sexta-feira, 12 abril , 2024
28 C
Recife

Renault apresenta o Novo Clio 2 Portas

Visando competir no segmento de automóveis com preços até R$ 20.000,00, a Renault do Brasil inicia a comercialização da versão de duas portas do Novo Clio, primeiro modelo da gama 2004.

- Publicidade -

Além do preço competitivo, pacote de equipamentos superior aos carros do mesmo segmento e interior confortável, o Novo Clio 2p apresenta uma aparência ainda mais esportiva.

O modelo passa a ser a versão de entrada da linha Renault e chega ao mercado custando R$ 1.400,00 menos na versão 1.0 8V e R$ 1.300,00 menos na 1.0 16V, em relação ao modelo quatro portas.

- Publicidade -

O Novo Clio 2p é o mais recente produto da Renault do Brasil para competir no concorrido segmento de carros pequenos, que representou em 2002 aproximadamente 78% do mercado de automóveis, com cerca de 988 mil unidades vendidas.

Comercializado em uma única versão de acabamento (Authentique), o Novo Clio 2p chega ao mercado com preço sugerido de R$ 17.990,00 (internet) na versão equipada com motor 1.0 8V, e de R$ 19.690,00 (internet) para motorização 1.0 16V.

“O lançamento do Novo Clio 2p terá papel decisivo na estratégia de aumentar as vendas do modelo no mercado brasileiro”, explica Dominique Maciet, Vice-presidente Comercial da Renault do Brasil e Mercosul.

- Publicidade -

O objetivo é comercializar 42.000 unidades do Novo Clio em 2003. A versão de duas portas deverá representar 20% (8.400 unidades) deste volume. O Novo Clio 2p terá como principais concorrentes o Peugeot 206, Fiat Palio e Volkswagen Gol.

Durante o período de desenvolvimento do Novo Clio 2p, a equipe de engenharia da Renault do Brasil concentrou-se na missão de criar um modelo de personalidade marcante, que transmitisse a imagem de robustez e esportividade, sem que isso significasse comprometer o acesso ao interior do habitáculo.

A frente do Novo Clio 2p, a exemplo de toda linha do Novo Clio, invoca robustez, modernidade e dinamismo.

O losango Renault em destaque na grade central e faróis de generosas dimensões, que mesclam linhas curvas com ângulos, reforçam a personalidade marcante do modelo.

Na lateral, a eliminação de duas portas deu uma aparência mais esportiva ao Novo Clio. As portas de acesso ao habitáculo são inteiramente novas.

Medindo 21 cm a mais em termos de comprimento, se comparadas as instaladas na versão quatro portas, elas possuem um amplo ângulo de abertura de 60,2º, o que torna fácil e confortável o acesso ao interior do habitáculo e aos bancos traseiro.

Com esse aumento de tamanho, as portas sofreram, conseqüentemente, um acréscimo de peso.

Para compensar o esforço que é necessário se empregar para abri-la ou fechá-la, a Renault instalou um novo conjunto de dobradiças, desenvolvidas exclusivamente para este modelo.

Com a nova peça, este esforço foi reduzido, igualando-se ao empregado na versão de quatro portas.

Ainda por conta do maior comprimento das duas portas laterais, a coluna central do Novo Clio 2p foi recuada em relação ao eixo central do veículo, sem que isso significasse alterações na distribuição de peso ou nos pontos de deformação programada.

Além das barras de proteção lateral, disponibilizadas como itens de série, as laterais do Novo Clio 2p contam com inúmeras travessas internas soldadas às duas chapas que moldam o desenho interno e externo da lateral.

Essas travessas aumentam a rigidez da lateral, contribuindo para a segurança dos ocupantes do banco traseiro.

O vidro traseiro lateral é fixo e colado à carroceria. De grande dimensões, estes vidros laterais contribuem para a luminosidade interna do habitáculo e a harmonia do desenho externo do veículo.

Os engenheiros da Renault desenvolveram um novo teto para a versão duas portas, cuja área é menor em relação à versão hatch quatro portas (2,021 m2 no modelo 4p ante 1,952m2 no 2p).

Isto deve-se à localização dos pontos de solda que ligam a parte posterior do teto à lateral.

Na versão de quatro portas estes pontos são cobertos pelas portas traseiras, enquanto no modelo com duas portas, os mesmos são protegidos por uma chapa metálica, pintada na mesma cor do veículo, que ocupa uma pequena área da parte superior do teto.

Versão única de acabamento – Inicialmente, o Novo Clio 2p será comercializado em uma única versão de acabamento, denominada Authentique.

Modelo de entrada da linha Novo Clio, a versão Authentique foi criada para os clientes que procuram um veículo funcional, prático e acessível.

No interior da versão Authentique, nota-se a combinação de materiais de qualidade e ótimo acabamento.

O revestimento dos bancos em tecido “Voile Gris” de cores e tons claros, cria um ambiente agradável, superior em relação à média do segmento.

Além do farol de duplo óptico e pára-choque na cor da carroceria, a versão Authentique conta com alarme sonoro de advertência de luzes acesas, que impede o motorista de esquecer os faróis ligados ao sair do carro.

