domingo, 25 fevereiro , 2024
28 C
Recife

ZF apresenta Brake-by-Wire do futuro, sistema de freios puramente elétrico para veículos definidos por software

Novo sistema de freio da ZF elimina a necessidade de fluido para freio. Combinação de sistema de freio elétrico e hidráulico também é possível.

No Next Generation Mobility Day, em Xangai, a ZF apresenta pela primeira vez um novo sistema de freios puramente elétrico. A força de frenagem é gerada em cada roda por um motor elétrico, ou seja, sem sistema hidráulico e fluido para freio. O sistema foi desenvolvido para o mercado global nos centros de desenvolvimento da ZF na China, nos EUA e na Alemanha.

“Nosso sistema de frenagem puramente elétrico é uma adição significativa ao nosso portfólio de sistemas de chassis em rede”, disse Dr. Holger Klein, CEO do Grupo ZF. “Com esses sistemas by-wire, (por fios) estamos abrindo as portas para uma nova era de controle de veículos”. Klein acrescentou que se trata de algo especialmente verdadeiro em veículos definidos por software e movidos eletricamente, pois este tipo de sistema de frenagem tem muitas vantagens e abre uma nova liberdade para o design e desenvolvimento.

Num sistema de freio denominado “seco”, o fluido já não é necessário. A pressão do freio não é mais gerada pelos fluidos no sistema hidráulico, mas por motores elétricos. Os sinais de freio do pedal para o motor elétrico também são transmitidos de forma puramente elétrica, razão pela qual o termo “freio a seco por fio” é usado.

Seguro, confiável e sustentável – Comparado com os sistemas de freios convencionais, o novo sistema Brake-by-Wire (freios por fios) como o IBC (Controle de Freio Integrado) permitem distâncias de frenagem mais curtas, melhor recuperação da energia de travagem e menores custos de manutenção.

Durante a frenagem automática de emergência, a distância equivale a velocidade de 100 km/h e pode ser até nove metros mais curta do que com sistemas convencionais. Além disso, os carros elétricos podem atingir até 17% mais autonomia através de uma recuperação ainda melhor da energia de frenagem.

Especialmente com sistemas de freio a seco, os torques de arrasto residuais que ocorrem com sistemas de frenagem convencionais, devido ao contato mínimo entre as pastilhas de freio e os discos de freio, podem ser reduzidos a quase zero. Isto resulta em menores emissões de poluentes na atmosfera. Esta menor resistência durante a condução também poupa energia e pode aumentar a autonomia de um veículo elétrico.

Dispensar um sistema hidráulico significa custos de montagem e logística significativamente mais baixos, mesmo durante a produção do veículo, uma vez que o sistema utiliza menor número de peças. E durante a vida útil do veículo, o usuário se beneficia, já que não há fluidos para trocar, o que reduz a quantidade de manutenções necessárias na oficina.

Embora não exista mais uma conexão mecânica entre o pedal do freio e os atuadores do freio, a sensação de frenagem é a mesma de um freio hidráulico. A segurança da transmissão e processamento de dados, bem como do fornecimento de energia aos motores elétricos é garantida pela duplicação de todas as conexões e sistemas, como também é comum em sistemas by-wire (por fios) na aviação.

Puramente elétrico, puramente hidráulico ou combinado – Com mais de 50 anos de experiência no desenvolvimento e produção de sistemas de freio e com mais de três bilhões de componentes de freio fabricados, a ZF é um dos maiores e mais renomados fornecedores do mundo nessa área.

Os fabricantes de veículos podem montar o seu sistema de frenagem ideal, desde o clássico sistema puramente hidráulico até o novo sistema, puramente elétrico, dependendo das suas necessidades. Também são possíveis formas híbridas como, por exemplo, um sistema hidráulico na frente e um sistema puramente elétrico no eixo traseiro. Além disso, a ZF oferece todos os componentes de um sistema de frenagem a partir de uma única fonte, desde freios de roda a freios de estacionamento, e de hardware e software.

By-Wire em combinação: freio, direção e amortecimento – A ZF possui um dos portfólios mais abrangentes de sistemas de direção, freios ou amortecimento controlados eletronicamente para veículos definidos por software.

“Os sistemas de chassi em rede para dinâmica longitudinal, lateral e vertical podem melhorar a dinâmica de direção, e a ZF está posicionada de forma única no mercado com sua gama de atuadores e funções para combinar também todas as três dimensões da dinâmica do veículo”, disse Klein.

Os sistemas by-wire (por fios) controlados eletronicamente e em rede oferecem melhor controle do veículo, distâncias de frenagem mais curtas, mais flexibilidade e estabilidade de direção, em altas velocidades e maior alcance e eficiência.

Matérias relacionadas

Mais recentes

Destaques Mecânica Online

Avaliação MecOn