Mercedes-Benz

Novo Corsa: uma revolução eletrônica

O novo Corsa está equipado com o sistema CAN Bus, uma grande evolução no que diz respeito à arquitetura eletrônica dos automóveis, sendo o primeiro automóvel da linha Chevrolet produzida no Brasil a contar com este recurso.

Trata-se de uma rede de comunicação de dados local, só utilizada atualmente pela linha Chevrolet no modelo Omega importado.

A comunicação entre os diversos módulos eletrônicos é acompanhada por meio de um módulo de controle de carroceria (“Body Computer Module” ou BCM) que, na verdade, controla praticamente todos os sistemas eletrônicos do veículo e se comunica com todos os demais módulos existentes, como por exemplo o módulo de controle do motor e o sistema “Autoclutch”.

O BCM é uma espécie de cérebro eletrônico, responsável pelo controle da iluminação externa (faróis, lanternas, setas e pisca-alerta), da iluminação interna (luz de cortesia com acendimento e desligamento progressivos, como no Vectra, Astra e Zafira) e do sistema limpador e lavador dos vidros.

Além disso, os sistemas de travamento elétrico e alarme, quando disponíveis, também são controlados pelo BCM.

Sobre as funções controladas pelo BCM, destacam-se:

• O travamento automático das portas assim que o carro atinge a velocidade de 15 km/h. Este valor pode ser alterado, ao gosto do cliente, através de um concessionário Chevrolet.

• O sensor de colisão que, em caso de uma batida, destrava todas as portas automaticamente, mesmo nos veículos não equipados com “airbag”.

• A personalização do comportamento do destravamento das portas por meio do controle remoto e do cilindro da porta do motorista e também o tempo de funcionamento contínuo da luz interna de cortesia.

• O destravamento de todas as portas quando se retira a chave do contato.

• Os interruptores de controle de abertura de portas. O primeiro abre ou fecha as portas do veículo quando acionado.

O segundo, disponível somente na versão sedã, destranca o porta-malas. Entretanto, seu acionamento só é interpretado quando a velocidade do veículo for zero km/h e as portas estiverem destravadas, garantindo assim a integridade do conteúdo do porta-malas.

• O sistema limpador e lavador do pára-brisa possui um atraso proposital de 0,5 segundo entre o acionamento da bomba d’água (lavador) e o início de operação das palhetas (limpador), reduzindo as possibilidades de danos às palhetas e ao vidro, uma vez que a limpeza será realizada com o mínimo de água sobre o mesmo.

• A velocidade intermitente do limpador do pára-brisa pode ser regulada pelo motorista, o qual pode programar o sistema para operar dentro de uma faixa de 0 a 30 segundos, otimizando o funcionamento do sistema sob as mais diversas condições de garoa.

• O limpador traseiro, na versão “hatchback”, é acionado automaticamente caso o limpador dianteiro esteja ligado e a marcha a ré engatada, facilitando a execução das manobras com o veículo.

• O limpador de parabrisas evoluiu tecnicamente e possui um sistema que evita a queima do motor caso o braço do limpador fique travado por um certo período. O mesmo sistema também existe no sistema limpador traseiro na versão “hatchback” 5 portas.

Painel: acesso fácil a muitas informações

Os instrumentos do painel compreendem um módulo de circuito eletrônico montado numa única placa de componentes, controlados por um micro processador integrado, programável na linha de montagem.

Todos os instrumentos (velocímetro, tacômetro, indicador de temperatura e indicador de combustível) são acionados pelo circuito eletrônico, que recebe informação dos diversos sensores, e através do tratamento adequado dos sinais provê informação aos respectivos indicadores.

O circuito eletrônico permite indicações com amortecimento suficiente para eliminar as indesejáveis oscilações de ponteiro como, por exemplo, a indicação de combustível em situações de curvas ou acelerações bruscas.

Outra novidade no painel é a indicação de necessidade do serviço. Quando o veículo atingir a marca de 15.000 quilômetros ou 52 semanas – o que ocorrer primeiro – a indicação “Insp” aparecerá no hodômetro, alertando para a realização da primeira revisão obrigatória do veículo.

Ela permanece por 7 segundos após ligar-se a chave de ignição. Em seguida, o hodômetro parcial retorna no display.

Outra novidade é o mostrador de informação tripla (TID), instalado na parte superior do cockpit, que apresenta as seguintes informações em setores distintos: relógio, temperatura externa e data – esta última é substituída pela freqüência de estação de rádio, quando ele estiver ligado.

Duas teclas localizadas à direita do mostrador permitem o ajuste do relógio.