Outros equipamentos que compõem a versão Authentique para o modelo Novo Clio 2p são: Airbag duplo (de série na versão 1.0 16V e opcional na 1.0 8V), ar quente, calotas integrais do tipo “ursa”, apoio de cabeça nos bancos dianteiros e traseiros; cintos de segurança dianteiros retráteis de três pontos com limitador de esforço integrado e regulagem de altura; fechadura inviolável; indicador de temperatura de água e nível do combustível; desembaçador do vidro traseiro; porta-luvas com tampa; vidros verdes; painel de instrumentos com relógio digital embutido; hodômetro total e parcial digitais; banco traseiro rebatível e pneus 165/70 R14 (175/65 R14 para 1.0 16V).

Ar-condicionado, direção hidráulica (somente para motorização 1.0 16V) e pintura metálica são disponibilizados como equipamentos opcionais na versão Authentique.

Os clientes poderão contar, ainda, com a comodidade oferecida pelos vidros dianteiros elétricos e travas elétricas, que são oferecidos como itens acessórios, podendo ser adquiridos em qualquer concessionária Renault.

O Novo Clio 2p conta com novos bancos dianteiros, que, ao terem o encosto rebatido, deslizam-se para frente do habitáculo, facilitando o acesso dos passageiros ao assento traseiro.

Além disso, o banco do motorista conta com “memória” do ajuste do assento. Ou seja, ao retornar o assento do motorista para trás, o mesmo volta para a posição em que se encontrava antes de ser rebatido, mantendo assim, a regulagem feita anteriormente pelo condutor.

No quesito acabamento interno, o Novo Clio 2p mantém o mesmo padrão e características de conforto, luminosidade e ergonomia presente em toda gama Novo Clio.

Porém, a forração interna das portas dianteiras e as laterais internas traseiras foram projetadas especialmente para o modelo duas portas, devido ao aumento do comprimento das portas dianteiras e a ausência das portas traseiras.

Outra peça interna de acabamento que teve que ser projetada especialmente para o Novo Clio 2p foi o forro do teto.

Isso deve-se ao fato da mudança dos pontos de fixação da peça à carroceria, que foram alterados por conta da ausência das portas traseiras.

Duas opções de motor – O Novo Clio 2p chega ao mercado brasileiro em duas opções de motorização 1.0 litro, com 8 ou 16 válvulas.

O motor 1.0 8V, denominado D7D, desenvolve 58 cv de potência a 5.500 rpm e torque máximo de 8,3 mkgf a 4.250 rpm, permitindo ao Novo Clio 2p atingir a velocidade máxima de 144 km/h e acelerar de 0 a 100 km/h em 18,2 segundos.

Além do ótimo desempenho, outra característica do motor D7D é a economia de combustível.

Na cidade, este propulsor atinge média de 13,39 km/l, enquanto no ciclo rodoviário (vazio e sem ar-condicionado) o consumo alcança a marca de 18,52 km/l.

A exemplo do ocorrido quando do lançamento da linha Novo Clio, em fevereiro deste ano, o propulsor 1.0 litro de 16 válvulas, batizado de D4D, passou por uma evolução na calibração do calculador do sistema de injeção eletrônica do motor.

Com isso, este propulsor de 999 cm³ de cilindrada, teve um acréscimo de 2 cv na potência, passando a desenvolver 70 cv a 5.500 rpm, e torque de 9,5 mkgf a 4.250 rpm, sendo que 90% deste valor está disponível nas faixas de maior utilização, ou seja, a partir de 2.700 rpm.

Com este motor, o Novo Clio 2p atinge a velocidade máxima de 162 km/h e acelera de 0 a 100 Km/h em 14,5 segundos.

Já no quesito consumo de combustível, o D4D posiciona o Novo Clio 2p entre os mais econômicos da sua categoria, pois na cidade, ele atinge média de 13,4 km/l, enquanto no ciclo rodoviário (vazio e sem ar-condicionado) o consumo é de 19,7 km/l.

A caixa de câmbio do Novo Clio 2p é mecânica, de cinco marchas, posicionada transversalmente no compartimento do motor.

Dotada de embreagem de assistência mecânica, seus engates são fáceis e precisos.

As relações de marchas e do diferencial, foram escalonadas de forma a proporcionar maior agilidade no trânsito urbano, vindo ao encontro do modo de condução do motorista brasileiro, além de favorecer o desempenho nas arrancadas e ultrapassagem, sem comprometimento dos níveis de consumo de combustível.

Equipada com sistema independente na dianteira e semi-independente na traseira, auxiliados por amortecedores hidráulicos, molas helicoidais e barras estabilizadoras, a suspensão do Novo Clio 2p é, ao mesmo tempo, firme e confortável, garantindo excelente estabilidade nas curvas e em pisos irregulares.

Os pontos de fixação dos braços da suspensão à carroceria são dotados de buchas que, além de contribuírem para o isolamento acústico, auxiliam na estabilidade direcional do Novo Clio 2p, mantendo o apoio e a rigidez ideais para cada tipo de curva.

O sistema de freios do Novo Clio 2p pode ser considerado superdimensionado para o seu peso.

De ação instantânea, os freios do Novo Clio são compostos por duplo circuito hidráulico, em forma de “X”, além de discos ventilados nas rodas dianteiras (238 mm diâmetro) e tambores nas traseiras (203 mm).

Matérias relacionadas

Monte seu Fiat Pulse

Mais recentes

Menos combustível, mais Volvo!

Destaques Mecânica Online

SIMPÓSIO DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA, EMISSÕES E COMBUSTÍVEIS

Avaliação MecOn

TRW - Qualidade de topo para máxima segurança