terça-feira, 27 fevereiro , 2024
28 C
Recife

O cuidado com as rodas: pequenas atitudes podem salvar vidas

Como diminuir o risco de acidentes com rodas que se desprendem dos veículos.

Os acidentes causados por rodas que se desprendem e atingem outros veículos têm sido muito comentados nos últimos tempos, principalmente pelos casos que vêm acontecendo. Rodas soltas representam um perigo significativo para os motoristas, passageiros e outros usuários da via, e por isso, a DPaschoal destaca a importância da manutenção preventiva como uma das formas de evitar rodas soltas e garantir a segurança dos condutores e passageiros.

As rodas podem ser fixadas em um veículo por meio de porcas ou parafusos, dependendo do tipo de sistema de fixação utilizado, e do projeto considerado pelo fabricante do veículo. É altamente recomendado verificar o manual do proprietário do veículo para obter as especificações exatas de torque recomendadas pelo fabricante.

O manual do proprietário fornecerá as informações corretas para o veículo específico, pois diferentes modelos podem ter requisitos diferentes. Além disso, ao apertar os parafusos ou porcas das rodas, é importante seguir as diretrizes corretas de sequência de aperto e utilizar uma chave de torque adequada, para garantir que o torque correto seja aplicado de forma uniforme em todos os parafusos ou porcas.

Pouca gente sabe, mas ocorrências de rodas que se desprendem dos veículos acontecem com grande frequência. Apenas entre os meses de janeiro e maio deste ano, foram 989 casos, em 3,2 mil quilômetros de rodovias do sudeste e sul do Brasil, que são administrados por uma concessionária. Além da questão de segurança, transitar com equipamento ineficiente ou inoperante, que compromete a segurança é uma infração grave do Código de Trânsito Brasileiro e pode gerar uma multa de quase R$200, além de cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação.

Um ponto de alerta aos proprietários de veículos, são as substituições de rodas originais por outros modelos personalizados, sem observar as características técnicas e dimensionais do conjunto roda e cubo de roda especificadas pelos fabricantes. A aplicação de uma roda inadequada, com divergências dimensionais entre os furos, pode trazer sérios riscos de acidentes, pois não permitem uma fixação correta da roda ao veículo.

Desta forma, a aplicação incorreta de um parafuso ou uma porca de fixação, ou ainda uma roda não original, com divergências dimensionais nas furações ou nas superfícies de contato e aperto, podem não se encaixar corretamente, e isto pode danificar as roscas do conjunto, ocasionando folga excessiva ou aperto insuficiente, comprometendo a fixação adequada da roda. Uma outra dica, é garantir sempre a utilização da porca ou parafuso original, conforme especificado pelo fabricante do veículo.

Fazer inspeções visuais regulares nas rodas, nos parafusos e porcas, verificando se existem sinais de desgaste excessivo, danos ou rachaduras e certificando que estejam apertadas corretamente é o ponto de partida para evitar incidentes.

Além das rodas, os pneus também desempenham um papel crucial na segurança do veículo, por isso, verificar regularmente a pressão dos pneus e o desgaste da banda de rodagem é de suma importância, pois pneus danificados ou desgastados podem contribuir para o afrouxamento das rodas.

Manter uma rotina de manutenção regular para o veículo, incluindo a inspeção das rodas, com profissionais qualificados para verificar o sistema de freios, suspensão e outros componentes relacionados às rodas, também são importantes. A utilização de uma chave de torque para apertar as porcas das rodas com a força adequada, de acordo com as especificações do manual do proprietário do veículo, executada por profissionais capacitados, deve ser executada regularmente.

De acordo com o Gerente de Engenharia da DPaschoal, Emerson Salles, os cuidados com o aperto dos parafusos e das porcas das rodas são deixados de lado por muitos motoristas e os números mostram o risco que se corre quando isso não é feito de maneira correta.

“Ao adotar medidas preventivas e realizar a manutenção regular, o motorista contribui para a sua segurança e a segurança dos outros nas estradas. É extremamente importante estar atento a qualquer vibração, ruído ou comportamento anormal do veículo, que podem ser sinais de um problema iminente com as rodas. Ao adotar medidas preventivas e realizar a manutenção adequada, podemos reduzir significativamente o risco de acidentes causados por rodas soltas. Precisamos estar atentos e com a manutenção dos veículos em dia”, indica Emerson.

Matérias relacionadas

Mais recentes

Destaques Mecânica Online

Avaliação MecOn