quinta-feira, 25 julho , 2024
28 C
Recife

Unicamp vence SAE BRASIL & Ballard Student H2 Challenge ao rodar com o primeiro Baja movido a hidrogênio do mundo

Veículos projetados e construídos por estudantes competiram no Esporte Clube Piracicabano de Automobilismo (ECPA-SP), de 11 a 14 de agosto

A Equipe Unicamp Baja SAE, da Universidade Estadual de Campinas (SP), conquistou o primeiro lugar no SAE BRASIL & Ballard Student H2 Challenge, com 945 do total de mil pontos na classificação geral, por ter desenvolvido, construído e rodado o primeiro Baja movido a célula a combustível hidrogênio (H2) do mundo.

Primeira competição estudantil de veículos do tipo Baja e Fórmula SAE BRASIL movidos a célula a combustível hidrogênio, o desafio reuniu oito equipes de universidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Bahia e aconteceu em paralelo à 18ª Competição Fórmula SAE BRASIL-TotalEnergy, de carros a combustão e elétricos, em boxes separados e com interação entre as equipes.

- Publicidade -

As 2ª e 3ª colocadas foram, respectivamente, Mauá Racing, do Instituto Mauá de Tecnologia (São Caetano do Sul-SP), com 504 pontos do projeto Baja H2, e a UFABC, da Universidade Federal do ABC (Santo André-SP), que conquistou 495 pontos com o projeto de um Fórmula H2.

Ambas as equipes chegaram perto de rodar os seus veículos, não fossem contratempos de última hora também ocorridos com a equipe Minerva Baja, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Rio de Janeiro-RJ), 5ª colocada.

A 4ª colocação ficou com a H2 B’energy Racing, do Centro Universitário Facens (Sorocaba-SP), que operou o sistema de funcionamento do carro em laboratório, e subiu do 7º lugar na classificação da última etapa digital em 2021.

- Publicidade -

O 6º lugar nesta prova presencial foi da TEC H2-Racing, do Senai Cimatec (Salvador – BA), que ascendeu do 8º lugar na competição virtual.

Afetadas pelas consequências do longo período de restrições da pandemia, as equipes enfrentaram mudanças e, sobretudo, dificuldades na aquisição de peças adicionais às doadas, muitas delas não disponíveis no mercado nacional.

Algumas não conseguiram finalizar a construção dos veículos, mas participaram do desafio com seus projetos e comprovaram o domínio da tecnologia.

- Publicidade -

“A elevada capacitação técnica, o domínio das equipes na nova tecnologia, e a estreia do Baja da Unicamp a célula a combustível hidrogênio, superaram todas as expectativas da competição, pioneira e única no mundo; uma coisa é conhecer e rodar em um veículo a célula a combustível, outra é desenvolvê-lo, construí-lo e operá-lo. Estamos promovendo a formação de profissionais do futuro para engrandecer a indústria nacional”, destaca Monica Saraiva Panik, mentora da Mobilidade a Hidrogênio da SAE BRASIL e coordenadora do SAE BRASIL & Ballard Student H2 Challenge.

Superação – O SAE BRASIL & Ballard Student H2 Challenge foi lançado em nível nacional em 2020, com 15 universidades inscritas que participaram de cursos de capacitação online gratuitos organizados pela SAE BRASIL.

Durante a pandemia em 2020 e 2021 foram realizadas as etapas virtuais e oito equipes se classificaram para construir seus veículos para a etapa presencial de 2022 com Bajas e Fórmulas SAE submetidos a provas estáticas e dinâmicas.

Quatro dessas equipes estavam prontas para rodar os carros na pista do ECPA, mas a campeã Unicamp Baja SAE foi a única a cumprir a prova de Enduro, o que garantiu o maior número de pontos no computo geral.

Pontuação – Além do Enduro, a pontuação geral classificatória é composta de provas estáticas e apresentação dos projetos de engenharia veicular pelas equipes, em que são demonstradas as capacidades técnicas e de organização para a concretização do protótipo final.

Entram para a contagem de pontos relatórios de design e empacotamento dos componentes, organização e layout do box e exibição estática do veículo e habilidades técnicas da equipe.

Apresentação de projeto (desenhos CAD), descrição e justificativa da arquitetura do fluxo de energia do powertrain, integração de motor e transmissão, escolha de relações de transmissão, velocidade máxima em pista de corrida, entre outros quesitos, como sistemas básicos do veículo, de alimentação de H2 e refrigeração.

“Não tenho dúvida de que o SAE BRASIL & Ballard Student H2 Challenge é um marco histórico para a mobilidade brasileira e mundial. A competição impressionou pelo empenho dos estudantes na conquista do primeiro veículo movido a hidrogênio feito por eles, que exigiu amplo conhecimento da nova tecnologia, muita dedicação e um ambiente proativo e construtivo. Foi emocionante ver tantos jovens motivados em superar cada obstáculo dessa jornada para a mobilidade que desejamos”, diz, Camilo Adas, presidente do Conselho da SAE BRASIL.

SAE BRASIL & Ballard Student H2 Challenge

Equipes inscritas

Fórmula H2

Equipe H2 B’energy Racing – Centro Universitário Facens (Sorocaba-SP)

Equipe TEC H2-Racing – Senai Cimatec (Salvador – BA)

Equipe Cheetah E-Racing – Universidade Federal de Itajubá (MG)

Equipe UFABC – Universidade Federal do ABC (Santo André-SP)

Equipe FEI H2 – Centro Universitário da FEI (São Bernardo do Campo-SP)

Baja H2

Equipe UNICAMP Baja SAE – Universidade Estadual de Campinas (SP)

Equipe Mauá Racing – Instituto Mauá de Tecnologia (São Caetano do Sul-SP)

Equipe Minerva Baja – Universidade Federal do Rio de Janeiro (RJ)

Apoiadores – Doações: Ballard – (8 sistemas de célula a combustível); Air Products (8 cilindros de hidrogênio); Clarios (8 baterias); Siemens Automotive (8 licenças de software de simulação); SEG Automotive (8 motores elétricos); WEG (8 inversores); Parker,Texiglass, Novapol, Polynt e Gatron (materiais compósitos); CNPq (importação dos sistemas de célula a combustível do Canadá).

Adoção de equipes: Mercedes-Benz (2); Volkswagen (1); General Motors (1); Ford (1); AVL South America (1); Semcon (1); WEG (1 equipe).

Parcerias: Sobratema (lançamento e divulgação em 2020); Anfavea (Programa Adote uma Universidade); Almaco e MCTI (apoio institucional).

Matérias relacionadas

Ofertas Peugeot 208

Mais recentes

Clínica de Serviços Chevrolet

Destaques Mecânica Online

Com a Volvo rumo ao Zero Acidentes – Itapemirim

Avaliação MecOn

FIAT na mão