Mercedes-Benz

Pegamos pesado com o novo Arocs 8×4 de 510 cv e eletrônica avançada

Mecânica Online®, com participação de Waldomiro Filho, atendeu convite da Mercedes-Benz, pegou avião e foi até a pista de testes da fabricante alemã

Uma das principais novidades no segmento de caminhões pesados, o inédito Mercedes-Benz Arocs chega na configuração 8×4 buscando atender o cliente que precisa realizar operações severas como mineração ou construção civil. Sua capacidade de carga é de até 58 toneladas de peso bruto (PBT) e seu preço sugerido é de R$ 1,1 milhão.

O portal Mecânica Online®, com participação de Waldomiro Filho, atendeu convite da Mercedes-Benz, pegou avião e foi até a pista de testes da fabricante alemã, localizada na cidade de Iracemápolis (SP), colocar a mão na massa e testar as capacidades propostas do novo pesado.

É sempre bom quando identificamos que o inédito modelo no portfólio de caminhões da Mercedes-Benz, teve desenvolvimento por engenheiros brasileiros e dentro da realidade do nosso País, além de ter sua fabricação nacional.

Em conversa com os executivos da Mercedes-Benz, logo vemos que a marca tem mais argumentos que apenas a robustez que o modelo entrega. O caminhão tem o melhor custo total de propriedade de sua categoria.

Quando consideramos o período de três anos, o TCO do modelo é até 49% menor que dos concorrentes, uma vantagem para buscar a liderança do segmento.

“Nosso objetivo é que o cliente alcance mais disponibilidade com seu caminhão, mais produtividade e mais rentabilidade”, afirma Silvio Renan, diretor de Peças e Serviços ao Cliente da Mercedes-Benz do Brasil. “Onde quer que o cliente precise, nós, da Fábrica e da Rede de Concessionários, estaremos ao seu lado para levar todo apoio e assistência técnica, mesmo nas condições severas off-road”.

De acordo com o executivo, a Mercedes-Benz irá oferecer aos clientes do Arocs a possibilidade de uma loja de peças in company e agregados em stand-by. “Outra grande novidade é o Truck OFF Center.

Nós poderemos levar uma estrutura de peças e serviços do concessionário para dentro das instalações dos clientes, próximo de onde os caminhões irão operar. Isso é essencial em locais afastados, típicos da mineração, por exemplo”.

Para dar ainda mais opções aos clientes, a Mercedes-Benz oferece a alternativa de oficina ou mecânico dedicado em suas instalações. Nesse serviço, poderá ser utilizada a avançada ferramenta dos Óculos de Realidade Virtual. Assim, o especialista do concessionário pode contar com consultoria online da fábrica para uma prestação de serviço mais assertiva e em tempo real.

Outra facilidade para o cliente já consagrada no portfólio de serviços da marca é o Plano de Manutenção BestBasic, que, no caso do Arocs, traz o diferencial de contrato em horas.

Entre as soluções da marca para o mercado, também disponíveis para caminhões off-road, destacam-se também o sistema de telemetria Fleetboard, ferramenta que traz benefícios aos clientes na gestão da frota e de seus motoristas, a consultoria gerencial para medir os principais KPIs comuns a esse segmento e a literatura técnica de peças.

Na verdade, o Arocs 8×4 é a evolução da Mercedes-Benz no segmento off-road que era atendido até pouco tempo pelo importado Actros 4844 8×4, que era o mais vendido em sua categoria e agora vai permitir ao Arocs ser a nova referência no Brasil em disponibilidade e produtividade nas operações fora de estrada, como também em conforto e praticidade.

Junto com o lançamento a Mercedes já divulga que mais de 200 unidades já foram comercializadas, com as primeiras entregas previstas ainda este ano. E temos uma boa justificativa para essas facilidades.

O Arocs como afirmamos tem produção nacional, com índice de nacionalização superior a 60%, é diferente do modelo vendido na Europa e pode ser financiado por meio do Finame.

Mecânica Online – O Arocs chega ao mercado com um trem de força potente, muito robusto e resistente. O motor Mercedes-Benz OM 460 LA de 13 litros, consagrado no caminhão extrapesado rodoviário Novo Actros, oferece uma potência de 510 cv a 1.800 rpm, com torque de 2.400 Nm a 1.100 rpm.

Em harmonia com o câmbio totalmente automatizado Mercedes PowerShift G340 de 12 marchas, sem pedal de embreagem, o OM 460 LA entrega um excelente desempenho, com a confiabilidade da marca nas operações severas. Mesmo atuando em condições extremas, a condução do Arocs é suave, sem abrir mão da robustez necessária para a sua operação altamente especializada.

O câmbio automatizado, da última geração PowerShift 3, foi desenvolvido para o mercado brasileiro fora de estrada. Com inteligência embarcada, destaca-se pela troca de marchas mais rápidas e eficientes.

