quarta-feira, 22 maio , 2024
28 C
Recife

BYD amplia ações e planeja contribuir cada vez mais para o crescimento da mobilidade elétrica no Brasil

Amanhã e depois, respectivamente, Dia da Mobilidade Elétrica e Dia Mundial da Energia, empresa mostra seu compromisso, contribuição e soluções para as futuras gerações

A inauguração de uma nova linha de produção de módulos fotovoltaicos, em Campinas (SP), constantes parcerias com o poder público para ampliar a frota de transportes elétricos e o lançamento e início da comercialização dos primeiros automóveis elétricos em território nacional.

- Publicidade -

Tudo isso em um curto espaço de tempo. A cada ano, a BYD vem dando inúmeras demonstrações de como está focada em contribuir para o crescimento da eletromobilidade no Brasil.

São vários exemplos desse compromisso da marca. A BYD iniciou suas atividades no mercado nacional em 2015 já com pioneirismo no segmento da eletrificação.

Naquele ano, entregou dez ônibus elétricos para o município paulista de Campinas, inaugurando a primeira frota desse tipo de transporte no Brasil. Na mesma cidade, ainda em 2015, inaugurou sua primeira fábrica — montagem de chassis de 100% elétricos.

A BYD é líder global de vendas de ônibus elétricos e já entregou mais de 70 mil unidades pelo mundo. No Brasil, seus ônibus elétricos estão em operação em mais de 10 cidades.

- Publicidade -

Recentemente, a BYD forneceu ônibus elétricos para a cidade paulista de São José dos Campos, além de contratar uma usina de geração solar distribuída para alimentar os ônibus e os prédios públicos.

Os veículos têm 22 metros de comprimentos e podem transportar até 170 passageiros.

“Isso mostra que é possível qualificar o transporte público com estabilização de custos e uso de energia limpa renovável”, cita Adalberto Maluf, diretor de Marketing e de Sustentabilidade da empresa.

O transporte elétrico, aliás, está no DNA da empresa. Nesse sentido, em março, a BYD anunciou que primeiro veículo SkyRail que atenderá a Linha 17 do Metrô de São Paulo (Linha Ouro) saiu da linha de produção na cidade de Guang’an, na província de Sichuan.

O trem tem previsão de chegada a São Paulo em janeiro de 2023. A linha Ouro ligará várias linhas de metrô ao longo do trajeto e, também, passará por um ponto estratégico da cidade, o Aeroporto de Congonhas.

- Publicidade -

“Uma parte importante do sistema de transporte da cidade, o BYD Skyrail ajudará a reduzir o congestionamento e proporcionará aos passageiros uma experiência de viagem ecológica mais agradável e conveniente”, conta Maluf.

Este é o segundo grande projeto da BYD de SkyRail no Brasil, o primeiro, o VLT do Subúrbio, está em curso na Bahia, onde os mais de 600 mil moradores do Subúrbio Ferroviário de Salvador serão os principais beneficiados com a implantação do SkyRail.

Painéis fotovoltaicos: maior fabricante do Brasil – O transporte elétrico foi apenas o primeiro capítulo da história da BYD no país. A BYD ampliou também sua atuação para outros segmentos.

É o caso dos módulos fotovoltaicos, que em 2017, abriu as portas da primeira fábrica nesse sentido. Hoje, é a maior produtora de painéis fotovoltaicos do Brasil.

Em abril deste ano, as instalações da BYD Energy receberam completa renovação de seus equipamentos e processos, adotando a mais alta tecnologia disponível no Brasil e exterior.

A nova linha permitiu também que a fábrica se tornasse compatível com todas as dimensões de células fotovoltaicas, atualmente disponíveis no mercado, com grande ganho de produtividade e eficiência.

Outro fato de destaque é que a expansão e transformação dos processos produtivos garantiram à empresa triplicar sua capacidade para atingir 500 MWp, suficiente para abastecer uma cidade com 750 mil habitantes.

