quarta-feira, 29 maio , 2024
28 C
Recife

Iveco bate recorde de vendas em 2010

A Iveco conquistou a quarta colocação no ranking das montadoras de caminhões do Brasil em 2010, com 7,8% de participação no mercado de veículos de carga acima de 2,8 toneladas de peso bruto total (PBT), de acordo com os números do Denatran.

- Publicidade -

A fabricante fechou o ano com 15.404 unidades emplacadas, número 57% superior ao ano anterior, alcançando seu melhor resultado até hoje no País. Ganhou, no ano, 0,5% de participação no mercado.

O volume de vendas da Iveco em 2010 é quase cinco vezes maior que o registrado em 2006, antes que a empresa iniciasse, em janeiro de 2007, seu programa de crescimento acelerado no País.

Desde então, a Iveco lançou seis famílias de produtos, ampliou sua capacidade produtiva e dobrou sua rede de concessionárias no Brasil. O market share da empresa dobrou no período.

As perspectivas para este ano são boas, segundo Antonio Dadalti, vice-presidente comercial e institucional da Iveco.

- Publicidade -

Considerando-se dezembro de 2010, apenas, a empresa conquistou 9,1% de participação de mercado.

“Temos nos mantido acima dos 9% nos últimos quatro meses e isso indica que estamos com uma boa velocidade de entrada em 2011”, afirma o executivo.

Além disso, ele lembra que em 2011 a Iveco começa a vender seu novo caminhão médio Iveco Vertis, que coloca a empresa num segmento onde antes não estava presente.

“O Iveco Vertis entra no mercado dos médios, entre 8 e 15 toneladas de PBT, que corresponde a quase 20% do total de vendas do mercado”, afirma Dadalti.

A Iveco é uma montadora full liner: produz veículos de carga para todos os segmentos acima de 2,8 toneladas de peso bruto total e considera a faixa de entrada, entre 2,8 e 3,5 toneladas de PBT um mercado de caminhões em grande expansão.

- Publicidade -

“Esse segmento cresce em importância e volume de vendas devido à exigência de veículos comerciais mais leves para circular nos centros urbanos das grandes cidades no Brasil”, enfatiza Antonio Dadalti. Este foi um mercado de cerca de 38 mil unidades em 2010, contra 24 mil no ano anterior.

“Todas as transportadoras já adotam este tipo de veículo em sua matriz logística”, nota o vice-presidente da Iveco.

Tector – Um dos destaques de crescimento da Iveco em 2010 foi o desempenho do Iveco Tector entre os caminhões semipesados (entre 16 e 31 toneladas de PBT), segmento que representa cerca de um terço das vendas de caminhões no País.

Puxada pelo Iveco Tector (que vendeu 2.160 unidades no ano), a Iveco fechou 2010 com 3.420 unidades no segmento, 84,4% mais que em 2009, o que representa 6,1% de participação entre os semipesados, o dobro dos 3,2% que detinha em 2008.

Outro destaque foi no segmento dos cavalos mecânicos para até 45 toneladas de peso bruto total combinado (PBTC).

O Iveco Cursor, lançado no final de 2009 e que começou a ser vendido em março de 2010, elevou as vendas da empresa no segmento para 1.065 unidades, mais que o dobro (102,5%) do que tinha registrado em 2009. No segmento, o market share da empresa passou de 8,7% para 13,6%.

A Iveco conquistou a quarta colocação no ranking das montadoras de caminhões do Brasil em 2010, com 7,8% de participação no mercado de veículos de carga acima de 2,8 toneladas de peso bruto total (PBT), de acordo com os números do Denatran.

A fabricante fechou o ano com 15.404 unidades emplacadas, número 57% superior ao ano anterior, alcançando seu melhor resultado até hoje no País. Ganhou, no ano, 0,5% de participação no mercado.

O volume de vendas da Iveco em 2010 é quase cinco vezes maior que o registrado em 2006, antes que a empresa iniciasse, em janeiro de 2007, seu programa de crescimento acelerado no País.

Desde então, a Iveco lançou seis famílias de produtos, ampliou sua capacidade produtiva e dobrou sua rede de concessionárias no Brasil. O market share da empresa dobrou no período.

As perspectivas para este ano são boas, segundo Antonio Dadalti, vice-presidente comercial e institucional da Iveco. Considerando-se dezembro de 2010, apenas, a empresa conquistou 9,1% de participação de mercado. “Temos nos mantido acima dos 9% nos últimos quatro meses e isso indica que estamos com uma boa velocidade de entrada em 2011”, afirma o executivo.

Além disso, ele lembra que em 2011 a Iveco começa a vender seu novo caminhão médio Iveco Vertis, que coloca a empresa num segmento onde antes não estava presente.

“O Iveco Vertis entra no mercado dos médios, entre 8 e 15 toneladas de PBT, que corresponde a quase 20% do total de vendas do mercado”, afirma Dadalti.

A Iveco é uma montadora full liner: produz veículos de carga para todos os segmentos acima de 2,8 toneladas de peso bruto total e considera a faixa de entrada, entre 2,8 e 3,5 toneladas de PBT um mercado de caminhões em grande expansão.

“Esse segmento cresce em importância e volume de vendas devido à exigência de veículos comerciais mais leves para circular nos centros urbanos das grandes cidades no Brasil”, enfatiza Antonio Dadalti. Este foi um mercado de cerca de 38 mil unidades em 2010, contra 24 mil no ano anterior. “Todas as transportadoras já adotam este tipo de veículo em sua matriz logística”, nota o vice-presidente da Iveco.

Tector – Um dos destaques de crescimento da Iveco em 2010 foi o desempenho do Iveco Tector entre os caminhões semipesados (entre 16 e 31 toneladas de PBT), segmento que representa cerca de um terço das vendas de caminhões no País.

Puxada pelo Iveco Tector (que vendeu 2.160 unidades no ano), a Iveco fechou 2010 com 3.420 unidades no segmento, 84,4% mais que em 2009, o que representa 6,1% de participação entre os semipesados, o dobro dos 3,2% que detinha em 2008.

Outro destaque foi no segmento dos cavalos mecânicos para até 45 toneladas de peso bruto total combinado (PBTC).

O Iveco Cursor, lançado no final de 2009 e que começou a ser vendido em março de 2010, elevou as vendas da empresa no segmento para 1.065 unidades, mais que o dobro (102,5%) do que tinha registrado em 2009. No segmento, o market share da empresa passou de 8,7% para 13,6%.

Matérias relacionadas

Fiat Fastback

Mais recentes

Ofertas Peugeot 208

Destaques Mecânica Online

Fiat Toro

Avaliação MecOn

WABCO - Principal fornecedor global de tecnologias para para veículos comerciais