sábado, 25 maio , 2024
28 C
Recife

Saiba o que muda nos caminhões no início de 2012

Conama P7 é a nova norma de emissão de gases brasileira que foi baseada na Euro V

- Publicidade -

São Bernardo do Campo (SP)

Reportagem | Tarcisio Dias e assessoria da Scania

CDs Mecânica Online®

O Brasil dá mais um passo no controle de emissão de gases a partir do início de 2012.

- Publicidade -

Bem que estamos falando de cada passo de cada vez, e esse trará resultados a longo prazo, pois a partir de janeiro todos os novos caminhões devem obedecer as novas exigências do Conama P7, que aperta os níveis de emissões dos gases resultados da combustão dos motores diesel.

Destaque Arla 32
ou AdBlue
ou AUS32
ou DEF
Não é combustível
Não é aditivo
Não é explosivo
Não é tóxico
Não é nocivo ao meio ambiente

As montadoras de caminhões se apressam para mostrar suas tecnologias.

A FENATRAN 2011 que acontece de 24 a 28 de outubro deve ser o palco principal para o consumidor conhecer de perto como vai funcionar a nova norma, que tem como referência a EURO V, utilizada desde outubro de 2009 na Europa.

A Scania preparou um workshop sobre os conceitos básicos do Conama P7 que foi realizado nas dependências da sua fábrica em São Bernardo do Campo.

- Publicidade -

Então, você conhece agora o que muda e como vai funcionar a mais nova norma a ser introduzidas nos caminhões produzidos a partir de 1º de janeiro de 2012.

Com mais de três anos utilizando em toda a Europa veículos adaptados a Euro V, norma de emissão de gases na qual a legislação brasileira se baseou para criar as exigências do Conama P7 (em vigor no Brasil a partir de 2012), a Scania apresenta o funcionamento da nova tecnologia que será a mesma utilizada por outras empresas, apenas com nomenclaturas diferentes.

Para o mercado brasileiro, a montadora optou por utilizar o sistema SCR (Redução Catalítica Seletiva), tecnologia já dominada pela montadora e utilizada por milhares de clientes da marca em todo o mundo.

O SCR se baseia na utilização do ARLA 32 (Agente Redutor de Liquido Automotivo), uma solução com 32% de uréia em água desmineralizada, que juntamente com catalisador, reduz drasticamente a emissão dos principais gases poluentes no meio ambiente.

“Com a introdução do sistema SCR em nossos produtos a partir do próximo ano, os transportadores brasileiros podem ficar tranquilos. Nós já dominamos esta tecnologia na Europa e testes rigorosos realizados aqui no Brasil apontam nos veículos Scania que atendem o Conama P7 os mesmos benefícios já conhecidos por nossos clientes, como economia de combustível e produtividade”, afirma Roberto Leoncini, diretor geral da Scania no Brasil.

Em relação aos serviços, Leoncini completa que a rede de concessionárias Scania também está preparada para o Conama P7.

“Oferecer soluções com foco nas necessidades do cliente é um de nossos compromissos e com a nova legislação vamos manter esta postura. Nossos esforços para treinar os colaboradores das Casas Scania vem sendo intensificados e a nossa rede já está pronta para prestar os melhores serviços, mantendo os veículos disponíveis e, por conseqüência, o negócio do cliente rentável”, afirma.
Destaque
Destaque

Além de todo esse know-how, o compromisso da marca é oferecer produtos que respeitem o meio ambiente.

Ao atender a fase 7 do Conama, a Scania contribuirá para reduzir aproximadamente 80% de Material Particulado (MP) e 60% de Óxido de Nitrogênio (NOx).

Numa comparação com a atual legislação utilizada no Brasil, o Conama P5, que estabelece uma emissão máxima de 0,10 g/kwh de Material Particulado e de 5,0 g/kwh de Óxido de Nitrogênio (NOx), a redução é drástica.

A nova norma Conama P7 exige que os veículos automotores passem a emitir no máximo 0,02 g/kwh de Material Particulado e de 2,0 g/kwh de Óxido de Nitrogênio (NOx).

O óxido de nitrogênio, além dos danos ao meio ambiente, também é prejudicial aos seres humanos, podendo causar irritações nos olhos, nariz, garganta e pulmão e agravar doenças respiratórias.

Para garantir o perfeito entendimento da nova norma, realizamos uma entrevista exclusiva com Marcel Luiz do Prado, que desde setembro de 2010, realiza atividades na área de Pré-Venda da Scania Brasil, sendo atualmente responsável pelo Portfolio de Produtos para o mercado nacional.

CONAMA P7 – Entrevista com Marcel do Prado

Matérias relacionadas

Fiat Fastback

Mais recentes

Ofertas Peugeot 208

Destaques Mecânica Online

Fiat Toro

Avaliação MecOn

WABCO - Principal fornecedor global de tecnologias para para veículos comerciais