segunda-feira, 26 fevereiro , 2024
28 C
Recife

Inaugurado primeiro Centro de Pesquisa de Acidentes da Volvo fora da Suécia

A Volvo Car Corporation vai inaugurar o Centro de Pesquisas de Acidentes da Tailândia no dia 26 de fevereiro de 2003 (próxima quarta-feira), com a presença do rei da Suécia Carlos Gustavo XVI.

O objetivo é ajudar na redução do número de vítimas fatais em acidentes de trânsito naquele país.

As estatísticas oficiais revelam que 14.000 pessoas morrem em acidentes de trânsito na Tailândia todos os anos. Porém, outros dados estatísticos revelam que o número real pode ser muito maior: cerca de 30.000.

“Um dos maiores problemas da Tailândia é a imensa variedade de veículos e condições das estradas. Muitas pessoas não contam com nenhum tipo de proteção, viajando sentadas na caçamba de caminhões ou em número de quatro numa motocicleta. Pedestres e ciclistas também competem pelo mesmo espaço. Quando um acidente ocorre, as conseqüências, em geral, são trágicas para um grande número de pessoas”, explicou o gerente de projeto Hans Norin.

Por meio da coleta sistemática de dados, o centro de pesquisa poderá obter um panorama dos tipos de acidentes mais comuns e dos mais graves – fatos que as autoridades do país vão utilizar em planejamentos futuros.

O objetivo é fazer com que uma nova legislação e campanhas informativas tomem como base os dados do centro.

A operação tailandesa vai diferir bastante da Volvo Cars Accident Research Commission na Suécia, que vem investigando acidentes, envolvendo carros da Volvo, há mais de 30 anos, e que reuniu um enorme banco de dados tirados de acidentes reais.

Na Tailândia, a operação de pesquisa terá interesse igual em todos os veículos de todas as marcas – inclusive motocicletas, ônibus, caminhões e carros.

“Nosso objetivo é compartilhar o conhecimento especializado que acumulamos, e não dirigir a operação em prol de nós mesmos. Portanto, a longo prazo, o objetivo da Volvo Car é se retirar do TARC. Este centro de pesquisa pertencerá e será dirigido por tailandeses”, informou Norin.

O Centro de Pesquisas de Acidentes da Tailândia, conhecido pela sigla TARC (Thailand Accident Research Center), foi financiado conjuntamente pela Volvo Cars (42%), o Departamento de Estradas da Tailândia (35%) e Parceria Global de Segurança nas Estradas (23%).

Esta última (Global Road Safety Partnership), é uma organização criada pelo Banco Mundial, que se dedica a questões que promovam a segurança no trânsito, tendo como foco o terceiro mundo.

O escritório do TARC vai funcionar no prédio do Instituto Asiático de Tecnologia, em Bangcoc.Mecânica Online & Imprensa Volvo Cars

Matérias relacionadas

Mais recentes

Destaques Mecânica Online

Avaliação MecOn