sexta-feira, 1 março , 2024
28 C
Recife

Bolhas nos pneus: como evitar e o que fazer quando elas surgirem

Manter a calibragem em dia e ter cuidado ao guiar reduz os riscos desta avaria

Enfim chegou o momento de pegar a estrada e curtir o verão com a família, mas antes disto, é imprescindível avaliar o estado geral do veículo e todos os seus componentes, especialmente, os pneus.

Este é o momento que demanda mais cuidados do condutor na hora de avaliar o estado de conservação do veículo, e este item, os pneus, são fundamentais quando o assunto é segurança e conforto. Além de avaliar o nível de desgaste da banda de rodagem é necessário observar se existem avarias, como por exemplo, bolhas nas laterais do pneu.

As bolhas podem surgir em qualquer momento da vida do pneu, e são geradas pela ruptura e/ou afrouxamento das lonas têxteis (carcaça – estrutura do pneu) devido a impacto acidental sofrido pelo conjunto pneu e roda contra obstáculos presentes na via.

Não existe reparo que mantenha a integridade do produto, recomendando-se a troca imediata após avaliação de um técnico especializado, pois este dano compromete a funcionalidade, bem como a segurança dos ocupantes do veículo com pneu nesta condição.

O que causa e como evitar bolhas – Na impossibilidade de se desviar de algum obstáculo, evite passar com o volante virado para reduzir as chances de impactos na lateral do pneu, recomenda-se que passe em baixa velocidade, e se for necessário frear para reduzir a velocidade, solte o freio alguns metros antes de atingir este obstáculo, pois a suspensão do veículo voltará ao seu curso normal e ajudará a reduzir o impacto.

A situação é agravada se a calibragem do pneu estiver incorreta, divergente do recomendado pelo fabricante do veículo, pois a deformação na lateral do pneu será ainda maior, e quando ele precisar lidar com estas situações de impactos, realizando a absorção da energia, não conseguirá efetuar de maneira eficiente e poderá ocasionar o dano, conforme explicado anteriormente.

Erros durante o processo de montagem ocasionado por montagem inadequada, ausência de treinamento do profissional, equipamento incorreto e falta de lubrificação dos pneus nas rodas são as principais causas que também podem causar bolhas, pois pode ocorrer um corte na borda do talão do pneu, e este corte faz com que haja a entrada de ar entre a carcaça e a borracha da lateral do produto.

Outro fator importante é ficar atento à calibragem dos pneus. Além de causar o desgaste irregular na banda de rodagem, pneus com a pressão abaixo do recomendado estão mais suscetíveis ao aparecimento de bolhas causadas por impactos. Lembre-se ainda que o cuidado deve ser maior se o veículo usar pneus com o perfil baixo, pois como sua estrutura lateral é mais rígida, dificultando assim a dissipação da energia durante o impacto.

“Mesmo uma pessoa cuidadosa ao dirigir e atenta a manutenção de seu veículo e dos pneus está sujeita a passar por um buraco e observar o aparecimento de bolhas nas laterais do pneu. Por isso, é importante seguir as recomendações indicadas e em casos de avarias acidentais. Para os clientes Dunlop, que compram pneus participantes da Garantia Mais, de acordo com o regulamento da promoção, vão desfrutar de um benefício adicional, que traz segurança e conforto para nossos clientes, ainda mais nesta época do ano em que muitas pessoas viajam e a temperatura do asfalto é maior e notamos mais buracos, devido à época de chuvas”, explica Rodrigo Alonso, diretor de vendas e marketing da Dunlop.

Caso note a presença de bolhas no pneu do veículo, faça a substituição imediata do produto danificado para sua segurança em lojas especializadas.

Matérias relacionadas

Mais recentes

Destaques Mecânica Online

Avaliação MecOn