Mercedes-Benz

Stellantis lidera mercado brasileiro em 2021; Fiat é a marca mais vendida no Brasil e na América do Sul

Stellantis se consolida como líder na América do Sul com 22,9% de market share na região em 2021


Brasil, 7 de Janeiro de 2022 – Prestes a completar um ano de operações, a Stellantis é a maior empresa do setor automotivo na América do Sul e a Fiat é a marca mais vendida na região. A empresa liderou o mercado sul-americano em 2021, com 811,6 mil veículos vendidos, o equivalente a 22,9% de participação de mercado.

Deste total, mais de 493 mil veículos são da Fiat, que conquistou de forma inédita a liderança de vendas na América do Sul, com 13,9% das vendas totais.

Liderança no Brasil – A Stellantis e suas marcas confirmaram a tendência do ano e apresentaram fortes resultados de vendas no mês de dezembro. A Stellantis emplacou 55,3 mil unidades no mês, o equivalente a 28,4% de participação de mercado. A marca Fiat, como ao longo de todo o ano, foi a mais vendida no mês, com 35,5 mil unidades emplacadas e 18,2% de participação. No ranking geral, a marca Jeep ficou na sétima posição, com 13,2 mil emplacamentos e 6,8% do mercado. Peugeot e Citroën registraram 3,5 mil e 3,1 mil unidades vendidas, respectivamente, respondendo por 1,8% e 1,6% do mercado em dezembro.

Considerando o último resultado mensal do ano, a Stellantis totalizou 635,5 mil veículos vendidos no acumulado de 2021, respondendo por 32% do mercado brasileiro. De cada três veículos vendidos no Brasil ao longo do ano, um é produzido pela Stellantis.

Fiat é a marca líder do mercado, com 431 mil veículos vendidos, o equivalente a 21,7% de participação de mercado. A marca está 125 mil unidades à frente do segundo colocado. Em sexto lugar no ranking nacional de vendas no acumulado do ano, a marca Jeep somou mais de 148,7 mil unidades vendidas e 7,5% de participação. Peugeot mais do que dobrou suas vendas em relação ao ano anterior, com 29,4 mil unidades e 1,5% de participação de mercado. Citroën fechou o ano com 23,3 mil unidades vendidas e 1,2% de market share. Ram teve seu recorde de vendas no mercado brasileiro, com 2.759 unidades emplacadas e um crescimento de 87% em relação ao ano anterior.

O veículo mais vendido no Brasil no ano é a picape Fiat Strada, com 109,1 mil unidades emplacadas e 5,5% das vendas totais de todas as marcas no mercado brasileiro. Em terceiro e quarto lugares no ranking de vendas aparecem Fiat Argo (84,6 mil vendas e 4,3% de market share) e Jeep Renegade (73,9 mil e 3,7%). Na sexta e sétima posições estão Jeep Compass (70,9 mil e 3,6%) e Fiat Toro (70,9 mil e 3,6%). Na nona posição do ranking geral de vendas está o Fiat Mobi, com 65,8 mil unidades e 3,3%.

Deste modo, a Stellantis encerra o ano com seis modelos entre os nove mais vendidos do Brasil.

Citroën – A Citroën cresceu 77% em vendas no Brasil em 2021, uma alta bem acima da média de 2% do mercado. No acumulado dos doze meses do ano, a empresa comercializou 23.351 veículos, superando as 13.177 unidades de 2020.

Um resultado que levou a Marca a conquistar 1,2% de participação do mercado brasileiro, quase o dobro do seu resultado em 2020. No fim de agosto de 2021, a Citroën já havia superado o volume total de vendas realizadas no ano no ano anterior, mostrando toda a sua força e o resultado das ações estratégicas implementadas.

Somente no mês de dezembro de 2021, a Citroën negociou 3.083 veículos no Brasil, seu melhor resultado mensal de vendas desde dezembro de 2015. O mês de dezembro, somado ao excelente desempenho no acumulado dos meses de 2021, levaram a Citroën a um forte crescimento de 77% no mercado e uma participação de 1,2%, sua melhor participação desde 2016.

Esses fortes resultados consolidam o crescimento e o novo momento da Citroën no mercado brasileiro no primeiro ano de aplicação do seu plano estratégico, o “Citroën 4All”, que vai até o fim de 2024.

O grande destaque da Marca em 2021 foi o SUV C4 Cactus, que dobrou seu alcance no segmento B-SUV no acumulado do ano e registrou seu melhor desempenho de vendas desde o seu lançamento. O utilitário esportivo da Citroën manteve em 2021 uma performance acima da média do seu segmento. Somente em dezembro de 2021, o modelo emplacou 2.721 unidades.

No acumulado de 2021, o C4 Cactus atingiu 19.550 veículos vendidos, uma alta de 105% frente a igual período do ano passado. Além de todo o design e tecnologia que proporcionaram o sucesso nas vendas do SUV C4 Cactus, a Citroën ainda trouxe duas séries especiais para o modelo: a RIP CURL e a X-SERIES, que potencializaram os negócios envolvendo o SUV da Citroën.

