quinta-feira, 13 junho , 2024
28 C
Recife

Apostando na conectividade de fábrica, Transit Chassi Cabine chega em duas versões a partir de R$ 240 mil

Transit Chassi chega com preço de R$ 260.000 na versão de 4,7 t e de R$ 273.000 na versão de 3,5 t e uma oferta especial de lançamento para as 100 primeiras unidades.

A Ford apresenta a Transit Chassi Cabine destacando ser o modelo mais equipado e seguro do segmento, que oferece conectividade de fábrica sem custo adicional e motorização diesel 2.0 litros com potência de 165 cavalos, torque de 39,7 kgfm e tração traseira.

- Publicidade -

E o Mecânica Online®, com Tarcisio Dias, foi até a cidade de Tatuí, onde fica o campo de provas da Ford no Brasil, para conversar com a engenharia e conhecer as duas versões chassi cabine, que apostam na robustez, durabilidade e versatilidade, sem falar numa condição especial de valor de aquisição para as primeiras 100 unidades, independente da versão.

E o motivo para a Ford continuar apostando na Transit é sua boa aceitação no mercado. A linha minibus e furgão cresceram 17% e 12% respectivamente nos últimos 24 meses.

Matias Guimil, gerente de estratégia e Produto da Ford América do Sul e Daniel Santos, gerente de desenvolvimento do produto da Ford América do Sul, conduziram a coletiva de imprensa com as novidades da linha Transit Chassi Cabine.

Entre os principais destaques podemos citar o pacote de itens de série, os três modos de condução – Eco, Normal e Escorregadio, a estrutura de longarina reforçada e o balanço traseiro ajustável, que facilita na colocação de diferentes implementos.

- Publicidade -

Quando o assunto é Mecânica Online o conceito monobloco é destaque em resistência estrutural e durabilidade. Além dos reforços estruturais com aços de ultra resistência, a cabine é modular e apresenta o mesmo nível de segurança das versões minibus e furgão, inclusive com a utilização de liga de boro e aços de ultra resistência, o que garante maior proteção aos ocupantes em caso de acidentes.

Na oportunidade que tivemos de dirigir o veículo no campo de provas, chamou atenção a ergonomia que garante uma boa posição de condução e altura interna adequada, garantindo mais conforto para o motorista.

A altura da cabine é de 2.265 mm e possui capacidade volumétrica de até 21 m³. O peso bruto total (PBT) técnico é de 4,7 toneladas e a capacidade máxima de carga de 2.601 kg.

Continuando em Mecânica Online® temos o motor diesel 2.0 P8 (PROCONVE 8) que possui quatro válvulas por cilindro e turbo de geometria variável. A potência é de 165 cavalos @3.500 rpm e torque de 39,7 kgfm entre @1.750-2750 rpm. Temos baixo nível de ruído e atrito e o óleo é SAE 5W30 com vida útil de 20.000 quilômetros.

Entre os diversos equipamentos de série disponibilizados, destaque para a central multimídia de 8 polegadas com Android Auto e Apple Carplay. A direção possui assistência elétrica e temos comandos no volante, controle eletrônico de estabilidade (ESP) e tração (TCS).

- Publicidade -

Observe na imagem abaixo os itens de ergonomia e conforto da cabine:

A partir de um produto base único, são duas versões homologadas: 4,7 toneladas e 3,5 toneladas. Confira na galeria de imagens abaixo as especificações, aplicações e custo toral de operação. A Ford deixa claro que a principal concorrente da Tansit Chassi Cabine é a Mercedes-Benz Sprinter.

“A Transit é a linha de veículos comerciais que mais cresceu nos últimos dois anos. Com a Transit Chassi estamos entrando em mais um segmento importante do mercado, trazendo ao Brasil mais um produto para atender a versatilidade, robustez e durabilidade que o cliente comercial precisa, com o que há de melhor em tecnologia”, diz Guillermo Lastra, diretor de Veículos Comerciais da Ford América do Sul.

“A Transit também é a única da categoria com três modos de condução, que aproveitam o torque plano do motor para tornar a jornada do motorista mais eficiente, com menos trocas de marcha”, destaca Daniel Santos, gerente de Desenvolvimento do Produto da Ford América do Sul.

