domingo, 21 julho , 2024
28 C
Recife

Onde levar o carro quando ele apresenta defeito?

Projeto propõe as seguradoras a indicarem sua rede credenciada para auditoria e assim atender aos padrões da Qualidade exigidos pelo mercado.

Onde levar o carro quando ele apresenta defeito? Com tantas tecnologias novas, a escolha da oficina se tornou tarefa árdua para o consumidor.

- Publicidade -

Por isso, o IQA (Instituto da Qualidade Automotiva), organismo de certificação especializado no setor automotivo e acreditado pelo Inmetro, inicia um programa de certificação de centros de reparação referenciados pelas seguradoras de veículos.

Hoje somente 157 centros de reparação no País (58 linha leve e 96 pesados) possuem certificação do IQA.

O projeto, que já deu o pontapé inicial, convida as seguradoras a indicarem sua rede referenciada para auditoria e, assim, atender aos padrões da Qualidade exigidos pelo consumidor.

- Publicidade -

O projeto começou com um grupo piloto da seguradora Sulamérica, formado por 20 centros de reparação (oficinas), da Grande São Paulo, na modalidade funilaria e pintura, de um total de mais de 700 empresas reparadoras da rede no País.

Além da Sulamérica, outras nove grandes seguradoras estão na lista do IQA para propor a certificação da rede.

Segundo o IQA, cerca de 80% da frota brasileira, formada hoje por 22 milhões de veículos, são reparados pela rede independente, ou seja, não estão ligadas a montadoras.

- Publicidade -

Sem parâmetro legal ou conhecimento técnico na hora de escolher uma oficina de reparação de veículos, muitos proprietários não se sentem confortáveis de que o estabelecimento não apresente credenciais necessárias para consertar o veículo com Qualidade.

Com isso, aumenta o risco de o estabelecimento não atender as expectativas geradas na cabeça do consumidor quando de uma pane ou sinistro.

Com o avanço das tecnologias o quadro ficou mais complexo.

“As oficinas precisam se preparar para acompanhar as evoluções tecnológicas e também mudar a forma do atendimento ao consumidor, que hoje está mais exigente e possui muita informação”, conta José Nogueira dos Santos, diretor do IQA, instituto que tem em seu conselho diretor o Sindirepa-SP (Sindicato da Indústria de Reparação de Veículos e Acessórios do Estado de São Paulo).

“Com a certificação do IQA, o centro de reparação passa a apresentar um diferencial fundamental no setor terciário e importante em relação ao mercado, pois é a credencial de um órgão acreditado pelo próprio governo”, afirma o diretor do IQA.

Centros de Reparação – o processo de certificação de um centro de reparação leva de 2 a 3 meses para ser concluído e começa com a visita de técnicos do IQA para verificação se o estabelecimento está em conformidade com os requisitos da Norma Regulamentadora Brasileira (NBR-14284), da ABNT.

Isso é feito por meio de um questionário de avaliação com 6 tópicos, que abrangem a parte organizacional, instalações, equipamentos, materiais e produtos, processos de trabalho e pessoal.

Identificados os pontos a serem melhorados, a oficina é recomendada a implantar uma gestão da Qualidade, etapa que quase sempre exige ajuda de uma consultoria que prepara a oficina de forma a se preocupar desde onde o cliente vai estacionar o carro, oferecer bom atendimento na recepção, ser transparente para ganhar confiabilidade e fidelidade do cliente, treinar a mão-de-obra, cumprir prazos até tomar medidas para não entregar o carro sujo de graxa.

As principais vantagens da implantação de um sistema de gestão da Qualidade (exigência da certificação) são o aumento da confiança do consumidor, melhoria na organização interna, melhoria contínua, melhoria do controle de processo, capacitação e comprometimento de funcionários, aumento da Qualidade, melhoria da competitividade e redução de custos (através da diminuição de desperdícios).

O IQA também apresenta nova modalidade de certificação, a Qualificação IQA, para empresas que buscam crescer e se diferenciar no mercado, porém ainda precisam de apoio para atingir melhores resultados.

A Qualificação IQA é uma nova possibilidade de a empresa aprimorar processos e iniciar contato com as práticas da Qualidade, sendo também o primeiro passo para uma certificação IQA com reconhecimento Inmetro.

A nova modalidade funciona como uma certificação simplificada, com exigências e custos reduzidos para as empresas que investem em melhoria.

O IQA – Instituto da Qualidade Automotiva – é um organismo de certificação sem fins lucrativos especializado no setor automotivo, criado por Anfavea, Sindipeças, Sindirepa e outras entidades do setor.

Parceiro de organismos internacionais e acreditado pelo Inmetro, o IQA atua nas áreas de Certificação de Serviços Automotivos, Certificação e Homologação de Produtos, Certificação de Sistemas de Gestão, Publicações e Cursos.

A Certificação de Serviços Automotivos é pioneira em todo o mundo e com benefícios diretos para empresas e o consumidor final, atendendo fabricantes de autopeças, distribuidores, varejistas, centros de reparação (oficinas e retíficas de motores). Nos centros de reparação, a certificação pode ser feita nas modalidades funilaria e pintura, suspensão, direção, escapamento e freios.

Mais informações | www.iqa.org.br

Matérias relacionadas

Ofertas Peugeot 208

Mais recentes

Clínica de Serviços Chevrolet

Destaques Mecânica Online

Com a Volvo rumo ao Zero Acidentes – Itapemirim

Avaliação MecOn

FIAT na mão