sábado, 13 julho , 2024
28 C
Recife

Toyota e Amazon lideram em suas categorias no ranking BrandZ Top 100 marcas globais mais valiosas

Nos últimos 11 anos o valor das marcas incluídas no ranking BrandZ Top 100 marcas globais mais valiosas realizado pela WPP e Millward Brown, cresceu 132%, atingindo um total de US$ 3,4 bilhões, 3% a mais que em 2015.

- Publicidade -

Este ano, as categorias de automóveis e varejo acumularam valor total de US$ 139,9 bilhões e US$ 281,131 bilhões, respectivamente.

Ambas foram marcadas por tendências de consumidores, para atender a crescente existência de um consumidor cada vez mais consciente dos acontecimentos ao seu redor e que exigem a mesma experiência em plataformas on-line e off-line.

Na categoria automóveis, a Toyota ainda é a marca mais valiosa do ranking. A empresa teve aumento de 2% em seu valor, atingindo US$ 29 bilhões de dólares, depois de ter trabalhado duro durante 2015, combinando liderança em tecnologia e uma estratégia de negócios que visam mercado amplo.

As montadoras BMW (US$ 26,8 bilhões), Mercedes-Benz (US$ 22,7 bilhões), Honda (US$ 13,2 bihlões) e Ford (US$ 13,1 bilhões) também mantiveram suas posições e continuam no ranking.

- Publicidade -

Outra marca do setor automotivo que teve forte desempenho é a Porsche, que entrou no top 10 pela primeira vez e agora está avaliada em US$ 4,4 bilhões de dólares.

Dentre elas, a marca que mais cresceu foi a Mercedes-Benz, com um aumento de 4%, atingindo US$ 22,7 bilhões.

Contudo, o valor total das marcas automotivas que estão no top 10 diminuiu 3%, totalizando US$ 139,9 bilhões, refletindo mudanças nas regras da categoria e uma diminuição na confiança causada pela crise das emissões de gases poluentes.

Um exemplo desta disrupção é a chegada da marca Tesla. Ocupando a décima posição no ranking, com um valor de US$ 4,4 bilhões de dólares, a marca premium de carros elétricos, conquista esta colocação apenas um mês depois de entrar no mercado de automóveis com modelo mais acessível, o Tesla 3, que custa US$ 35.000.

Outra mudança importante no setor inclui um modelo no qual o usuário é o proprietário de um carro para um modelo em que o usuário tem acesso a um carro.

- Publicidade -

O crescimento do Uber, por exemplo, tem permitido aos usuários escolherem uma marca com base no custo por mês, reposicionamento a categoria carro do fator “acessibilidade” para o fator “mobilidade”.

“O setor automotivo está passando por um período de grandes desafios, sendo um dos principais a crise relacionada a emissões de gases poluentes. Assim, as montadoras com marcas fortes encontram melhores condições para investir em novos modelos de negócios que envolvem a fabricação de carros elétricos. A chegada de Tesla, pela primeira vez no Top 10 mostra o quanto mudou a forma como a indústria se vê e reforça que apenas as marcas mais fortes serão capazes de fazer as mudanças estruturais necessárias para a indústria”, afirma Silvia Quintanilha, vice-presidente comercial da Millward Brown Brasil.
As 10 marcas de automóveis mais valiosas do BrandZ 2016

 

Ranking 2016 Marca Valor da Marca 2016 (bilhões) Variação no valor da marca Ranking 2015 Ranking global Top 100
1 Toyota 29,501 +2% 1 28
2 BMW 26,837 +2% 2 33
3 Mercedes-Benz 22,708 +4% 3 39
4 Honda 13,195 -1% 4 74
5 Ford 13,084 0% 5 75
6 Nissan 11,479 +1% 6 92
7 Audi 9,497 -6% 7
8 Land Rover 4,732 -5% 9
9 Porsche 4,438 New
10 Tesla 4,436 New

Além disso, Silvia comenta que “é um grande momento para construir experiências consistentes em ambientes reais e digitais e a América Latina tem uma grande tradição de marcas de varejo que devem usar as novas tecnologias para manter sua proximidade com os consumidores”.

A executiva fala sobre as marcas valiosa na categoria de varejo, em que a Amazon tornou-se a marca mais valiosa em todo o mundo em 2016.

A Amazon conseguiu ampliar a sua influência ao assumir a responsabilidade de envio das mercadorias que comercializa, integrando assim um novo negócio de logística.

Além disso, a marca está presente na experiência do consumidor em suas casas: no ano passado a marca lançou o Amazon Dash, um dispositivo eletrônico que permite fazer pedidos de troca de produtos quase automaticamente.

Esse tipo de ação proporcionou a marca um aumento de 50%, atingindo quase US$ 100 bilhões.

A capacidade de impulsionar estratégias de multicanal é um fator chave por trás do sucesso de muitas marcas que têm crescido em valor, principalmente para as marcas presentes no ranking Top 20 de varejo.

Este é um processo que vai continuar enquanto a indústria se adapta a um público consumidor que não diferencia a compra no online e off-line e que espera a mesma experiência de marca e qualidade de serviço em todos os canais.

O relatório BrandZ Top 100 marcas globais mais valiosas oferece resultados, rankings e uma grande variedade de insights de marcas chaves para regiões no mundo. Os 14 diferentes setores estão disponíveis online aqui.

As 10 marcas de varejo mais valiosas do BrandZ 2016

Ranking 2016 Marca Valor da Marca 2016 (bilhões) Variação no valor da marca Ranking 2015 Ranking global Top 100
1 Amazon 98,988 59% 2 7
2 Alibaba 49,298 -26% 1 18
3 The Home Depot 36,440 32% 4 26
4 Walmart 27,275 -23% 3 32
5 Ikea 18,082 6% 5 55
6 Costco 14,461 29% 9 68
7 Lowe’s 13,001 21% 10 76
8 Aldi 12,077 4% 8 87
9 CVS 12,074 17% 11 88
10 Ebay 11,509 -19% 6 91

Matérias relacionadas

Clínica de Serviços Chevrolet

Mais recentes

Ofertas Peugeot 208

Destaques Mecânica Online

Com a Volvo rumo ao Zero Acidentes – Itapemirim

Avaliação MecOn

TRW - Qualidade de topo para máxima segurança