Mercedes-Benz

Volkswagen lança o Novo Polo com três opções de motores e duas de transmissão, em quatro versões

Durante todo o ano estamos acostumados com os novos carros que vão surgindo. Os lançamentos, apesar da situação de crise que ainda vive o Brasil, continuam acontecendo, mostrando que a indústria automotiva brasileira não apenas acredita na recuperação, como mostra-se preparada quando da retomada das vendas.

Mas alguns lançamentos possuem significados. Foi o caso do subcompacto Renault Kwid e com certeza o Novo Polo chega com a expectativa que estamos acompanhando o nascimento da Nova Volkswagen no Brasil.

A marca realizou vários eventos de pré-apresentação do Polo. Não é apenas um novo carro, mas todo um conjunto de fases que vai estabelecer novos critérios na escolha do automóvel pelo brasileiro.

E o Mecânica Online®, que acompanhou de perto todas essas revelações, pode afirmar que estamos vendo o surgimento de uma linha de veículos mais eficiente e tecnológica. A concorrência terá pela frente o desafio de um veículo totalmente novo e muito bem desenvolvido pela nova Volkswagen do Brasil.

Convidamos você para acompanhar nosso especial completo, com todos os detalhes de engenharia, tecnologia, segurança e comportamento do Novo Polo.

Construído sobre a Estratégia Modular MQB da Volkswagen, o modelo representa um novo conceito de automóvel e vai revolucionar o segmento de compactos premium, com espaço, tecnologia, desempenho e conforto anteriormente disponíveis apenas em veículos superiores.

O lançamento do Novo Polo acontece quase de forma praticamente simultânea com a Alemanha para atender a um cliente que busca muito mais que mobilidade e quer também design, inovação e alta performance.

Para receber o Novo Polo, a Volkswagen investiu R$ 2,6 bilhões no desenvolvimento dos produtos e na modernização da Fábrica Anchieta. Parte do cronograma de investimentos da empresa no Brasil, até 2020, de R$ 7 bilhões, o aporte de R$ 2,6 bilhões contempla o desenvolvimento, a modernização da manufatura, testes de certificação e validação do produto, desenvolvimento local de peças, qualificação de pessoal, além de ações para o lançamento dos modelos no Brasil.

O investimento na Fábrica Anchieta inclui a produção do Virtus, sedã programado para o primeiro trimestre de 2018, também desenvolvido sobre a Estratégia Modular MQB.

O Novo Polo começará a ser vendido em novembro nas mais de 500 concessionárias Volkswagen no Brasil com três opções de motores e duas de transmissão. São quatro versões: Polo, Polo MSI, Polo Comfortline 200 TSI e Polo Highline 200 TSI. O modelo tem garantia total de três anos, sem limite de quilometragem.

Feito para o Brasil – A dianteira do Novo Polo brasileiro é única e foi desenvolvida a partir do resultado de clínicas de opinião com clientes Volkswagen. O resultado foi um estilo próprio, com fortes linhas de caráter.

O grande destaque é o vinco que margeia a entrada de ar e corta o espaço entre o conjunto ótico principal e os faróis de neblina. Bem marcada, essa linha de caráter teve como referência o estilo do Volkswagen Arteon e dá ao Novo Polo nacional uma identidade visual diferenciada.

As grandes superfícies dos faróis de neblina e indicadores de direção chamam a atenção na lateral do carro. Elas terminam em ângulos com contornos tridimensionais. Entre elas ficam duas entradas de ar: uma em forma de “V” no meio e uma segunda entrada estreita que se estende por toda a largura.

Aqui, mais uma diferença do modelo brasileiro: o Novo Polo produzido na fábrica Anchieta tem visualmente uma “boca” maior do que a do modelo europeu. O contorno da grade inferior do para-choque é maior, alinhando o visual dianteiro do modelo nacional às expectativas dos clientes.

Os faróis e a grade do radiador formam a “cara” do Novo Polo, que se estende por toda a largura do veículo. O para-choque foi desenhado para realçar a largura do veículo e o capô, com contornos bem pronunciados, é maior do que antes.

