segunda-feira, 26 fevereiro , 2024
28 C
Recife

Volvo Trucks assina carta de intenções para vender 1.000 caminhões elétricos até 2030

A Volvo recebeu um pedido de 1.000 caminhões elétricos, o maior pedido até o momento para a linha elétrica da empresa.

A Volvo Trucks assinou uma carta de intenções para vender 1.000 caminhões elétricos até 2030 para a Holcim, um dos maiores fornecedores de soluções de construção do mundo. O acordo é o maior pedido comercial até o momento para caminhões elétricos da Volvo, e os primeiros 130 caminhões serão entregues em 2023 e 2024.

Holcim é um fabricante global de soluções de construção, com sede na Suíça. Agora, a empresa e seus contratados, com a Volvo Trucks, concordaram em planejar a implantação de 1.000 caminhões elétricos Volvo nas operações da Holcim na Europa entre agora e 2030.

Os primeiros 130 caminhões elétricos Volvo FH e Volvo FM serão entregues em mercados como França, Alemanha, Suíça e Reino Unido durante o quarto trimestre de 2023 e ao longo de 2024.

O acordo é resultado de uma parceria mais ampla entre a Holcim e o Volvo Group.

“A colaboração de longo prazo e um forte compromisso de realmente fazer a diferença são essenciais para tornar realidade as grandes reduções de CO2. Estou muito orgulhoso da parceria que desenvolvemos com a Holcim e dos resultados que estamos alcançando juntos”, disse Martin Lundstedt, presidente e CEO do Volvo Group.

“A transição net-zero requer uma colaboração profunda entre as cadeias de valor. Estamos entusiasmados por fazer parceria com a Volvo para descarbonizar a logística de nossas operações europeias com frotas elétricas, avançando nossa meta de atingir 30% de caminhões pesados ​​de emissão zero até 2030”, disse Jan Jenisch, presidente e CEO da Holcim.

Ao substituir 1.000 caminhões a diesel Volvo FH existentes por caminhões elétricos Volvo FH usando eletricidade verde em uma rota típica, até 50.000 toneladas de CO2 poderiam ser economizadas todos os anos.

Ambas as empresas estão comprometidas com a iniciativa de metas baseadas na ciência, que impulsiona ações climáticas ambiciosas no setor privado, e ambas também são membros fundadores da First Movers Coalition (FMC).

A FMC (First Movers Coalition) é uma coalizão de empresas que usam seu poder de compra para criar mercados iniciais para tecnologias limpas inovadoras em oito setores de difícil redução.

Iniciativa de Metas Baseadas na Ciência – A iniciativa Science-based Targets (SBTi) impulsiona uma ação climática ambiciosa no setor privado, permitindo que as organizações estabeleçam metas de redução de emissões baseadas na ciência. As metas são consideradas ‘baseadas na ciência’ se estiverem alinhadas com o que a ciência climática mais recente diz ser necessária para cumprir as metas do Acordo de Paris – limitar o aquecimento global a 1,5°C acima dos níveis pré-industriais.

A Holcim é líder global em soluções de construção inovadoras e sustentáveis, com sede na Suíça. Está presente em mais de 60 países e conta com cerca de 60.000 funcionários.

Observação – A economia de CO2 é baseada no cálculo usando a calculadora de pegada ambiental da Volvo Trucks (comparando a produção de CO2 em uma quilometragem anual de 80.000 km para um caminhão com peso total de 44 toneladas e assumindo que o comparador de diesel usa 7% de biodiesel e atinge uma média de 23l /km).

Matérias relacionadas

Mais recentes

Destaques Mecânica Online

Avaliação MecOn