segunda-feira, 4 março , 2024
28 C
Recife

Marques é pole em treino marcado por lance polêmico envolvendo finalistas

Felipe Giaffone tomou uma fechada de Roberval Andrade em um ponto crítico com a pista escorregadia durante sua volta rápida e punição mais severa está sendo estudada.

O leve friozinho e a garoa deste sábado na região do Autódromo de Interlagos não foi o suficiente para apagar o incêndio que os dois finalistas da Copa Truck provocaram na tomada de tempos que coroou André Marques com a pole position.

Felipe Giaffone e Roberval Andrade, que começaram a semana se provocando de forma bem humorada na televisão, terminaram o dia na sala dos comissários após um lance que gerou bastante discussão e pode dar o que falar até a hora da largada, ao meio dia de amanhã.

Durante sua última volta lançada, em uma pista semi molhada, Giaffone encontrou Roberval na subida para a Curva do Café, um ponto crítico do circuito, e se posicionou por dentro, recebendo uma fechada do rival e não conseguindo melhorar seu tempo, ficando em terceiro.

Os comissários, na hora, retiraram a melhor volta de Roberval – o que nao mudou em nada o cenário, uma vez que ele permaneceu na mesma posição (sexto). Isso fez com que Giaffone fosse às autoridades exigindo uma punição maior por considerar o momento (a disputa da final) e o ato (uma atitude antidesportiva grave). Resumindo: a desclassificação de Roberval.

O resultado oficial, por conta disso, ainda não foi divulgado.

Enquanto o assunto é debatido, o grid extra-oficial segue valendo. Ao lado de André Marques na primeira fila vem o destaque do dia, Fabio Fogaça. Entre Giaffone e Roberval, dois escudeiros do ex-piloto de Fórmula Indy: Paulo Salustiano e Beto Monteiro.

Jô supera finalistas e crava a pole position para decisão da SuperAtual líder do campeonato, Felipe Tozzo parte da quarta posição em Interlagos, enquanto Thiago Rizzo é o nono.

A definição do pole position para a categoria Super da Copa Truck em Interlagos, palco da Grande Final da temporada 2023, teve um piloto que não concorre ao título obtendo a posição de honra.

Jô Augusto, piloto da Volkswagen, foi confirmado com o melhor tempo após um defeito na cronometragem, que não computou sua volta e atribuiu a Evandro Camargo o P1. No entanto, após protesto e revisão, o erro foi consertado e o piloto do caminhão #81 pôde, finalmente, comemorar.

“E muito gratificante largar na pole em São Paulo, perto da familia, da torcida, dos patrocinadores. Já estava feliz com o meu resultado, mas marcar a pole foi mais legal ainda. Depois de um ano bem difícil, quero terminar com em alta”, comenta.

A Evandro, coube se contentar com o segundo lugar. “Foi um balde de água fria, pois comemoramos, demos entrevistas e mudou tudo em meia hora. Mas o que é certo é certo, o Jô foi mais veloz e mereceu a pole. Estamos largando na frente de todos nossos concorrentes diretos pelo título e isso que nos interessa”, destaca.

Atual líder do campeonato, Tozzo trocou o motor quebrado na sexta e conseguiu o P4, atrás do destaque da sessão, Kleber Eletric, o terceiro com o único Scania do grid. Daniel Kelemen, que teve uma quebra de cardan, sai em P4, com Thiago Rizzo em nono e Bia Figueiredo em décimo.

A largada da etapa final da Copa Truck terá transmissão ao vivo da Band, SporTV, CATVE.com e do streaming oficial da categoria no YouTube.

Confira a programação completa de amanhã:

DOMINGO, 10 DE DEZEMBRO
Abertura dos portões: 08h00

08h00 – NASCAR Brasil – Warm Up
08h15 – Copa Truck – Warm Up
08h30 – NASCAR Brasil – Corrida 1
09h23 – AMG Cup – Corrida 1
10h10 – Visitação Aos Boxes
10h40 – Desfile de Caminhões
12h00 – Copa Truck – Corrida 1
12h33 – Copa Truck – Corrida 2
13h50 – NASCAR Brasil – Corrida 2
14h33 – HRacing Cup Corrida 2
15h23 – AMG Cup – Corrida 2

Matérias relacionadas

Mais recentes

Destaques Mecânica Online

Avaliação MecOn