São 4.057 mm de comprimento, com 2.565 mm de entre-eixos, 1.751 mm de largura e 1.468 mm de altura. Com a maior distância entre-eixos foi possível o deslocamento das rodas mais para as extremidades e, consequentemente, encurtar os balanços, o que dá ao carro uma imagem muito mais esportiva. São 804 mm no balanço dianteiro e 688 mm no balanço traseiro.

Em relação ao modelo anteriormente fabricado e vendido no Brasil, o Novo Polo ganhou em comprimento (167 mm), entre-eixos (100 mm) e largura (100 mm), ficando 21 mm mais baixo. As bitolas estão maiores, agora de 1.524 mm na dianteira e 1.501 mm na traseira. O coeficiente de forma (Cw) é 0,333, tornando o Novo Polo uma referência em seu segmento.

A linha do teto está mais longa e mais elegante. Na traseira, ela se une a um defletor no teto. Uma linha fina na lateral da carroceria corre paralela à linha do teto. Ela rebaixa visualmente o centro de gravidade do Novo Polo.

Os detalhes fundamentais do modelo incluem sua longa linha de janelas laterais – o Novo Polo é o único Volkswagen que tem uma linha de janelas que termina em ascensão tanto à frente como atrás. A coluna “C”, em particular, que agora alcança mais à frente, torna o estilo do carro mais dinâmico nessa área.

Três opções de motores – As versões Comfortline e Highline do Novo Polo estão disponíveis exclusivamente com o motor 200 TSI, que é combinado à transmissão automática de 6 marchas.

Com três cilindros e 999 cm³ de cilindrada, o motor 200 TSI é da família EA211 – que também se caracteriza pela modularidade.

Total Flex, esse motor é capaz de rodar com gasolina, etanol ou a mistura dos dois combustíveis em qualquer proporção. A potência máxima é de 128 cv (94 kW) com etanol e 115 cv (85 kW) com gasolina a 5.500 rpm, com torque máximo de 200 Nm (20,4 kgfm), com gasolina ou etanol, de 2.000 a 3.500 rpm.

Equipado com esse motor, o Novo Polo acelera de 0 a 100 km/h em 9,6 segundos e atinge velocidade máxima de 192 km/h (dados com etanol).

O motor 1.6 MSI que compõe a oferta do Novo Polo (sempre combinada ao câmbio manual de 5 marchas) é também da família EA211, com quatro cilindros e 16 válvulas (4 válvulas por cilindro). Total Flex, tem 1.598 cm³ de cilindrada e possui bloco e cabeçote feitos de alumínio, o que colabora para reduzir o peso do conjunto.

Com quatro válvulas por cilindro, sendo duas para admissão e duas para escape, o motor conta com duplo comando de válvulas integrado à tampa, com comando de admissão variável. O cabeçote do novo motor 1.6l MSI possui comando de admissão variável e coletor de escape integrado, formando uma peça única, com refrigeração líquida.

O motor 1.6l MSI tem duplo circuito de arrefecimento, que permite temperaturas diferentes para o bloco e para o cabeçote – o sistema utiliza duas válvulas termostáticas. O coletor de escape forma uma peça única com o cabeçote. O sistema de partida a frio que dispensa a utilização do tanque auxiliar para gasolina é outro destaque nessa motorização.

A potência máxima é de 117 cv (86 kW) com etanol e 110 cv (81 kW) com gasolina a 5.750 rpm, com torque máximo de 162 Nm (16,5 kgfm) com etanol e 155 Nm (15,8 kgfm) com gasolina, ambos a 4.000 rpm.

Com esse motor, o Novo Polo acelera de 0 a 100 km/h em 9,6 segundos e atinge 193 km/h de velocidade máxima (etanol).

O terceiro motor da família EA211 oferecido para o Novo Polo é o conhecido e premiado 1.0 MPI de três cilindros. Também combinado ao câmbio manual de 5 marchas, tem 999 cm³ de cilindrada, é Total Flex e possui bloco e cabeçote feitos de alumínio, o que colabora para reduzir o peso do conjunto. Comparado a um motor de mesma cilindrada, mas com quatro cilindros, o novo EA211 é 24 kg mais leve.

