segunda-feira, 4 março , 2024
28 C
Recife

Honda lança linha 2002 do Civic

Sucesso de vendas no mercado brasileiro, o Honda Civic 2002 chega este mês à rede de concessionárias de automóveis Honda.

O modelo traz as características que o consagraram líder do segmento dos sedans médios, no período de janeiro a julho de 2001.

Um dos maiores sucessos mundiais da Honda, o Civic foi totalmente reprojetado, em sua sétima geração, e lançado no mercado brasileiro em dezembro de 2000, simultaneamente ao lançamento no Japão e nos Estados Unidos.

Os números de vendas e a forte presença do modelo nas ruas comprovam que sua total reestilização, o aumento da potência, a excelente relação custo/benefício, entre outros aspectos, foram ao encontro das necessidades e do gosto dos brasileiros.

O Civic oferece um conjunto altamente competitivo, além de design moderno e vários equipamentos de série, como airbag duplo, direção hidráulica, ar condicionado, sistema de som AM/FM com CD player, trio elétrico e vidros verdes com filtro UV.

Dotado de excelente espaço interno e muito conforto — com destaque para o exclusivo assoalho traseiro plano, uma inovação na categoria —, o Civic possui grande capacidade para bagagens, com porta-malas de 402 litros.

O design apresenta um toque de esportividade e robustez, com linhas atuais e marcantes, resultando em um conjunto harmônico, que se destaca pela beleza e modernidade. No interior, a qualidade do acabamento é uma das principais características.

O painel de instrumentos é completo e conta com velocímetro, tacômetro e medidor de combustível, além de hodômetro parcial e total em cristal líquido.

Há também diversos avisos luminosos, como das portas e do porta-malas aberto, de advertência do nível de combustível na reserva e da não utilização do cinto de segurança pelo motorista.

Entre os itens de conforto, o Civic possui botão de abertura do vidro do motorista iluminado, luz de leitura dianteira, porta-objetos nas portas dianteiras, porta-copos dianteiros (dois) e traseiro (um, na versão EX), regulagem de altura do assento do motorista, alavanca interna de abertura do porta-malas e do bocal de abastecimento e desembaçador do vidro traseiro.

Um diferencial da versão EX é o piloto automático, com botões de controle junto ao volante.

A segurança continua sendo um dos pontos fortes do modelo, que é equipado com cintos de segurança de três pontos dianteiros e laterais traseiros com tensionadores automáticos — acionados em conjunto com o airbag — travas de segurança das portas traseiras e sistema automático antiesmagamento no vidro do motorista.

Alta performance-O excelente desempenho do Civic é garantido por seu motor 1.7 com bloco e cabeçote em alumínio, leve, compacto, silencioso e econômico. Na versão LX, a potência é de 115 cv a 6.100 rpm e o torque de 15,2 kgfm a 4.500 rpm.

Para a versão EX, o motor conta com a exclusiva tecnologia Honda VTEC, um sistema de variação da abertura de válvulas eletronicamente controlado. Com isso, a potência passou para 130 cv a 6.300 rpm e o torque para 15,8 kgfm a 4.800 rpm.

Quando a avançada suspensão dianteira McPherson — com desenho exclusivo, especialmente desenvolvido para o Honda Civic — foi incorporada à sétima geração, os engenheiros buscavam diminuir as dimensões externas do carro mantendo um interior espaçoso e preservando a ótima dirigibilidade.

Com isso, 15 mm no comprimento total do carro foram diminuídos e o espaço interno para pernas no banco traseiro aumentou em 25 mm.

Essa suspensão, em conjunto com a traseira do tipo Double Wishbone, também mais compacta, oferece estabilidade e conforto, reduzindo impactos e proporcionando melhor performance em curvas.

O sistema de freios é composto por disco na frente e tambor atrás. A versão EX conta com ABS (Antilock Brake System) e EBD (Electronic Brake Distribution).

Líder de vendas-Nas vendas acumuladas de janeiro a julho deste ano, o Civic foi o sedan médio mais vendido em sua categoria, no atacado e varejo — 14.381 e 14.116 unidades, respectivamente —, ficando à frente de tradicionais concorrentes do mercado.

A previsão da Honda para 2001 é produzir 25 mil unidades do modelo, para o mercado interno, registrando um aumento de 27% com relação a 2000 (20.568 veículos).

O modelo está disponível em quatro versões (LX MT, LX AT, EX MT e EX AT) e nas cores Branco Taffetá e Vermelho Milano (sólidas), Dourado Titanium, Grafite Alumi e Prata Satin (metálicas), Preto Granada (perolizada), além das novas Verde Vermont e Azul Adriático (perolizadas). Outra novidade são os espelhos retrovisores pintados na cor do veículo, agora em todas as versões.

O lançamento do Honda aconteceu em agosto, mas devido ao processo de modificações do site, só agora estamos divulgando o material, para efeito de conhecimento, por parte dos nossos internautas.

Matérias relacionadas

Mais recentes

Destaques Mecânica Online

Avaliação MecOn