quinta-feira, 22 fevereiro , 2024
28 C
Recife

Lançada pesquisa sobre montadoras e veículos

- Advertisement -

CINAU lança quinta edição da pesquisa montadoras e veículos – recomendação profissional – Venda de veículos em 2002 reafirma a influência dos mecânicos independentes sobre o consumidor na hora da compra do carro 0 km

A CINAU (Central de Inteligência Automotiva), instituto de pesquisa especializado no setor de reparação automotiva e ligado ao jornal Oficina Brasil, lançou a 5ª edição da pesquisa “Montadoras e Veículos – Recomendação Profissional”, que aponta os melhores e os piores veículos e montadoras do ponto de vista do reparador independente de carros.

A pesquisa está sendo realizada por meio de carta-resposta encartada no jornal, Internet e telefone. O resultado será divulgado na segunda quinzena de março de 2003.

- Advertisement -

De acordo com Cássio Hervé, diretor da CINAU, os mecânicos independentes são importantes formadores de opinião para o consumidor que, geralmente, antes de efetuar a compra de um carro, pede orientação a esses profissionais, responsáveis pelo atendimento de aproximadamente 75% da frota circulante do País, o equivalente a mais de 15 milhões de veículos.

“As análises e previsões obtidas através da 4a edição dessa pesquisa, divulgadas em março de 2002, foram comprovadas pelos números de varejo da Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores). Nessa comparação, verificou-se a real influência do reparador sobre o consumidor e, por conseqüência, no mercado de veículos”, afirma Hervé.

Através dessa pesquisa foram realizadas as seguintes previsões para 2002:

- Advertisement -

– A Fiat consolidaria sua liderança;

– A General Motors manteria os níveis de venda, mas com leve tendência de baixa;

– A Volkswagen sofreria um decréscimo mais acentuado nas vendas, podendo ocupar eventualmente o terceiro lugar;

– A Ford teria um aumento significativo na participação de mercado.

“Ao fazer um comparativo com os números da Fenabrave, é possível constatar que todas as previsões se realizaram”, destaca o diretor da CINAU. A Fiat fechou o ano na liderança, com a venda de 356.271 veículos, seguida pela Volkswagen, que comercializou 341.861 unidades, volume cerca de 15% inferior às vendas da montadora em 2001.

Já a GM negociou 335.574 unidades, uma queda de 5,3% aproximadamente, em relação a 2001, quando a montadora vendeu 353.569, o que indica estabilidade em suas vendas. Para completar, a Ford apresentou um crescimento de 13,3%, passando de 114.018 veículos comercializados em 2001 para 129.160, em 2002.

Segundo o diretor da CINAU, o principal objetivo desta pesquisa é chamar a atenção do mercado automotivo e da sociedade como um todo para a importância e a força do setor independente de reparo de veículos, que não tem o devido reconhecimento.

“Decorridos apenas dois anos no máximo, os ‘milionários’ lançamentos das montadoras têm seu período de garantia extinto e vão parar na oficina independente, que vive à sombra da indústria automotiva, o que não é justo, pois é o mecânico independente que mantém a frota brasileira circulando”, completa Hervé.

Matérias relacionadas

Mais recentes

Destaques Mecânica Online

Avaliação MecOn

Lançamentos