Com quatro válvulas por cilindro, sendo duas para admissão e duas para escape, o cabeçote tem comando de admissão variável – a variação é contínua, o que reduz consumo de combustível e emissões e melhora sensivelmente a resposta do motor em baixos regimes de rotação. A taxa de compressão é de 11,5:1.

O EA211 1.0l foi o primeiro motor do País nessa faixa de cilindrada a receber sistema de partida a frio que dispensa a utilização do tanque auxiliar para gasolina. A partida do motor é assistida, o que significa que não é necessário manter a chave acionada para que ela se processe – basta um leve toque na chave para a ECU comandar todo o processo de partida

A potência máxima é de 84 cv (62 kW) com etanol a 6.350 rpm e de 75 cv (55 kW) a 6.250 rpm com gasolina. O torque máximo é de 102 Nm (10,4 kgfm) com etanol e 95 Nm (9,7 kgfm) com gasolina, ambos a 3.000 rpm.

Com esse motor, o Novo Polo acelera de 0 a 100 km/h em 13 segundos e atinge 170 km/h de velocidade máxima (etanol).

Transmissão manual ou automática – A nova transmissão automática de seis marchas AQ250-6F Tiptronic que equipa as versões TSI do Novo Polo é projetada para carros com motores transversais e possui engrenagens planetárias, com acoplamento por conversor de torque.

Sai de cena a opção de transmissão automatizada, chamada I-Motion. Com o Novo Polo ou é transmissão mecânica ou então, automática.

Caracterizado pela suavidade nas arrancadas e trocas rápidas de velocidades, o câmbio AQ250-6F conta com bloqueio do conversor de torque em diversas condições de uso, o que evita o deslizamento interno do componente, reduzindo o consumo de combustível.

A transmissão oferece a opção de trocas manuais sequenciais Tiptronic, operada por meio da alavanca de câmbio ou pelas aletas (“shift paddles”) no volante. O motorista também conta com o modo de acionamento esportivo (posição “S”), que altera os momentos das trocas de marchas para rotações mais elevadas, proporcionando aceleração mais rápida, para um comportamento mais dinâmico do veículo.

Transmissão MQ 200 – Nas versões 1.0 e 1.6 MSI o Novo Polo é equipado com a transmissão MQ 200, manual de cinco marchas. Compacta e leve, oferece excelente precisão e suavidade nos comandos.

Versões e equipamentos – O Novo Polo sai de fábrica com extensa lista de equipamentos de série – os itens atendem as expectativas dos clientes, conforme resultados de clínicas.

Todas as versões trazem direção com assistência elétrica, ar-condicionado, vidros elétricos nas quatro portas (os dianteiros possuem função “um-toque” para fechamento e abertura), travas elétricas, faróis de dupla parábola e chave tipo “canivete” com controle remoto.

Também estão incluídos de série computador de bordo, para-sóis iluminados para motorista e passageiro, tomada de 12V no console central, suporte para celular no painel com entrada USB para carregamento, regulagem de altura para o banco do motorista, entre outros.

Para as versões 1.0 e 1.6 MSI estão disponíveis dois pacotes de opcionais: o primeiro inclui sistema de infotainment Composition Touch, volante multifuncional, Controle Eletrônico de Estabilidade (ESC) e roda de liga leve de 15” “Viper” com pneus 185/65 R15. O segundo pacote, de Segurança, traz o Controle Eletrônico de Estabilidade (ESC).

O Novo Polo Comfortline vem equipado com banco traseiro bipartido, coluna de direção ajustável em altura e distância, Controle Eletrônico de Estabilidade (ESC), faróis de neblina com “cornering light”, sistema de infotainment Composition Touch com tela de 6,5” sensível ao toque, rodas de liga leve de 15” “Viper” com pneus 185/65 R15, sensores de estacionamento traseiros, ajuste elétrico dos retrovisores externos, descanso de braço dianteiro com porta-objetos, lanternas traseiras escurecidas e volante multifuncional, entre outros recursos.

