Mercedes-Benz

Polo Automotivo Stellantis Goiana (PE) é a planta mais ambientalmente sustentável do grupo no mundo

A fábrica é a primeira entre 43 plantas cujos indicadores ambientais são monitorados em todo o mundo

- Scania 65 anos

Na semana em que se comemora o Dia do Meio Ambiente, a Stellantis South America celebra o destaque de três de suas plantas na região entre as dez fábricas mais ‘verdes’ do grupo no mundo.

O índice Green Factory é avaliado globalmente e apontou a planta de Goiana, em Pernambuco, como aquela que apresenta as melhores práticas de gestão ambiental no mundo.

O Polo Automotivo de Betim (MG) ficou na quarta posição na avaliação global, e o Polo Automotivo de Porto Real (RJ) ficou na décima posição.

Com o resultado, a região da América do Sul se consolida como referência global nas práticas de ESG, a sigla em inglês para Ambiental, Social e Governança.

O destaque é resultado da crescente adoção na região de soluções sustentáveis no processo produtivo, em linha com os objetivos divulgados no plano estratégico de longo prazo da Stellantis, o Dare Foward 2030, que tem como meta alcançar a descarbonização do grupo até 2038, com redução de 50% já em 2030.

“Esse resultado é fruto de uma gestão ambiental realmente comprometida com um processo produtivo mais sustentável, que mobiliza uma equipe diversificada e empenhada em criar soluções e inovações para tornar o Polo Automotivo de Goiana ainda mais verde e eficiente”, destaca Roberto Soares, Gerente de Manufatura do Polo Automotivo de Goiana.

“Agora temos como missão aprimorar e difundir as melhores práticas e processos entre todas as unidades do grupo no mundo, sempre com foco na eficiência e sustentabilidade de todas as operações”, afirma Soares.

O índice Green Factory foi criado pela Stellantis para monitorar o avanço, reunindo todas as frentes ambientais em um único KPI, e garantir a evolução dos indicadores que contribuem para alcançar as metas de descarbonização e sustentabilidade estabelecidas pelo grupo.

O monitoramento acompanha o desempenho ambiental de 43 plantas espalhadas pelo mundo com base em indicadores como o total de resíduos gerados, recuperação de resíduos, consumo total de água, emissões de gases voláteis, emissões de gases de efeito estufa (CO2) e índice de biodiversidade.

Líder do ranking, o Polo Automotivo de Goiana foi, em 2021, o primeiro complexo industrial a se tornar Carbono Neutro na América Latina.

Inaugurado em 2015, iniciou suas operações na vanguarda da sustentabilidade no setor automotivo, com programas que abrangem desde a operação da manufatura até trabalhos socioeducativos realizados junto às comunidades do entorno e o Programa de Biodiversidade.

Desde o início, o Polo é Aterro Zero, ou seja, todos os resíduos gerados na produção são encaminhados para uma Ilha Ecológica que faz o tratamento necessário do material e sua correta destinação.

Parte desses resíduos são utilizados no projeto de economia circular Vem Pra Roda, que utiliza o material como matéria-prima para a confecção de itens de moda como bolsas, mochilas e calçados. O índice de reciclabilidade em Goiana é de 99,98%.

A mesma atenção é dada ao uso consciente da água. Na estação de tratamento de efluentes localizada dentro do Polo, toda a água utilizada na produção industrial é tratada e 99,6% deste volume retorna para a manufatura.

Em um mês, cerca de 20 milhões de litros de água deixam de ser captados da rede pública de abastecimento.

O Programa de Biodiversidade foi lançado simultaneamente ao início da produção local e tem como objetivo resgatar e conservar o bioma nativo da região, a Mata Atlântica.

O viveiro de mudas tem a capacidade de produzir cerca de 80 mil mudas por ano. Já foram plantadas mais de 117 mil mudas de 289 espécies, incluindo 27 em risco de extinção.

As plantas de Betim (MG) e Porto Real (RJ) também estão entres as dez mais sustentáveis do grupo. Em quarto lugar, a planta mineira é referência da gestão de resíduos sólidos, com índice de 100% de reaproveitamento dos resíduos da produção automotiva.

Foi pioneira na região na implantação do programa Aterro Zero, iniciado em 2011.

Atuando como parte atuante da comunidade em que está inserida, a planta é parceira do projeto social Cooperárvore e já destinou mais de 39 toneladas de resíduos de produção para sua utilização como matéria-prima na fabricação de mais de 250 mil peças, como bolsas, malas e outras utilidades, gerando renda para a comunidade de Jardim Teresópolis.

A planta de Porto Real fecha o ranking global na décima posição, com destaque para a gestão de resíduos. A unidade é Aterro Zero desde o ano passado e, anualmente, mais de 200 toneladas de resíduos deixam de ser encaminhados a aterros sanitários.

A planta é reconhecida pelo seu processo inovador de pintura a base de água, contribuindo para a redução da emissão de gases e efluentes. Também se destacada pelo plantio regular de mudas de espécies nativas no entorno da planta.

Equipe Mecânica Online®https://www.mecanicaonline.com.br
Um dos principais portais quando o assunto é mecânica na internet brasileira, o Mecânica Online® é feito por você! Através de nosso público procuramos cada vez mais oferecer um conteúdo que leve sempre o nosso principal objetivo: mecânica do jeito que você entende.
Mercedes-Benz

Notícias relacionadas

Cursos Mecânica Online

Oportunidade para você entender como o automóvel funciona, seus recursos e tecnologias. Participe de nossos cursos gratuitos!

- Scania 65 anos

Mais recentes

SIMEA 2022
- Publicidade - Mercedes-Benz

Instagram Mecânica Online®

- Volvo Zero Acidentes
Cursos Mecânica Online®

Lançamento

Truck

Motocicleta

Avaliação