Os preços anunciados para as duas versões da Transit, conforme suas capacidades:
Transit Chassi 3,5 t – R$ 273.000
Transit Chassi 4,7 t – R$ 260.000

Para o lançamento, A Ford preparou uma oferta especial limitada as primeiras 100 unidades, sendo o preço final de R$ 240.000 para a versão 4,7 t e R$ 250.000 para a versão 3,5 t [100 unidades independente da versão].

Baixo custo operacional – O custo de operação é um item chave para o cliente comercial e a Transit Chassi chega com um foco muito forte nesse aspecto, com um custo total 25% menor que a principal concorrente, considerando seguro, consumo de combustível, manutenção preventiva e corretiva e peças de colisão.

Além disso, ela é a única que vem com conectividade embarcada de fábrica integrada à arquitetura do veículo, sem custo adicional, que permite reduzir os riscos de ocorrências e paradas inesperadas. Ela também facilita a gestão dos veículos com o aplicativo FordPass e o portal FordPass Pro para clientes frotistas, incluindo recursos como a localização do veículo, acesso remoto aos dados de consumo de combustível e odômetro, recebimento de alertas de funcionamento e geração de relatórios de indicadores para o negócio.

Novo segmento – A nova versão chassi se junta à linha Transit formada pelos modelos minibus de 14+1 e 17+1 passageiros, vidrada, furgão de 10,7 m3 e 12,4 m3 e E-Transit, furgão 100% elétrico que está sendo testado em um programa com frotistas. A indústria total de veículos comerciais leves acima de 6 m3 é de cerca de 40.000 unidades/ano e os modelos chassi representam 25% desse volume.

Esses modelos, por sua vez, se subdividem em versões de até 3,5 t menores de 5 m (3.500 unidades) ou maiores de 5 m (3.500 unidades), e versões maiores de 3,5 t com mais de 5 m (3.000 unidades). A Transit Chassi vai atuar nestes dois últimos subsegmentos.

A Ford Pro iniciou as operações em 2021 com uma estrutura dedicada ao cliente comercial, com produtos e serviços desenvolvidos para oferecer o maior retorno para o negócio do cliente. Nesses 24 meses, foi a marca que mais cresceu no segmento de comerciais leves, conquistando 17% de participação com a versão minibus e 12% com a furgão.

“Além desses números, o que nos anima é a grande diversidade de clientes conquistados pela Transit, desde grandes frotistas a autônomos de diferentes segmentos, que têm dado uma resposta muito positiva do desempenho e da qualidade do produto”, diz Matias Guimil, gerente de Estratégia e Produto da Ford América do Sul.

A Ford Pro oferece uma área de engenharia dedicada, manufatura regional, rede de concessionárias com cobertura nacional, depósito de peças de padrão mundial, atendimento prioritário de vendas e pós-vendas e monitoramento do veículo por meio da conectividade para melhoria contínua do custo de posse do cliente.

Suporte à transformação – O suporte da Ford Pro ao cliente da Transit abrange também a transformação do veículo para atender às necessidades de cada tipo de aplicação com qualidade e eficiência. A área dedicada de engenharia da empresa conta com recursos próprios e instalações para o desenvolvimento de modificações e testes dos veículos para usos específicos de grandes frotas e entidades do governo.

A marca também dá suporte aos modificadores com o programa de certificação Ford Pro Convertor para garantir a qualidade do produto final. O Ford Pro Convertor é um processo mundialmente reconhecido de certificação de transformadores, que disponibiliza informações técnicas dos produtos, o manual do implementador e um conjunto de ferramentas de manufatura e engenharia para que a implementação e as modificações sejam feitas com qualidade, preservando o desempenho e a garantia do veículo.

Como exemplos de aplicação da linha, a Ford apresentou versões da Transit Chassi implementadas como Centro de Comando Móvel, baú, carga seca e guincho plataforma, além da furgão equipada como ambulância.

Matérias relacionadas

Site oficial de ofertas Chevrolet

Mais recentes

Ofertas Peugeot 208

Destaques Mecânica Online

Fiat Toro

Avaliação MecOn

SACHS - Versátil, abrangente e convincente