Há dois pacotes de opcionais: o primeiro inclui sistema “Kessy” para abertura e fechamento das portas sem uso da chave e partida do motor por botão, controlador de velocidade automático, sensores de estacionamento dianteiros, retrovisor interno eletrocrômico, volante multifuncional com “shift paddles”, farol com ajuste automático de intensidade e rodas de liga leve de 16” “Avalanche” com pneus 195/55 R16.

O segundo pacote inclui o “RKA” (indicador de pressão dos pneus), ar-condicionado digital Climatronic, câmera traseira, detector de fadiga, sistema de frenagem automática pós-colisão, sensores de chuva e crepuscular e volante multifuncional com “shift paddles” e detalhes em preto brilhante.

A versão Highline ainda traz, de série, partida do motor por botão no console central, controlador de cruzeiro, sensores de estacionamento dianteiros e traseiros, faróis de neblina com função “cornering light” (luz de conversão estática), luz de condução diurna (DRL) em LED ao lado dos faróis de neblina e descanso de braço dianteiro com porta-objetos e 2 portas USB para carregamento.

Completam a lista de itens de série do Novo Polo Highline o banco traseiro com encosto bipartido, ar-condicionado digital “Climatronic”, porta-luvas refrigerado, porta-óculos e volante multifuncional revestido de couro com “shift paddles”.

Como opcionais, o Novo Polo Highline oferece revestimento dos bancos em couro sintético native, pacote com sistema “RKA” de indicador de pressão dos pneus, retrovisor interno eletrocrômico, sensores de chuva e crepuscular, detector de fadiga, câmera traseira, sistema de frenagem automática pós-colisão  e sistema de infotainment “Discover Media”. O pacote “Smartcluster” adiciona ao anterior o Active Info Display e rodas de liga leve de 17”, com pneus 205/50 R17.

São sete as opções de cores para o Novo Polo: Preto Ninja, Branco Cristal e Vermelho Tornado (sólidas) e Cinza Platinum, Azul Night, Prata Sirius e Prata Tungstênio (metálicas).

[box type=”success” align=”aligncenter” ]10 fatos sobre o Novo Polo
→ Novo Polo oferece o que há de mais moderno em termos de design, inovação, alta performance e segurança
→ Modelo está sendo lançado no Brasil de forma praticamente simultânea com a Alemanha
→ Hatch é produzido na Fábrica Anchieta, que teve investimento de R$ 2,6 bilhões para receber conceito MQB
→ Estratégia Modular MQB permite recursos de assistência à condução e segurança de veículos superiores
→ Estrutura de aços especiais garante elevados padrões de segurança e menor peso
→ Novo Polo terá três ofertas de motores e duas de transmissão, em quatro versões
→ Todas as versões têm classificação “A” no Programa de Etiquetagem Veicular do INMETRO
→ Design frontal é exclusivo para o Brasil. Interior revolucionário dá as boas-vindas ao mundo digital
→ Novo Polo estreia a segunda geração do Active Info Display, com tela de 10,25 polegadas e alta resolução
→ Sistema de infotainment de 8” faz espelhamento de smartphone por plataformas Apple CarPlay e Android Auto. [/box]

Veja mais sobre o Novo Polo no Mecânica Online®

Tarcisio Diashttps://www.mecanicaonline.com.br
Gerente de conteúdo do Mecânica Online®, Tarcisio Dias é responsável também pela área de cursos e CDs interativos. Possui formação em engenharia Mecânica com habilitação em Mecatrônica pela Universidade de Pernambuco, formação técnica em mecânica pela Escola Técnica Federal de Pernambuco (CEFET/PE) e profissional em Mecânica Automotiva de Motores Diesel no Centro de Formação Profissional de Jaboatão dos Guararapes – RFFSA acordo SENAI. Também possui formação como Radialista – Locutor/entrevistador.
Mercedes-Benz

Notícias relacionadas

Cursos Mecânica Online

Oportunidade para você entender como o automóvel funciona, seus recursos e tecnologias. Participe de nossos cursos gratuitos!

- Curso Veículos Elétricos - Cursos Mecânica Online®

Mais recentes

- Publicidade - Mercedes-Benz
Cursos Mecânica Online®

Lançamento

Truck

Motocicleta

Avaliação