“Hoje, além de representar a maior fábrica em operação e ocupar a posição de maior fabricante do país, já foram produzidos mais de 1,6 milhão de módulos nos últimos cinco anos, trazendo ao mercado grande independência e economia, como fonte de energia limpa e renovável”, explica o executivo Adalberto Maluf.

Baterias, carros e muito mais! Em 2020, a BYD inaugurou sua terceira fábrica no Brasil, a primeira de baterias no país. A unidade tem capacidade para produzir até mil baterias por ano e está localizada em Manaus (AM).

Em novembro de 2021, a BYD entrou no mercado de automóveis elétricos no país lançando o TAN EV, primeiro SUV de sete lugares 100% elétrico do Brasil.

Em abril deste ano, lançou o HAN EV, sedan de luxo elétrico mais vendido pela marca globalmente. Esses veículos se tornaram rapidamente um sucesso entre a imprensa especializada e os consumidores.

Outro exemplo dessa constante atuação da empresa na busca por soluções em eletromobilidade é o furgão eT3.

Para se ter ideia, o veículo tem autonomia para até 300km e possui recarga rápida de 20% a 80% da bateria em apenas 30 minutos, o que assegura até 180 km a mais de viagem (duas horas para recarga total em modo rápido), o modelo tem capacidade para 720 kg de carga e espaço no compartimento para 3.300 litros.

No caso de empresas de delivery, por exemplo, o modelo gerou mais eficiência e segurança nas entregas, além de ter sido o modelo mais vendido no mercado brasileiro em 2021 no segmento de comerciais leves elétricos.

Ainda no segmento de logística, a BYD lançou em março deste ano o seu mais novo caminhão, o eT712.220, que passa a fazer parte da frota da companhia.

O caminhão 100% elétrico é multivocacional e tem até 230 quilômetros de autonomia.

Dia Mundial da Energia: jornada permanente para proteger o planeta – Você sabia que o Brasil ultrapassou a marca de 1 milhão de unidades consumidoras com geração própria de energia a partir da fonte solar? Esse número foi apresentado pela Absolar (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica).

Ao todo, as instalações somam 8,6 gigawatts (GW) de potência, o equivalente a cerca de dois terços da potência da usina hidrelétrica de Itaipu.

A BYD está em sintonia com esse cenário. Por isso, vem buscando, constantemente, sensibilizar e motivar as pessoas com estratégias de eficiência energética.

A inauguração da nova unidade de módulos fotovoltaicos é uma dessas respostas vai ao encontro a uma necessidade real da humanidade: mudar a dependência humana de energias não renováveis para energia limpa.

Para se ter ideia desse compromisso, foram entregues 600 mil veículos eletrificados pela empresa somente em 2021.

Desde sua entrada no setor de eletromobilidade, a BYD já entregou, aproximadamente, 1,5 milhões de veículos eletrificados, reduzindo mais de 9,3 milhões de toneladas de emissões de CO2. Isto equivale a plantar mais de 781 milhões de árvores.

A BYD está apoiando ativamente a iniciativa global ‘Cool the Earth by 1oC’ (‘Esfriar a Terra em 1oC’).

A partir deste status, como líder mundial na fabricação de veículos elétricos, a empresa está pronta para evoluir ainda mais com outras soluções inovadoras para o futuro.

“A missão da BYD é ajudar países e pessoas a superarem a crise energética e reduzirem a poluição ambiental por meio da utilização de fontes renováveis de energia. Ou seja, não pouparemos esforços para desenvolver produtos sustentáveis e, claro, ajudar o meio ambiente”, finaliza Adalberto Maluf.

Matérias relacionadas

Fiat Fastback

Mais recentes

Ofertas Peugeot 208

Destaques Mecânica Online

Fiat Toro

Avaliação MecOn

WABCO - Principal fornecedor global de tecnologias para para veículos comerciais