sábado, 2 março , 2024
28 C
Recife

Transações de veículos usados caem quase 21% em abril

Em abril, segundo a FENABRAVE – Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores, as transações de veículos usados registraram queda de 20,7% sobre março, totalizando pouco mais de 1 milhão de unidades transacionadas no mês.

O resultado chega a ser inferior ao de abril de 2022 (-2%), quando o setor enfrentava um período de muita instabilidade. Na comparação com abril de 2019, último ano antes da pandemia, são cerca de 120 mil automóveis e comerciais leves a menos.

“O menor número de dias úteis (18 em abril ante 23 dias em março) foi um dos fatores que impactaram no resultado de abril, mas não podemos esquecer da conjuntura que tem afetado o mercado automotivo atualmente, que inclui restrição de crédito e baixo volume de emplacamentos, lembrando que muitos usados são dados como parte de pagamento na venda de novos”, analisa o Presidente da FENABRAVE, Andreta Jr.

Desempenho por segmento – As transações de automóveis e comerciais leves apresentaram retração tanto em relação a março (-20,6%) quanto sobre abril de 2022 (-0,8%). No total, foram cerca de 200 mil unidades a menos do que as registradas no mês anterior.

Os modelos com até 3 anos de fabricação representaram 9,64% do total transacionado no mês. No ano, estes veículos acumulam participação de 8,56%.

O segmento de caminhões somou 25.211 unidades usadas, transacionadas em abril. No quadrimestre, o volume foi bem próximo ao registrado nos quatro primeiros meses de 2022 (+0,9%).

Os implementos rodoviários usados tiveram melhora nas transações do quadrimestre, com alta de 11,9%.

Os ônibus apresentaram a maior queda percentual de todo o setor (-23,3%).

O segmento de motocicletas se mantém estável em relação ao 1º quadrimestre de 2022 (+0,3%), se aproximando de 1 milhão de unidades transacionadas até o momento.

Matérias relacionadas

Mais recentes

Destaques Mecânica Online

Avaliação MecOn