O fechamento e a abertura expressa é uma característica de conforto do módulo de controle dos vidros que permite o total fechamento ou abertura dos vidros com um toque apenas no interruptor sem que seja necessário manter-se o comando acionado até o final da operação.

O usuário simplesmente deve pressionar o interruptor por um pequeno período de tempo de forma que o sistema possa entender sua intenção e automatizar a operação.

Por outro lado, caso deseje-se interromper o movimento expresso basta um novo toque nos interruptores (em qualquer sentido) que a operação é cancelada.

A proteção anti-esmagamento impede que os vidros esmaguem ou prendam qualquer obstáculo (como a mão de uma pessoa, por exemplo) durante o fechamento.

Se um obstáculo é interposto entre o vidro e a canaleta, o sistema automaticamente interromperá e inverterá o movimento de subida de modo a preservar a integridade física dos ocupantes.

Uma outra característica do módulo de controle dos vidros destina-se a proporcionar uma operação customizada em relação a ruído.

Quando qualquer vidro é acionado, utilizando a abertura expressa, ele pára poucos milímetros antes de se atingir o batente inferior.

Esta medida visa evitar o incômodo ruído emitido quando os vidros chegam ao limite inferior do seu curso.

Ao acionar novamente o interruptor de comando dos vidros na posição abertura, o mesmo se movimenta até o fim de curso, permitindo uma abertura total da janela.

As baterias, por sua vez, possuem um novo sistema de fixação, sem retentores e parafusos avulsos agregados à bandeja (estes componentes já fazem parte do conjunto da bandeja).

Elas possuem de 36 amperes (motores 1.0 litro sem aquecedor) a 45 amperes (todos motores 1.0 com aquecedor e sem condicionador de ar e 1.8 litro sem condicionador de ar) e 55 amperes (todos com condicionador de ar).

Vidros, portas e sensor de inclinação-Outra característica implementada neste módulo é o fechamento automático dos vidros por meio de um simples toque no controle remoto da chave, seguindo o mesmo funcionamento do Astra, Vectra e Zafira.

O alívio interno de pressão facilita o fechamento das portas. Quando qualquer porta é aberta um dos vidros dianteiros (alternados a cada ciclo) é aberto aproximadamente 30 milímetros.

O Corsa incorpora um sistema de trava e alarme equipado também com sensor de colisão. Em caso de uma batida, todas as portas são automaticamente destravadas, mesmo nos veículos não equipados com “airbag”.

Voltando a falar do BCM, graças a ele, há o monitoramento de algumas funções do veículo para reduzir as possibilidades de descarga da bateria.

A porta aberta dispara, automaticamente, um aviso sonoro para alertar o motorista, caso o mesmo esqueça os faróis e lanternas ligados e/ou a chave ao contato.

O sistema ainda controla o consumo da bateria, desligando automaticamente a luz interna de cortesia, quando o motorista a esquece acesa.

Sistema de som inédito no Brasil-O sistema de áudio incorpora muitos avanços no mercado brasileiro, como o exclusivo rádio Double DIN (tamanho dobrado em relação ao convencional) – o novo Corsa é o primeiro automóvel brasileiro a utilizar este conceito –, projetado para oferecer mais recursos e para dificultar roubos e sua reutilização.

Outra novidade na linha Chevrolet é o rádio “dual play-back”, que incorpora na mesma unidade, além da recepção AM/FM e a reprodução de fitas-cassete, uma disqueteira integrada (“in dash”) no próprio rádio, com capacidade para 6 CDs, eliminando o inconveniente de se ter de manusear os CDs no compartimento do porta-malas.

O sistema de som oferece várias outras características programáveis, a exemplo do aumento de volume automático proporcional ao aumento de velocidade do veículo, RDS (Radio Data System) que recebe mensagens de texto transmitidas por algumas emissoras de rádios no display –, e o conhecido Locktronic Code (código de segurança do rádio), dentre outras.

Equipe Mecânica Online®https://www.mecanicaonline.com.br
Um dos principais portais quando o assunto é mecânica na internet brasileira, o Mecânica Online® é feito por você! Através de nosso público procuramos cada vez mais oferecer um conteúdo que leve sempre o nosso principal objetivo: mecânica do jeito que você entende.
- Publicidade - Casa Scania

Notícias relacionadas

Cursos Mecânica Online

Oportunidade para você entender como o automóvel funciona, seus recursos e tecnologias. Participe de nossos cursos gratuitos!

- Publicidade - Casa Scania

Mais recentes

- Publicidade - Mercedes-Benz
Cursos Mecânica Online®

Lançamento

Truck

Motocicleta

Avaliação