quinta-feira, 25 julho , 2024
28 C
Recife

Rentabilidade recorde e crescimento no 1º semestre de 2017. Sucesso do plano estratégico “Push to Pass”

Carlos Tavares, Presidente Mundial do Grupo PSA, declarou: “O Grupo PSA bateu recordes em termos de resultados graças a nossos clientes, responsáveis pelo sucesso de nossos últimos lançamentos, e ao empenho dos colaboradores do Grupo, sempre focados na realização dos objetivos do plano “Push to Pass”. A eficácia e a agilidade com que as equipes superaram ventos contrários inspiram confiança na capacidade do Grupo PSA de enfrentar novos desafios.”

O faturamento do Grupo fechou em 29,165 bilhões de euros no 1º semestre de 2017, apresentando alta de 5% na comparação com o primeiro semestre de 2016.

- Publicidade -

O crescimento acumulado desde o início do plano “Push to Pass” totaliza +8,2%3 com taxa de câmbio constante.

O faturamento da divisão Automotiva foi de 19,887 bilhões de euros, também em alta de 3,6% em relação ao 1º semestre de 2016, principalmente devido ao sucesso dos novos modelos e à nossa disciplina em matéria de preços.

O Resultado Operacional Corrente do Grupo atingiu 2,041 bilhões de euros, apresentando alta de 11,5% ante o 1º semestre de 2016.

- Publicidade -

Com um Resultado Operacional Corrente de 1,442 bilhão de euros, a divisão Automotiva cresceu 10,7% em relação ao 1º semestre de 2016 e alcançou um nível de rentabilidade recorde de 7,3%, apesar da alta das matérias-primas e do impacto negativo das taxas de câmbio.

Este resultado decorre essencialmente de um mix de produtos favorável e da baixa constante dos custos.

As receitas e os encargos operacionais não correntes totalizaram -112 milhões de euros ante -207 milhões de euros no primeiro semestre de 2016.

- Publicidade -

Os encargos financeiros líquidos do Grupo caíram de -150 milhões de euros no primeiro semestre de 2016, para -121 milhões de euros.

O resultado líquido consolidado do Grupo fechou em 1,474 bilhão de euros no 1º semestre, em alta de 91 milhões de euros, apesar do impacto negativo das operações na China.

O resultado líquido (parte do Grupo) foi de 1,256 bilhão de euros, contra 1,212 bilhão de euros no primeiro semestre de 2016.

O Resultado Operacional Corrente do Banco PSA Finance foi de 312 milhões de euros4, uma alta de 5,1% em relação ao primeiro semestre de 2016.

O Resultado Operacional Corrente da Faurecia elevou-se a 587 milhões de euros, em alta de 19,8% na comparação com o primeiro semestre de 2016.

O fluxo de caixa livre das atividades industriais e comerciais  foi de  1,116 bilhão de euros, sustentado pela melhoria da margem bruta de autofinanciamento.

No final de junho de 2017, o nível total dos estoques era de 374 mil veículos (incluindo a rede independente), apresentando uma redução de 25 mil veículos em comparação com o fim de junho de 2016.

A Posição Financeira Líquida das atividades industriais e comerciais totalizou 7,631 bilhões de euros em 30 de junho de 2017 e aumentou 818 milhões de euros ante a posição de 31 de dezembro de 2016.

Perspectivas do mercado – Para 2017, o Grupo prevê um crescimento de cerca de 3% do mercado automotivo na Europa, e de 5% na China, na América Latina e na Rússia.

Objetivos operacionais – Os objetivos do plano “Push to Pass” são:

–    uma margem operacional corrente5 média superior a 4,5% para a Divisão
Automotiva no período 2016-2018 e uma meta superior a 6 % em 2021;

–  um crescimento de 10 % do faturamento do Grupo entre 2015 e 20186, visando 15% suplementares até 20216.

Link de acesso à apresentação dos resultados do 1º semestre de  2017.

Matérias relacionadas

Ofertas Peugeot 208

Mais recentes

Clínica de Serviços Chevrolet

Destaques Mecânica Online

Com a Volvo rumo ao Zero Acidentes – Itapemirim

Avaliação MecOn

FIAT na mão