domingo, 21 julho , 2024
28 C
Recife

Saiba a importância da bomba de óleo para a saúde do motor

Bomba de óleo desempenha um papel crucial no motor, semelhante ao do coração no corpo humano, garantindo a lubrificação dos componentes internos do motor.

A bomba de óleo, componente vital para a circulação do óleo lubrificante no motor, é essencial para o funcionamento eficiente de qualquer automóvel.

A bomba de óleo desempenha um papel crucial no motor, semelhante ao do coração no corpo humano, garantindo a lubrificação dos componentes internos do motor. Isso ocorre por meio da captação do óleo no cárter e sua distribuição na linha de pressurização, lubrificando o virabrequim, eixo de comando, tuchos, galerias, mancais e demais peças mecânicas.

- Publicidade -

Existem diferentes tipos de bombas de óleo, sendo uma das mais comuns a bomba de rotor. Este sistema eficiente e confiável é montado diretamente na ponta do virabrequim, que ao girar movimenta o rotor externo, deslocando o óleo captado pelo tubo pescador no cárter para o filtro de óleo e posteriormente para todos os pontos de lubrificação.

A bomba de óleo também garante a quantidade correta de lubrificante durante o processo, utilizando uma válvula de alívio que controla o volume de óleo, evitando aumentos abruptos de pressão que podem danificar o motor.

Causas de falhas – Falhas na bomba de óleo podem ocorrer devido ao desgaste excessivo das folgas entre engrenagens internas e componentes como o virabrequim e o eixo de comando. Esse desgaste permite que o óleo escape e não circule corretamente, comprometendo a lubrificação do motor. Além disso, a carbonização do óleo lubrificante, resultante da troca de óleo fora do prazo estipulado, acumula sujeira que desgasta os rotores da bomba e sua carcaça, prejudicando seu funcionamento.

- Publicidade -

Problemas com a válvula de alívio também são comuns quando detritos de óleo contaminado impedem sua abertura, diminuindo a pressão do óleo e a lubrificação do motor.

Identificação e prevenção – A identificação de falhas na bomba de óleo é feita utilizando um manômetro para medir a pressão do óleo e verificações visuais no interior do motor. Em casos de carbonização e presença de borras de óleo, é recomendada a desmontagem do motor e a limpeza específica em retíficas especializadas.

Marlon Silva, coordenador técnico da TAKAO, ressalta que a melhor forma de evitar danos à bomba de óleo é seguir os procedimentos de manutenção indicados pelos fabricantes, respeitando os prazos de revisão preventiva e realizando regularmente a troca do óleo lubrificante conforme especificado no manual do veículo.

Matérias relacionadas

Ofertas Peugeot 208

Mais recentes

Clínica de Serviços Chevrolet

Destaques Mecânica Online

Com a Volvo rumo ao Zero Acidentes – Itapemirim

Avaliação MecOn

FIAT na mão