segunda-feira, 4 março , 2024
28 C
Recife

Tecnologia da Mazda pode reduzir atropelamentos

Um sensor projetado pela Mazda, marca que pertence à Ford Motor Company, poderá reduzir o número de acidentes de trânsito, principalmente atropelamentos. A tecnologia que está em teste foi montada no sedã 626. Ela consiste em um radar a laser, cujos raios fazem um ‘escaneamento’ da área à frente do veículo.

Se um obstáculo é encontrado pelo feixe de raios, uma resposta retorna à unidade sensora que está instalada na frente do veículo. Esse retorno é analisado pelo próprio sistema que, em seguida, emite um aviso ao motorista por meio de um monitor instalado no painel do carro.

O sistema pode detectar um pedestre distante do carro de 45 m a 60 m e também tem a capacidade de discernir pessoas de objetos inanimados, como árvores e postes. O computador que atua na central do sensor determina o potencial risco do obstáculo. Isso é feito com o auxílio de cálculos automatizados. Por meio de algoritmos matemáticos é comparada a distância do pedestre em relação ao movimento do automóvel.

Se o risco é estabelecido, o sistema toca um alarme e acende um aviso luminoso dentro do carro. Quando o perigo é iminente e o carro necessita de uma freada brusca, a buzina é automaticamente acionada para advertir o pedestre. O equipamento funciona também contra impactos na traseira e ainda encontra-se em fase de aperfeiçoamento.

Matérias relacionadas

Mais recentes

Destaques Mecânica Online

Avaliação MecOn