 22 fevereiro , 2024
28 C
Recife

Renault e Powervault dão “segunda vida” às baterias de veículos elétricos

- Advertisement -

A Renault e a Powervault anunciam uma parceria para dar nova vida às baterias dos veículos elétricos, transformando-os em unidades de armazenagem residencial.

Esta cooperação vai reduzir o custo das baterias inteligentes Powervault em 30%, favorecendo a expansão deste sistema de energia domiciliar que já representa um grande mercado consumidor no Reino Unido.

A Powervault está lançando um teste com 50 unidades, constituídas por baterias em segunda vida fornecidas pela Renault, em residências de clientes já equipados com painéis solares.

- Advertisement -

Este teste vai permitir explorar as performances técnicas da segunda vida das baterias, assim como a reação dos clientes em relação à armazenagem de energia domiciliar, favorecendo a estratégia de expansão para o grande público.

O teste será realizado com clientes da M&S Energy, assim como moradores de conjuntos habitacionais e escolas do sudeste do país.

O Powervault é um sistema inovador de baterias domiciliares, que permite que seus proprietários adotem um modo de vida mais “inteligente” por meio do aumento da capacidade de armazenagem e utilização da energia gerada por seus próprios painéis solares.

- Advertisement -

As unidades Powervault também podem ser carregadas automaticamente, por meio de uma energia de baixo custo, fora dos horários de pico.

Esse sistema constitui a base da tecnologia da casa inteligente, graças à otimização da utilização da energia.

Além de reduzir o custo de produção do sistema Powervault, a utilização de baterias em segunda vida permite otimizar o ciclo de vida das baterias Renault antes que elas sejam recicladas.

Joe Warren, Diretor Geral de Powervault, explicou que “A cooperação que anunciamos hoje com duas marcas reconhecidas – Renault e M&S – é uma etapa importante no caminho para uma adoção global de sistemas de armazenagem de energia domiciliar. Os proprietários e as marcas têm interesse em se beneficiar da revolução da energia inteligente. É apenas uma questão de tempo até que um Powervault se torne um item tão comum nas casas dos britânicos como uma máquina de lavar louças”.

Nicolas Schottey, Diretor do Programa de Baterias e Infraestruturas de Veículos Elétricos da Renault, continuou dizendo que “Graças a essa parceria para armazenagem domiciliar de energia com a Powervault, a Renault dá mais um passo em sua estratégia global com foco na segunda vida das baterias, que já cobre um grande número de usos, desde edifícios industriais até residências. A segunda vida oferece não apenas um período de utilização complementar às baterias dos veículos elétricos antes da reciclagem, mas também permite que os consumidores façam economia. Trata-se de um círculo virtuoso, em que todos ganham, desde os proprietários dos veículos elétricos até os proprietários dos imóveis e, principalmente, o planeta”.

Ocupando a posição de líder do mercado de veículos elétricos na Europa, a Renault contribui para a transição energética, graças à reutilização das baterias dos veículos elétricos na armazenagem de energia estacionária.

As baterias utilizadas nos veículos elétricos geralmente têm uma vida útil de 8 a 10 anos.

Entretanto, elas ainda têm capacidade suficiente para aplicações estacionárias, oferecendo uma vida útil adicional antes de serem recicladas.

Por meio do sistema Powervault, a vida útil complementar das baterias Renault é estimada entre 5 e 10 anos.

Para a segunda vida, as baterias são retiradas dos veículos elétricos e classificadas, para que a Powervault possa transformá-las em baterias menores, para um uso em suas próprias aplicações.

Jonathan Hazeldine, Responsável pela M&S Energy, comentou que “Sabemos que os clientes da M&S compartilham do nosso desejo de cuidar do nosso planeta e construir um futuro sustentável. Para a M&S Energy, o maior impacto que podemos ter é oferecer uma energia responsável e ajudar nossos clientes a utilizá-la da forma mais eficaz possível. Fornecemos uma energia 100% verde desde 2015. Iniciativas como nosso Fundo Comunitário de Energia permitem que as comunidades melhorem a sustentabilidade do meio ambiente e de suas próprias finanças. Com esse teste realizado em conjunto com a Powervault, temos uma excelente oportunidade de ajudar nossos clientes a reduzir seu impacto no meio ambiente e o custo da energia, bem como ajudá-los a compreender como fazemos uma armazenagem inteligente da energia”.

O teste de segunda vida da Powervault vai começar em julho de 2017, com previsão de um ano de duração.

As 50 unidades em teste na Inglaterra serão distribuídas entre as residências de clientes consumidores da M&S Energy, residências na cidade de Hyde, conjuntos habitacionais e escolas do distrito Royal Borough of Greenwich, por meio da Solarcentury.

A M&S Energy entrará em contato com os clientes elegíveis para verificar seu interesse em participar da campanha de testes.

Campanha inovadora de crowdfounding acelera movimento – Nesta semana, a Powervault está lançando uma campanha de financiamento na plataforma Crowdcube de financiamento coletivo, convidando investidores a adquirir uma participação nesta empresa em rápido crescimento.

O objetivo da Powervault é levantar 2,5 milhões de euros em capital (para ter condições de participar do Programa de Investimento Empresarial – EIS – no Reino Unido), a fim de acelerar a expansão geral da Powervault em todo o Reino Unido.

Já existe um mercado consumidor de mais de 800.000 residências1 para produtos de armazenagem de energia domiciliar, em função do grande crescimento no uso de painéis solares no país.

Mas o uso do Powervault vai muito além do uso pelos proprietários de painéis solares, graças à sua capacidade de fazer com que uma residência receba automaticamente a energia vendida pelo melhor preço, o que faz dele um investimento ideal visando a uma expansão no segmento de casas inteligentes, que é já um grande mercado consumidor2.

Por meio da expansão do uso de medidores inteligentes e aplicação de tarifas inteligentes, o Powervault pode tornar 26 milhões de residências britânicas mais inteligentes, independentemente da presença de painéis solares, graças à armazenagem de eletricidade nos horários em que ela é mais barata, que é posteriormente utilizada nos horários em que ela é mais cara.

As baterias de segunda vida fazem parte da estratégia da Powervault com o objetivo de dominar o mercado britânico de armazenagem de energia domiciliar, oferecendo o melhor retorno sobre o investimento para os clientes.

O plano de negócios da Powervault prevê vender 30.000 exemplares até 2020, o que equivale a 15.000 baterias de veículos elétricos.

Estes números podem dobrar se o retorno sobre o investimento durante a utilização destas baterias for comprovado durante o teste.

1 Entre 2010 e 2015, mais de 842.000 painéis solares foram instalados no Reino Unido (DECC – Departamento de Energia e Mudanças Climáticas do Reino Unido, 2015).
2 As vendas de dispositivos de energia inteligente triplicaram desde 2015, devendo chegar a um milhão de unidades em 2018 (Delta Energy & Environment).

Matérias relacionadas

Mais recentes

Destaques Mecânica Online

Avaliação MecOn

Lançamentos