segunda-feira, 17 junho , 2024
28 C
Recife

Desafio de economia: Ranger roda mais de 1.250 km com um tanque de diesel

A Ford Ranger é uma picape global presente em diferentes mercados do mundo com as mesmas características de robustez e eficiência, seja no Brasil ou nos Emirados Árabes Unidos, onde ela passou por um teste de economia.

- Publicidade -

Dois produtores de conteúdo de Dubai, Ahmed Jaffar e Mohamed Sirelkhatim, foram desafiados a provar a autonomia da Ford Ranger XLS 2.2 turbodiesel.

Munidos apenas de algumas dicas de direção econômica e outra Ranger XLS 2.2 de apoio, eles encheram o tanque de 80 litros e partiram com a proposta de rodar o mais longe possível, em pleno alto verão do Oriente Médio.

“No início, pensamos que a meta de 1.000 km era muito ambiciosa”, diz Jaffar. “Mas à medida que o dia foi passando ficou claro que iríamos bem mais longe”.

Depois de rodar 864 km no primeiro dia e restando ainda um quarto de combustível no tanque, eles sentiram que era possível quebrar a meta. Na verdade, rodaram mais 388 km, somando um total de 1.252 km.

- Publicidade -

“Quando iniciamos a jornada, não sabíamos exatamente onde iríamos chegar. Pensamos em 500 km, talvez um pouco mais, mas superar os 1.000 km foi realmente incrível”, diz Jaffar.

Dicas de direção – O motor 2.2 Duratorq turbodiesel de quatro cilindros da Ranger é conhecido pela confiabilidade e desempenho, com potência de 160 cv (@ 3.200 rpm) e alto torque de 39,25 kgfm em baixíssimas rotações (1.600 a 2.500 rpm).

“Apesar de algumas diferenças no combustível e na calibração da Ranger nos mercados do Oriente Médio e do Brasil, muitos clientes daqui também já comprovaram a boa autonomia e conseguiram rodar mais de 1.000 km com um tanque”, diz Gilmar de Paula, engenheiro-chefe da Ranger na América do Sul.

Como o consumo de combustível depende muito também do modo de dirigir, veja abaixo algumas dicas que ajudam a otimizar a autonomia da picape.

  • Dirija suavemente – Tente acelerar, frear e manobrar o volante do modo mais suave possível. A direção agressiva – acelerar rápido, correr e frear bruscamente – pode diminuir significativamente a sua autonomia. Olhe à frente e tente antecipar situações que exijam ajustes de velocidade, aceleração e frenagem.
  • Use o piloto automático – O piloto automático ajuda a manter uma velocidade constante e economizar combustível em longos trechos de rodovia sem a necessidade de monitorar o velocímetro constantemente.
  • Alivie o peso – Tente viajar com menos carga possível, mantendo somente os itens mais importantes na picape. Tire tudo o que você não for usar.
  • Diminua a velocidade – Acelerar forte consome mais combustível, fazendo o motor trabalhar em giro maior. Dirigindo a 90 km/h em vez de 100 km/h, você aumenta a economia de combustível em até 15%.
  • Reduza o arrasto aerodinâmico – A Ranger foi desenhada com boa aerodinâmica, mas transportar cargas altas, ou dirigir com a janela aberta, pode criar resistência extra e arrasto que afetam a economia de combustível. Cobrir a carga pode reduzir o arrasto e, se for adequado, considere transportar itens dentro da cabine em viagens mais longas.

Matérias relacionadas

Site oficial de ofertas Chevrolet

Mais recentes

Ofertas Peugeot 208

Destaques Mecânica Online

Fiat Toro

Avaliação MecOn

SACHS - Versátil, abrangente e convincente