segunda-feira, 24 junho , 2024
28 C
Recife

Peugeot 2008 DKR de Moscou a Pequim

Depois da vitória no Dakar, a Peugeot decide enfrentar um novo grande desafio ao participar do Silk Way Rally, de 8 a 24 de julho de 2016

- Publicidade -
  • Foi no Salão de Pequim, em 25 de abril de 2016, que Maxime Picat (Diretor Geral da Automobiles Peugeot), Li Haigang e Mathieu Vennin (respectivamente Diretor Geral e Diretor Geral Adjunto da DONGFENG PEUGEOT), Bruno Famin (Diretor da Peugeot Sport) e Stéphane Peterhansel anunciaram a participação do Team Peugeot Total.
  • 3 equipes vão participar: Stéphane Peterhansel / Jean-Paul Cottret – Cyril Despres / David Castera – Sébastien Loeb / Daniel Elena

Após seus últimos sucessos no cross-country, o Team Peugeot Total se prepara para um novo desafio: percorrer a Rota da Seda por ocasião do Silk Way Rally que irá de Moscou a Pequim, um percurso ao mesmo tempo difícil e mítico.

Quase um ano depois do China Silk Road Rally, que marcou o triunfo da Peugeot com uma dobradinha, e depois do Dakar 2016 vencido pela dupla Peterhansel/Cottret, o Team Peugeot Total retoma o rumo da China para tentar mais uma vitória nessa disciplina.

Três equipes complementares – Na sua primeira participação no Silk Way Rally, a Peugeot vai participar com três de suas quatro equipes, ao volante do PEUGEOT 2008 DKR.

– Stéphane Peterhansel, o piloto que acumula mais títulos na modalidade cross-country, com 12 vitórias no Dakar e uma vitória no China Silk Road Rally em 2015, vai competir ao lado do seu fiel companheiro Jean-Paul Cottret. Ele agora vai tentar conquistar mais essa vitória.

- Publicidade -

– Cyril Despres (5 vezes vencedor do Dakar na categoria moto) e seu navegador David Castera, 2º na China no ano passado, tiveram uma bela progressão e tentarão consolidá-la.

– Sébastien Loeb e Daniel Elena, as mais recentes aquisições do Team Peugeot Total, já têm no seu histórico uma participação no Rally do Marrocos e uma estreia no último Dakar. Eles poderão acumular muita experiência nos trechos off-road, nas travessias e na navegação, aperfeiçoando seu aprendizado de corridas cross-country em condições extremas.

O Silk Way Rally, programa jovem e audacioso – Criado em 2009, este rally cross-country até então só percorria o território russo, com exceção da sua primeira edição, que também tinha se aventurado pelo Turquemenistão. Foi Carlos Sainz, atualmente piloto do Team Peugeot Total, quem venceu a corrida nos dois primeiros anos.

Na competição seguinte, Stéphane Peterhansel obteve o segundo lugar. Depois de uma interrupção de dois anos em 2014 e 2015, a edição 2016 vai atravessar três países (Rússia, Cazaquistão e China) ao longo de um percurso de 10 000 quilômetros (4 500 de especiais), e 15 etapas cujo detalhe será revelado nas próximas semanas.

Bruno Famin, diretor da PEUGEOT Sport – “É uma nova prova, certamente muito estimulante, a que teremos a ocasião de participar. Teremos paisagens de tirar o fôlego e um percurso variado. A Rússia e o Cazaquistão são territórios em que nunca competimos na modalidade cross-country, ao contrário da China, onde teremos provavelmente trechos semelhantes aos do ano passado. A expectativa é grande, ainda mais porque encontraremos dificuldades no plano humano e esportivo. Estamos muito felizes em participar dessa prova que é uma novidade para nós e vamos enfrentá-la com toda a humildade necessária, mesmo depois do nosso sucesso no Dakar nós não podemos almejar menos do que a vitória”.

- Publicidade -

Evoluções técnicas – Os três Peugeot 2008 DKR que vão participar já correram o Dakar 2016. Algumas evoluções técnicas serão feitas para corrigir alguns problemas ocorridos em janeiro. A principal evolução, e que implica uma certa dificuldade, será a integração da climatização nos carros.

Títulos do Team Peugeot Total em cross-country:

Dakar 2016 : Peterhansel/Cottret #1, Despres/Castera #7, Loeb/Elena #9
China Silk Road Rally 2015 : Peterhansel/Cottret #1, Despres/Castera #2
Marrocos 2015 : Loeb/Elena #13
Dakar 2015 : Peterhansel/Cottret #11, Despres/Picard #34

 

PEUGEOT 2008 DKR : características técnicas

 

Silhueta 2008 sobre chassis tubular
Tração em 2 rodas (traseiras)
Motor : V6 3 l Turbo Diesel (DT20)
350 cv e 800 Nm
Câmbio: 6 marchas, comando sequencial
450 mm de curso de suspensão
Rodas: 37’’ = 94 cm de diâmetro
45 kg / roda x 6  = 270 kg
Pneus: Michelin
Lubrificantes: Total Quartz

Peugeot na China

Com mais de 406 mil veículos vendidos em 2015, em alta de cerca de 6%, a China é o primeiro mercado mundial de automóveis da PEUGEOT. Em 8 de abril passado, a PEUGEOT apresentou em Pequim o seu plano de desenvolvimento de 5 anos para a China : Blue Upper. O objetivo é fazer da PEUGEOT uma referência entre as marcas generalistas premium na China e  entrar para o TOP 10 das marcas mais vendidas na China. Para atingir esses objetivos, o plano se apoia em 3 pilares:

–          Visar mais alto em termos de experiência dos clientes, principalmente através dos digital;

–          Visar mais alto em termos de tecnologias, com as novas gerações de auxílio à condução, novos motores, novas caixas de câmbio;

–          Visar mais alto em termos de oferta de produtos, com 18 novos veículos num prazo de 5 anos, dois dos quais serão apresentados em estreia mundial no Salão de Pequim.

Matérias relacionadas

Clínica de Serviços Chevrolet

Mais recentes

Ofertas Peugeot 208

Destaques Mecânica Online

Powertrain do Futuro: Moldando a jornada para a mobilidade verde

Avaliação MecOn

SACHS - Versátil, abrangente e convincente