Entre os VULs (Veículos Utilitários Leves), a Citroën fechou o ano com um sólido crescimento de 123%. A grande novidade foi a família JUMPY, que ganhou, no fim do ano passado, uma versão 100% elétrica no Brasil, o Ë-JUMPY. A gama Citroën JUMPY, com suas versões FURGÃO PACK, VITRÉ e MINIBUS, juntamente com a família JUMPER, responderam por 3.441 unidades vendidas, garantindo um importante protagonismo da Citroën entre os VULs.

Peugeot – Com resultados surpreendentes, a PEUGEOT foi a marca que mais cresceu em 2021. De janeiro a dezembro do ano passado, seu crescimento em relação a 2020 foi de 126%, emplacando o maior volume desde 2014. Já o mercado nacional cresceu apenas 1,7% no mesmo período.

Em 2021 foram vendidas 29.531 unidades da marca, que alcançou uma participação de 1,5% do mercado. No ano anterior, essa fatia era 0,7%. O melhor desempenho em vendas veio no último trimestre, quando a marca chegou a atingir 2,0% participação.

Os resultados alcançados estão além das previsões do início do ano. “A performance de vendas da PEUGEOT surpreendeu em um ano difícil para a economia de forma geral, em especial, para o segmento automotivo. Um desempenho extraordinário alcançado, sobretudo, pelos negócios envolvendo o modelo 208, que cresceu 270% na comparação a 2020”, explicou André Montalvão, Head Comercial da Marca.

Para o Head do Brand PEUGEOT, Felipe Daemon “essa mudança de status de mercado da PEUGEOT está ligada também aos movimentos estratégicos da empresa, que envolvem um contundente trabalho com a rede de concessionárias e pós-venda, com foco na qualidade dos produtos e atendimento, e dos recentes lançamentos”.

O executivo acrescenta ainda: “Foi fundamental para a Marca lançar o Novo 3008 um sucesso absoluto de vendas com design marcante, performance e tecnologia. Iniciar a comercialização do e-208 GT que, com sua chegada inaugurou a início da Ofensiva de Eletrificação da PEUGEOT que apresentou ao mercado, em menos de dois meses, seu primeiro utilitário elétrico, o PEUGEOT e-Expert. ”

Sobre o Novo 208, o modelo vem encantando os brasileiros pelo seu diferencial em design, tecnologia, itens de segurança e conforto. Em 2021 foram vendidas 16.321 unidades, representando 9,6% de participação de mercado dentro do segmento “Upper B Hatch”.

O desempenho das vendas reflete as premiações recebidas pelo PEUGEOT 208. Foram quatro renomados títulos em 2021. Com itens de série inéditos entre os hatches nacionais, o modelo proporciona uma experiência de condução única ao motorista. Ele carrega a nova geração do PEUGEOT i-Cockpit 3D®, que amplia as sensações e o prazer de dirigir com o primeiro cluster em três dimensões agregado ao volante Sport Drive, painel de instrumentos elevado, central multimídia touchscreen de 7 polegadas com Google Android Auto e Apple CarPlay e a série de teclas de “alternância”, que permitem fácil acesso às principais funções do veículo.

Na categoria de veículos utilitários leves, o PEUGEOT Expert foi o líder do segmento “D Van” no ano, com 3.923 veículos vendidos e expansão de 126% ante 2020. Disponível tanto na versão a combustão quanto na versão elétrica, a linha Expert foi pensada especialmente para unir qualidade e tecnologia, sem abrir mão do conforto. O PEUGEOT Expert conta um design marcante e ideal para qualquer tipo de carga, pois suporta até 1.500 kg, com altura máxima de 1,94m.

Líder no mercado argentino – A Stellantis liderou o mercado argentino de automóveis e comerciais leves, com 103,3 mil veículos comercializados durante o ano, o equivalente a 29,1% de market share. O automóvel mais vendido no país foi o Fiat Cronos, com mais de 37,5 mil unidades emplacadas, o equivalente a 10,6% das vendas totais. O resultado confirma a preferência pelo Fiat Cronos, que vem liderando o mercado há 14 meses consecutivos.

Entre os mais vendidos também se destaca no ranking geral o Peugeot 208, com 15.812 unidades. Outro destaque é o Jeep Renegade, que liderou o mercado de SUVs na Argentina, com mais de 7 mil unidades comercializadas no ano.

Redação Mecânica Online®https://www.mecanicaonline.com.br
Um dos principais portais quando o assunto é mecânica na internet brasileira, o Mecânica Online® é feito por você! Através de nosso público procuramos cada vez mais oferecer um conteúdo que leve sempre o nosso principal objetivo: mecânica do jeito que você entende.
Mercedes-Benz

Notícias relacionadas

- Publicidade - Volvo Caminhões

Cursos Mecânica Online

Oportunidade para você entender como o automóvel funciona, seus recursos e tecnologias. Participe de nossos cursos gratuitos!

Mais recentes

Mercedes-Benz
Cursos Mecânica Online®

Lançamento

Truck

Motocicleta

Avaliação