domingo, 21 julho , 2024
28 C
Recife

Falta de semicondutores faz Toyota trocar multimídia do Corolla

Uma central multimídia que anteriormente era oferecida na rede de concessionárias da Toyota passa a ser a nova central de série do Corolla.

Essa foi a forma encontrada pela Toyota para driblar a falta de semicondutores no mercado mundial.

- Publicidade -

Uma das principais novidades do Corolla, lançado no mercado em 2019, a multimídia apostava na conectividade como principal diferencial para conquistar o cliente, entre eles com o recurso de Android Auto e Apple Carplay.

Desde o início desse mês de setembro, a Toyota resolveu trocar a central multimídia original por uma outra paralela, maior, de 10 polegadas, mas com menor quantidade de funcionalidades, entre elas, não possui a conectividade via Android Auto e Apple CarPlay.

Com isso a marca evita o atraso na entrega dos veículos e a “nova” central multimídia será instaladas nas próprias concessionárias, gratuitamente, até que o fornecimento da multimídia original serja restabelecido. A multimidia que está sendo instalada agora não será trocada posteriormente.

- Publicidade -

Operação Toyota em Indaiatuba – A Toyota do Brasil informa que realizará nova suspensão temporária da produção em sua fábrica de Indaiatuba, onde o Corolla sedã é produzido, entre os dias 13 e 22 de outubro de 2021.

Apesar de todos os esforços realizados ao longo do tempo para gerenciar a falta de insumos que afeta a cadeia de suprimentos global, provocada pela pandemia de Covid-19, uma nova parada é inevitável.

Os colaboradores afetados pela paralisação entrarão em férias coletivas neste período, com o retorno às atividades programado para o dia 25 de outubro. As demais unidades da Toyota no Brasil, localizadas em São Bernardo do Campo, Porto Feliz e Sorocaba, permanecem com suas atividades normais.

Matérias relacionadas

Ofertas Peugeot 208

Mais recentes

Clínica de Serviços Chevrolet

Destaques Mecânica Online

Com a Volvo rumo ao Zero Acidentes – Itapemirim

Avaliação MecOn

FIAT na mão