A caixa de câmbio é reforçada, com engrenagens mais largas, aumentando sua resistência e vida útil. Não possui anéis sincronizadores, o que significa menos demanda de manutenção.

Este câmbio se caracteriza pela alavanca multifuncional na coluna de direção, funções Hill Holder e Hold, o que resulta em mais praticidade e segurança nas partidas de rampa.

O Mercedes PowerShift G340 de 12 marchas apresenta três modos de operação:

Economy – Condições de uso leve, com piso bom e trecho plano. Exemplo: caminhão vazio. Neste caso, as trocas de marcha buscam melhor consumo de combustível.

Standard – Condições de uso intermediário, com pavimento bom e rampas suaves com caminhão carregado. As trocas de marcha também buscam melhor consumo de combustível.

Power Off-road – Condições e uso severo, pavimento com baixa aderência, rampas íngremes e caminhão carregado. Permite maior controle do veículo por meio do pedal do acelerador.

Manutenção – Quando falamos de caminhão para uso em mineração, sua aplicação normalmente acontece 24 horas por dia e sua disponibilidade é requisito básico na hora da aquisição.

A caixa de transmissão de 12 marchas exige a troca de óleo a cada 4.500 horas de uso, praticamente 200 dias de uso ininterrupto.

No caso do lubrificante do motor, o intervalo é de mil horas. Isso vale também para a substituição do óleo dos eixos do Arocs 8×4. O sistema de arrefecimento utiliza óleo em vez de água, como é comum no mercado.

A Mercedes-Benz também disponibiliza um pacote de itens exclusivos da linha Alliance, com destaque para os marcadores de torque das rodas que permite ao operador verificar se os parafusos perderam aperto após o término do turno de trabalho. Mais facilidade e principalmente, segurança.

O sistema de freio eletrônico do Arocs conta com ABS e ASR. Isso traz maior segurança de direção graças à distância de frenagem otimizada em comparação com os sistemas de freios convencionais. A função Hill Holder integrada facilita a movimentação em aclives.

A alta confiabilidade do sistema deve-se ao monitoramento constante do freio de serviço e seus componentes com sistema de alerta em caso de falha. Isso resulta em tempo minimizado na oficina ou para manutenção por meio do desgaste harmonizado da lona do freio, distribuição de energia do freio controlada por desgaste e armazenamento de falhas para diagnóstico rápido.

O Arocs assegura ainda um alto nível de dirigibilidade, uma vez que o ASR controla seletivamente a força de tração nas rodas motrizes ao dirigir em solo escorregadio. Resultado: desgaste reduzido e custos de manutenção menores.

O Arocs conta com freio de estacionamento eletrônico e função Hold. De fácil manuseio, essa função é ativada quando o veículo está parado e pressionando o pedal de freio com mais força. Pode ser desativada pelo motorista por meio de tecla.

A função é liberada assim que o pedal do acelerador é operado novamente. O Hold é ativado automaticamente quando o motor é desligado e também pode ser ligado e desligado por meio de alavanca na cabina.

Um diferencial do freio de estacionamento eletrônico é o seu acionamento automático ao abrir a porta do caminhão com o veículo parado. Esse sistema garante maior segurança à operação.

Atendendo a pedidos dos clientes, o Arocs conta com retarder a óleo. Essa solução é outro diferencial de mercado da Mercedes-Benz. Em combinação com os demais sistemas de freio, o retarder Voith R115 HV oferece cerca de 900 cv de potência de frenagem a 2.300 rpm, destacando-se por mais segurança e menos manutenção.

Resumo dos dados técnicos do Arocs 8×4

MotorOM 460 LA
Potência510 cv @ 1.800 rpm
Torque2.400 Nm @ 1.100 rom
Câmbio automatizadoPowerShift G340 de 12 marchas
EmbreagemBidisco de 440 mm
Distância entreeixos (1º e 3º eixos)4.550 mm
Distância entre os eixos dianteiros2.000 mm
Distância entre os eixos traseiros1.450 mm
Balanço traseiro800 mm
Comprimento total8.217 mm
Altura (descarregado)3.700 mm
Largura2.508 mm
Raio de giro10,75 m
Círculo de viragem (parede a parede)21,30 m
Redação Mecânica Online®https://www.mecanicaonline.com.br
Um dos principais portais quando o assunto é mecânica na internet brasileira, o Mecânica Online® é feito por você! Através de nosso público procuramos cada vez mais oferecer um conteúdo que leve sempre o nosso principal objetivo: mecânica do jeito que você entende.
- Publicidade - Casa Scania

Notícias relacionadas

Cursos Mecânica Online

Oportunidade para você entender como o automóvel funciona, seus recursos e tecnologias. Participe de nossos cursos gratuitos!

- Publicidade - Casa Scania

Mais recentes

- Publicidade - Mercedes-Benz
Cursos Mecânica Online®

Lançamento

Truck

Motocicleta

Avaliação