sábado, 20 julho , 2024
28 C
Recife

Stellantis e Samsung SDI formam joint venture para produzir baterias de íon-lítio na América do Norte

Esta joint venture construirá uma das fábricas de baterias de veículos elétricos dedicadas da Stellantis na região

Stellantis N.V. (NYSE / MTA / Euronext Paris: STLA) e Samsung SDI assinaram um memorando de entendimento para a produção de células e módulos de bateria na América do Norte.

A planta, com início de operação previsto para 2025, deverá ter capacidade inicial de produção anual de 23 GWh, com possibilidade de aumento para 40 GWh.

- Publicidade -

“A implementação das plantas de baterias anunciadas nos permitirá ser muito competitivos e nos tornarmos líderes no mercado norte-americano de veículos elétricos”, comentou Carlos Tavares, CEO da Stellantis.

“Nossa estratégia de trabalhar com parceiros renomados nos permitirá ganhar velocidade e agilidade para projetar e fabricar veículos elétricos seguros, acessíveis e confiáveis, que atendam perfeitamente às demandas de nossos clientes. Gostaria de agradecer a todas as equipes que estão trabalhando neste investimento estratégico para o nosso futuro”.

“É uma honra para nós formar uma joint venture de baterias com a Stellantis, que acelera sua estratégia de eletrificação nesta era de energia verde”, disse Young-hyun Jun, presidente e CEO da Samsung SDI.

- Publicidade -

“Com esta joint venture de baterias, estamos comprometidos em atender da melhor forma as altas expectativas de nossos clientes no mercado de veículos elétricos da América do Norte, aproveitando a tecnologia de baterias, produtos de alta qualidade e medidas de segurança da Samsung SDI”.

A Stellantis está agora bastante avançada no processo de assegurar sua capacidade anual de produção de baterias para veículos elétricos de 63 GWh, para apoiar a meta de 40% de veículos eletrificados em suas vendas nos Estados Unidos até 2030.

As fábricas de baterias suprirão as necessidades das plantas da Stellantis nos Estados Unidos, Canadá e México.

- Publicidade -

Estas baterias serão instaladas em carros elétricos de nova geração, híbridos recarregáveis ​​ou 100% elétricos, que serão comercializados sob as várias marcas Stellantis.

A Stellantis planeja investir mais de 30 bilhões de euros até 2025 em eletrificação e desenvolvimento de software, ao mesmo tempo em que persegue seu objetivo de continuar a ser 30% mais eficiente do que todo o setor em termos de relação entre Capex e despesas de P&D e volume de negócios.

A localização desta nova planta está em estudo e mais detalhes serão comunicados posteriormente. A transação será finalizada após a assinatura dos documentos finais e estará sujeita às condições habituais de fechamento, bem como aprovações regulatórias.

Matérias relacionadas

Ofertas Peugeot 208

Mais recentes

Clínica de Serviços Chevrolet

Destaques Mecânica Online

Com a Volvo rumo ao Zero Acidentes – Itapemirim

Avaliação MecOn

FIAT na mão