quinta-feira, 25 julho , 2024
28 C
Recife

Estudo elétrico do caminhão pode gerar economia de até 10%

MAN Latin America  é a primeira da América Latina a realizar o dimensionamento elétrico completo de um caminhão em fase de testes – A fabricante dos caminhões e ônibus Volkswagen e caminhões MAN, é a primeira montadora da América Latina a realizar o dimensionamento elétrico completo de um caminhão em fase de testes. O VW Delivery 8.160, um dos veículos mais vendido do Brasil, foi o escolhido para dar o pontapé inicial neste projeto, cujos resultados já serão observados na linha de comercialização da família em 2015.

Toda avaliação ocorreu em laboratório especializado do fornecedor Delphi, em Jambeiro (SP), com acompanhamento direto de representantes da Engenharia e Qualidade Assegurada da MAN Latin America. A iniciativa permite que a empresa consiga antecipar possíveis problemas elétricos ainda em fase de desenvolvimento, com uma rica coleta de dados, assegurar a proteção de todos os circuitos e realizar testes investigativos para análises de melhorias. É um forte aliado, ainda, na redução de custos de material, que pode chegar a 10% para futuros projetos, nesta primeira fase.

- Publicidade -

“Foram dois anos de estudos que nos possibilitaram readequar sistemas e desenvolver novas diretrizes, agregando valor ao produto. A iniciativa nos posiciona de forma positiva frente a um mercado com demandas crescentes de atualizações e inovações técnicas. O próximo passo é atender às demais famílias de veículos Volkswagen e MAN”, destaca Gastão Rachou, vice-presidente de Engenharia, Estratégia do Produto e Gerenciamento de Portfólio da MAN Latin America.

O teste acontece de forma estática e engloba todo o sistema elétrico do veículo, que abrange mais de mil pontos de medição entre as áreas interna (cabine) e externa do caminhão. As condições são fundamentadas nas relações de demanda versus capacidade, que permitem identificar ociosidades tanto na utilização de energia, quanto em materiais da arquitetura elétrica do veículo, e simular curtos-circuitos em todos os pontos para avaliar o grau de proteção e segurança do chassi.

Tecnologia também no desenvolvimento de peças – A inovação faz parte do cotidiano da MAN Latin America. Além do dimensionamento elétrico em fase de testes, há iniciativas que já geram resultados no desenvolvimento de peças protótipos, como é o caso da utilização da impressora 3D. Com mais de 200 protótipos produzidos em um ano de operação, a montadora conseguiu reduzir em quase 80% o custo de modelos conceituais (mock ups, em inglês) na fase inicial dos novos projetos, num processo que leva, no mínimo, quatro semanas.

- Publicidade -

Outra realidade é a utilização de tecnologia a laser. A montadora adquiriu dois equipamentos de ponta para aumentar ainda mais a precisão e velocidade na produção de peças. Com um escâner a laser, a empresa avalia a qualidade e conformidade de peças, que chega a ser até 20 vezes mais rápida, com relação às tecnologias empregadas anteriormente. A análise de um painel de instrumentos, por exemplo, que antes levava cerca de 20 horas, agora pode ser concluída em apenas 40 minutos. Já a máquina de corte a laser possibilitou que o corte de chapas, antes artesanal, tivesse um ganho de produtividade de 40%.

Matérias relacionadas

Ofertas Peugeot 208

Mais recentes

Clínica de Serviços Chevrolet

Destaques Mecânica Online

Com a Volvo rumo ao Zero Acidentes – Itapemirim

Avaliação MecOn

FIAT na mão