sábado, 2 março , 2024
28 C
Recife

Primeiros conjuntos de semirreboques e caminhões totalmente elétricos das Américas entram em operação no Chile

Marco histórico para o transporte de cargas é resultado de parceria formada pela fabricante brasileira Randon e pela mineradora chilena SQM.

Estão em operação no Chile os primeiros conjuntos totalmente elétricos de semirreboques e caminhões para o transporte de cargas das Américas. O marco histórico é resultado de uma parceria formada pela Randon, maior fabricante de semirreboques da América Latina, e pela mineradora chilena SQM.

A empresa concretiza a entrega de unidades da exclusiva linha Hybrid R, equipada com pioneira tecnologia de tração auxiliar e-Sys, da Suspensys, para aplicação no transporte do processo de extração de minério no Chile.

Entre as novidades da operação, está o desenvolvimento de um modelo elétrico de semirreboque Tanque para o transporte de salmoura de lítio, em uma configuração customizada para a complexidade do processo produtivo em que está aplicado. O outro modelo, que também já está em operação, é um Basculante para o transporte de minério, que obteve significativos resultados na redução de consumo de combustível e desgaste dos componentes quando combinado com um caminhão com motor a combustão.

A entrega foi oficializada em evento na região chilena de Antofagasta, nesta quarta-feira, 20 de dezembro, com a presença de lideranças das empresas envolvidas no projeto e autoridades da região. A parceria também conta com a mediação da distribuidora Epysa, representante da Randon no mercado chileno, e da transportadora Nazar, que irá realizar a operação dos conjuntos totalmente elétricos na área de mineração.

A SQM, uma das líderes mundiais na produção de lítio e que possui a menor emissão de carbono do mercado, adquiriu os conjuntos de equipamentos elétricos de acordo com seu Plano de Sustentabilidade, onde se compromete a ser neutro em carbono em todas as suas linhas de negócios até 2040 – no caso específico do lítio até 2030.

A utilização dos semirreboques da Randon equipados com tecnologia e-Sys permite que a companhia chilena tenha alguns dos primeiros conjuntos de transporte de cargas 100% elétricos do mundo, já que a empresa possui caminhões elétricos de alta tonelagem na frota de suas operações. Com o uso dos modelos Hybrid R, a estimativa é de uma redução significativa nos custos operacionais para o cliente.

“Mais uma entrega que confirma o potencial de transformação global que essa tecnologia sustentável pode oferecer para a logística e o transporte. Acreditamos que a cooperação e a construção de soluções disruptivas são o caminho para a evolução da eletromobilidade. Nos orgulha estarmos na vanguarda dessa trajetória, juntos com parceiros estratégicos para execução desse desafio”, celebra o CEO da Randoncorp, Sérgio L. Carvalho.

Com conceito inovador e sustentável, a linha Hybrid R conta com o exclusivo sistema de tração auxiliar elétrico e-Sys, que atua na recuperação de energia gerada durante movimentos de descida e frenagem, para aplicação complementar como força extra na tração do conjunto. Este movimento pode gerar até 207 cv de potência adicional para contribuir na tração em subidas e ultrapassagens.

Dependendo da aplicação, condição de carregamento e da estrada percorrida, a economia de combustível pode chegar a 25%, propiciando um menor desgaste dos componentes e contribuindo para uma menor geração de resíduos e menor geração de resíduos e emissão de gases no meio ambiente, com forte impacto também na competitividade do negócio.

A solução completa foi desenvolvida de forma pioneira pela Randoncorp por meio de parceria entre Randon, Suspensys e Centro Tecnológico Randon.

Matérias relacionadas

Mais recentes

Destaques Mecânica Online

Avaliação MecOn